Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Cine Clássicos: Especial Mês das Bruxas: O Corcunda de Notre Dame

Em 1923, Lon Chaney estrela a primeira (e melhor) versão da obra de Victor Hugo. 

Sinopse:
Produção da era silenciosa que adapta o clássico de Victor Hugo. Chaney está no papel de Quasimodo, o tocador de sino da Catedral de Notre Dama, desafortunadamente deformado. Ele se apaixona por Esmeralda, uma jovem e bela dançarina cigana, logo depois que ela lhe deu água quando ele estava apanhando em praça pública. as o gesto fora apenas por comiseração. Ainda assim, Esmeralda mais tarde é acusada de trair e esfaquear seu amado. Por isso ela é torturada e sentenciada à morte. Quasimodo é quem vai resgata-la nas escadarias de Notre Dame.


Primeira versão da obra de Victor Hugo, ainda causa enorme impacto pela impressionante caracterização de Chaney como o apaixonado Quasimodo. Sua presença é inegavel valor historico ao filme. Feito na época do cinema mudo, com uma trilha sonora feita somente posteriormente.

Nenhum comentário: