Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio e Diretor de Comunicação e Informática do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já mais de 100 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento, Cinesofia e Teoria Geek. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024

Cine Dica: Miyazaki e Sissako em cartaz ( 22 a 28 de fevereiro)

 PROGRAMAÇÃO CINEMATECA CAPITÓLIO 22 a 28 de fevereiro de 2024

NOVO FILME DE MIYAZAKI EM CARTAZ

O Menino e a Garça, o mais novo filme de Hayao Miyazaki, grande mestre da animação japonesa, entra em cartaz na Cinemateca Capitólio na quinta-feira, 22 de fevereiro. O valor do ingresso é R$ 16,00.


http://www.capitolio.org.br/eventos/6966/o-menino-e-garca/


ABDERRAHMANE SISSAKO EM EXIBIÇÃO

A Cinemateca Capitólio exibe a partir de sexta-feira, 23 de fevereiro, Esperando a Felicidade (2002), obra aclamada do mauritano Abderrahmane Sissako, um dos grandes nomes do cinema contemporâneo. Apoio da Cinemateca da Embaixada da França e do Institut Français. O valor do ingresso é R$ 10,00.


Mais informações: http://www.capitolio.org.br/eventos/6968/esperando-a-felicidade/


GRADE DE HORÁRIOS

22 a 28 de fevereiro de 2024


22 de fevereiro (quinta-feira)

15h – Onde fica Esta Rua? ou Sem Antes nem Depois

19h – O Menino e a Garça


23 de fevereiro (sexta-feira)

15h – Fogo-Fátuo

17h – Esperando a Felicidade

19h – O Menino e a Garça


24 de fevereiro (sábado)

15h – Onde fica Esta Rua? ou Sem Antes nem Depois

17h – Esperando a Felicidade

19h – O Menino e a Garça


25 de fevereiro (domingo)

15h – Fogo-Fátuo

17h – Esperando a Felicidade

19h – O Menino e a Garça


27 de fevereiro (terça-feira)

15h – Onde fica Esta Rua? ou Sem Antes nem Depois

17h – Esperando a Felicidade

19h – O Menino e a Garça


28 de fevereiro (quarta-feira)

15h – O Ornitólogo

17h – Esperando a Felicidade

19h – O Menino e a Garça

Cine Dica: CINEMATECA PAULO AMORIM - PROGRAMAÇÃO DE 22 A 28 DE FEVEREIRO DE 2024

 SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

Eu, Capitão

Nossa nova cinesemana traz a estreia do premiado longa brasileiro LEVANTE, da diretora Lillah Halla, que leva para a ficção o sempre relevante tema do aborto na sociedade brasileira. Outro destaque é o longa italiano EU, CAPITÃO, nova produção do diretor Matteo Garrone e que concorre ao Oscar de melhor filme internacional. O filme terá uma sequência de sessões antecipadas em pré-estreia durante esta semana.

Também segue com mais uma semana de sessões antecipadas o longa DIAS PERFEITOS, de Wim Wenders, que encontrou um público entusiasmado aqui na Cinemateca Paulo Amorim.

Entre os títulos que continuam em cartaz, com boa receptividade nas salas, estão MONSTER, do diretor japonês Kore-Eda, o drama romântico VIDAS PASSADAS, de Celine Song (um dos dez indicados ao Oscar de melhor filme em 2024) e o intenso épico histórico OS COLONOS, sobre a colonização chilena.


Confira nossa programação completa e portal do cinema gaúcho em www.cinematecapauloamorim.com.br


SALA PAULO AMORIM


14h45 – VIDAS PASSADAS Assista o trailer aqui.

(Past Lives - Estados Unidos/Coreia do Sul, 2023, 105min). Direção de Celine Song, com Greta Lee, Teo Yoo, John Magaro. California Filmes, 12 anos. Drama.

Sinopse: Nora e Hae Sung eram amigos muito próximos na infância, até que a família dela decidiu emigrar para o Canadá. Doze anos depois, eles se reencontram virtualmente e percebem que ainda têm muitas coisas em comum. Depois de mais alguns anos, finalmente, eles ficam frente à frente e têm a chance de confrontar noções de destino, amor e as escolhas que fizeram na vida.


16h45 – DIAS PERFEITOS – PRÉ-ESTREIA Assista o trailer aqui.

(Perfect Days – Japão/Alemanha, 2023, 125min). Direção de Wim Wenders, com Koji Yakusho, Min Tanaka, Arisa Nakano, Tokio Emoto. O2 Play/Mubi, 14 anos. Drama.

Sinopse: Hirayama vive em Tóquio e é responsável pela limpeza de vários banheiros públicos. Além do trabalho modesto, ele preenche seus dias com a paixão pela música, pelos livros e pela fotografia de árvores. Hirayama parece perfeitamente feliz com sua rotina metódica, mas alguns encontros inesperados trazem revelações surpreendentes sobre o passado do protagonista. O filme estreou no Festival de Cannes, onde recebeu os prêmios do júri ecumênico e melhor ator para Koji Yakusho, e é um dos cinco indicados ao Oscar de filme internacional.


19h – EU, CAPITÃO – PRÉ-ESTREIA - (NÃO HAVERÁ SESSÃO NA TERÇA, DIA 27) Assista o trailer aqui.

(Io Capitano – Itália/Bélgica/França, 2023, 121min). Direção de Matteo Garrone, com Seydou Sarr, Moustapha Fall, Issaka Sawadogo. Pandora Filmes, 14 anos. Drama.

Sinopse: Seydou e Moussa são dois adolescentes senegaleses que partem do Dakar rumo à Europa, protagonizando uma odisseia contemporânea que tem como objetivo uma vida melhor. No caminho, eles enfrentam todos os obstáculos possíveis: o mar, o deserto, os animais e os seres humanos. Premiado no Festival de Veneza como melhor diretor, Matteo Garrone construiu seu filme a partir dos relatos de adolescentes que vivem em um centro de acolhimento em Catânia, na Itália. O filme é um dos cinco indicados ao Oscar de filme internacional.


SALA EDUARDO HIRTZ


15h15 – MONSTER Assista o trailer aqui.

(Kaibutsu - Japão, 2023, 125min). Direção de Hirokazu Kore-eda, com Ando Sakura, Soya Kurokawa, Eita Nagayama. Imovision, 12 anos. Drama.

Sinopse: Uma mãe percebe que seu filho está se comportando de maneira estranha e tenta descobrir os motivos. Pelo relato do menino, tudo indica que um dos seus professores é o responsável. A mãe vai à escola e exige uma explicação – enquanto isso, a verdade começa a surgir junto com as versões de todos os envolvidos. O filme foi o vencedor do prêmio de melhor roteiro no Festival de Cannes em 2023.


17h30 – LEVANTE - ESTREIA Assista o trailer aqui.

(Brasil/França/Uruguai, 2023, 100min). Direção de Lillah Halla, com Ayomi Domenica, Grace Passô, Loro Bardot, Onna Silva. Lira Filmes/Vitrine Filmes, 14 anos. Drama.

Sinopse: Às vésperas de um campeonato de vôlei decisivo para seu futuro como atleta, Sofia, de 17 anos, descobre uma gravidez indesejada. Na tentativa de fazer um aborto, ela acaba se convertendo em alvo de um grupo fundamentalista decidido a detê-la a qualquer preço. Mas Sofia conta com o apoio da família e do seu time para enfrentar o grupo e decidir o que é melhor para ela neste momento. O filme, que abriu o Frapa em novembro passado, ganhou os prêmios de melhor direção e montagem no Festival do Rio 2023.


19h30 – LEVANTE - ESTREIA - (NÃO HAVERÁ SESSÃO NA TERÇA E NA QUARTA, DIA 27 E 28)

(Brasil/França/Uruguai, 2023, 100min). Direção de Lillah Halla, com Ayomi Domenica, Grace Passô, Loro Bardot, Onna Silva. Lira Filmes/Vitrine Filmes, 14 anos. Drama.

Sinopse: Às vésperas de um campeonato de vôlei decisivo para seu futuro como atleta, Sofia, de 17 anos, descobre uma gravidez indesejada. Na tentativa de fazer um aborto, ela acaba se convertendo em alvo de um grupo fundamentalista decidido a detê-la a qualquer preço. Mas Sofia conta com o apoio da família e do seu time para enfrentar o grupo e decidir o que é melhor para ela neste momento. O filme, que abriu o Frapa em novembro passado, ganhou os prêmios de melhor direção e montagem no Festival do Rio 2023.


SESSÃO ACCIRS

TERÇA, DIA 27, ÀS 19h30 – ENTRADA FRANCA


GLAUCO DO BRASIL

(Brasil, 2015, 90min). Documentário de Zeca Brito.

Sinopse: O filme recupera a trajetória do artista Glauco Rodrigues (1929-2004), que nasceu em Bagé e se transformou em um dos principais pintores da Pop Art na América Latina. O documentário destaca a história e o legado de Glauco por meio de entrevistas, registros de arquivo e imagens dos cenários nos quais o pintor viveu e se inspirou. A sessão será comentada pela jornalista Fatimarlei Lunardelli, que assina o texto sobre o filme no livro “50 Olhares da Crítica sobre o Cinema Gaúcho” lançado pela Associação de Críticos do Cinema do RS em 2022.


SALA NORBERTO LUBISCO


15h – TODO MUNDO AMA JEANNE Assista o trailer aqui.

(Tout Le Monde Aime Jeanne – França/Portugal, 2022, 95min). Direção de Céline Devaux, com Blanche Gardin, Laurent Lafitte. Imovision, 14 anos. Comédia dramática.

Sinopse: Jeanne não está em um bom momento da vida. Seu principal projeto fracassou, ela ficou com muitas dívidas, o namoro terminou e a mãe morreu recentemente. Tudo que lhe restou foi um apartamento, que a mãe deixou de herança em Lisboa – e que Jeanne precisa vender com urgência. No aeroporto, antes de embarcar no voo de Paris para Lisboa, acontece um reencontro inusitado com Jean, um antigo colega de escola que Jeanne nem lembrava que existia.


17h – MEU AMIGO ROBÔ Assista o trailer aqui.

(Robot Dreams - Espanha/França, 2019, 102min). Animação de Pablo Verger. Imovision, 10 anos.

Sinopse: Dog vive sozinho em Manhattan e resolve comprar um robô para lhe fazer companhia. Os dois se tornam grandes amigos e aproveitam o verão em vários passeios pela cidade, ao som do clássico pop “September”, da banda Earth, Wind & Fire. Mas, na última noite do verão, Dog é obrigado a deixar o Robô em uma praia, de onde ele só poderá sair no próximo ano – se a amizade dos dois resistir. O longa é uma adaptação da HQ americana "Robot Dreams", de Sara Varon, e é um dos cinco títulos indicados ao Oscar de melhor animação.


19h15 – OS COLONOS – (NÃO HAVERÁ SESSÃO NA QUINTA, DIA 22) Assista o trailer aqui.

(Los Colonos - Chile/Argentina/Reino Unido, 2023, 100min). Direção de Felipe Gálvez, com Alfredo Castro, Sam Spruell, Mark Stanley, Mariano Llinás. O2 Play/Mubi, 16 anos. Drama.

Sinopse: No início do século XX, um rico fazendeiro da Terra do Fogo, no inóspito sul chileno, contrata um tenente britânico e um mercenário norte-americano para protegerem sua propriedade. Junto com eles vêm o mestiço Segundo, um exímio atirador, que acaba testemunhando um dos maiores massacres à população indígena do Chile. Elogiado relato sobre a colonização e o nascimento das fronteiras ao sul da América Latina, o filme ganhou o prêmio Fipresci no Festival de Cannes e foi indicado pelo Chile na disputa pelo Oscar de filme internacional.


SESSÃO ESPECIAL

QUINTA, DIA 22, ÀS 19h30 – ENTRADA FRANCA


BLUES AND ROLL, É PRA LÁ QUE VOU

(Brasil, 2023, 25min). Direção de Juliano Rosa.

Sinopse: documentário sobre a banda gaúcha Hard Blues Trio, realizado durante sua última turnê e com registros da gravação do videoclipe “É pra lá que eu Vou”. O filme abre a temporada 2024 do projeto Cinema Musical Gaúcho, que apresenta filmes sobre a música do RS.


PREÇOS DOS INGRESSOS:

TERÇAS, QUARTAS e QUINTAS-FEIRAS: R$ 14,00 (R$ 7,00 – ESTUDANTES E MAIORES DE 60 ANOS). SEXTAS, SÁBADOS, DOMINGOS, FERIADOS: R$ 16,00 (R$ 8,00 - ESTUDANTES E MAIORES DE 60 ANOS). CLIENTE BANRISUL: 50% DE DESCONTO EM TODAS AS SESSÕES MEDIANTE PAGAMENTO COM O CARTÃO DO BANCO.

Estudantes devem apresentar Carteira de Identidade Estudantil.

Outros casos: conforme Lei Federal nº 12.933/2013.

A meia-entrada não é válida em festivais, mostras e projetos que tenham ingresso promocional. Os descontos não são cumulativos. Tenha vantagens nos preços dos ingressos ao se tornar sócio da Cinemateca Paulo Amorim. Entre em contato por este e-mail ou pelos telefones: (51) 3136-5233, (51) 3226-5787.


Acesse nossas plataformas sociais:

https://linktr.ee/cinematecapauloamorim

Cine Dica: PROGRAMAÇÃO CINEBANCÁRIOS DE 22 A 28 DE FEVEREIRO DE 2024

 ESTREIAS:

LEVANTE

Brasil, França e Uruguai/Ficção/ 2022/92min.

Direção: Lillah Halla

 Exibido no Festival de Cannes em 2023, onde foi premiado com Melhor Filme de Estreia nas mostras paralelas do Festival de Cannes 2023, LEVANTE também recebeu o Prêmio WIP Paradiso, Prêmio Canal+, Prêmio CICAE no Cine en Construcción – Cinelatino Toulouse 2023, além da participação em inúmeros festivais internacionais. O filme é estrelado por Domenica Dias, filha do rapper Mano Brown.

Sinopse: Às vésperas do campeonato de vôlei decisivo para seu futuro como atleta, Sofía (17), descobre uma gravidez indesejada. Na tentativa de interrompê-la clandestinamente, ela acaba se convertendo em alvo de um grupo fundamentalista decidido a detê-la a qualquer preço, mas nem Sofía nem aqueles que a amam estão dispostos a se render ante o fervor cego da manada.

Elenco: Ayomi Domenica, Loro Bardot, Grace Passô


SERVIDÃO

Brasil/Documentário/82min

Direção: Renato Barbieri

Servidão foi premiado como “Melhor Longa Metragem Documental” no 15ª Trinidad+Tobago Film Festival de Port of Spain, em Trinidad and Tobago, e “Grande Prêmio Juri Popular ” no 22º Rencontres du cinéma Sud-américain, de Marselha , França. O filme tem a participação de Leonardo Sakamoto e narração de Negra Li

Sinopse:  Longa documental sobre o trabalho escravo contemporâneo com foco na Amazônia brasileira. Foram ouvidos trabalhadores rurais que foram escravizados em frentes de desmatamento no Norte do Brasil e abolicionistas contemporâneos de diferentes vertentes. Embora as condições de trabalho análogas à de escravo sejam consideradas crime previsto pelo Código Penal Brasileiro, o regime da servidão é praticado no Brasil desde sempre, há cinco séculos. A Lei Áurea aboliu a escravidão clássica, mas não transformou as relações de trabalho no Brasil, que perduraram. Com narração de Negra Li, o documentário é um contundente registro sobre uma das maiores mazelas do Brasil.

Elenco: Marinaldo Soares Santos, Negra Li, Dodô Azevedo, Rafael Sanzio dos Anjos, Alberto da Costa e Silva, Ana Maria Gonçalves, Marcelo Gonçalves Campos, Victor Leonardi, Leonardo Sakamoto, Gladyson Pereira, Luis Camargo de Melo, Ricardo Rezende Figueira, Ela Wiecko, João Roberto Ripper, Fabrícia Carvalho, Cláudio Secchin, Binka Le Breton, Gildásio Silva Meireles, Sebastião Gonçalves, Aldemir Pereira, Xavier Plassat, Carlos Haddas, Lelio Bentes, Antônio Mello, Valderez Monte, Calisto Torres, Rachel Cunha, André Roston, Bené Florindo, Jônatas Andrade, José Marcelino, Caio Magri, Kailash Satyarthi e Paulo Paim.

                Horários de 22 a 28 de fevereiro (não há sessões nas segundas-feiras):


15h: LEVANTE

17h: SERVIDÃO

19h: LEVANTE


Ingressos: Os ingressos podem ser adquiridos a R$ 12 na bilheteria do CineBancários. Idosos (as), estudantes, bancários (as), jornalistas sindicalizados (as), portadores de ID Jovem e pessoas com deficiência pagam R$ 6. São aceitos cartões nas bandeiras Banricompras, Visa, MasterCard e Elo. Na quinta-feira, a meia-entrada é para todos e todas.


CineBancários

Rua General Câmara, 424 – Centro – Porto Alegre

Mais informações pelo telefone (51) 3030.9405 ou pelo e-mail cinebancarios@sindbancarios.org.br

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

Cine Dica: Streaming - 'Nimona'

Sinopse: Um cavaleiro é acusado de um crime que não cometeu, e a única pessoa que pode ajudá-lo a provar sua inocência é Nimona, uma adolescente que muda de forma e que também pode ser um monstro que ele jurou matar.

Nos últimos tempos, seja em filme de drama ou de aventura, a representatividade se faz constante em produções que falam sobre direito de igualdade e alinhado com a superação perante os obstáculos. No caso das animações isso é explorado por décadas, pois basta pegar os filmes da Pixar/Disney para termos uma vaga ideia. Porém, devido a um certo conservadorismo, parece que a casa do Michey ignorou o projeto "Nimona" (2023) que fala de todos esses temas específicos, mas mas pelo visto se acovardaram.

Adotado pela Neflix, e dirigido por Nick Bruno e Troy Quane,  animação é baseada no graphic novel de N. D. Stevenson, onde testemunhamos Ballister Boldheart (Riz Ahmed), um cavaleiro que é menosprezado por não ter status da realeza e ser acusado injustamente por um crime que não cometeu. Para provar sua inocência, a única esperança do homem é aceitar a ajuda de Nimona (Chloë Grace Moretz), uma jovem transmorfa, da qual tem muitos segredos escondidos e nos plantando a dúvida sobre as suas reais intenções com relação ao reino.

Visualmente o filme é um colírio para os olhos, onde animação tradicional, alinhada com animação computadorizada cria um visual único e poucas vezes vistos no cinema. Além disso, o reinado onde se passa a trama principal é algo raro de se ver, já que é um universo de fantasia medieval, mas que se mistura com a tecnologia de ponta e fazendo da temática algo até mesmo incomum. A última vez que eu vi algo parecido foi também na animação "Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica" (2020), que possui uma proposta parecida, mas ambas as tramas caminhando de forma distinta.

Claro que o filme pode espantar o olhar mais conservador para aqueles que procuram algo mais tradicional, já que o protagonista é um caso raro de herói de aventura pertencente ao mundo LGBT mas tratado aqui da maneira como deveria ser, de forma simples e extremamente humana. Porém, o filme é recheado sobre temas que vai desde ao preconceito por ser diferente, como também sobre como até que ponto a desinformação pode desarmonizar uma população.

Nimona é uma personagem cativante, cheia de energia e disposta em derrubar o sistema da realeza. Assim como o protagonista ficamos nos perguntando o do porque ela desejar isso, cuja as respostas vem aos poucos mas jamais de imediado. Quando as respostas chegam tudo flui perfeitamente, fazendo com que nos simpatizemos ainda mais por essa pequena personagem, pois uma vez ou outra ao longo de nossas vidas sempre passamos pela prova difícil de sermos aceitos, mas cujo o medo fecha diversas portas. Neste último caso isso nos transmite assuntos diversos, que são discutidos e que se encontram mais atuais do que nunca.

Em um determinado momento, por exemplo, os protagonistas centrais tentam denunciar o verdadeiro vilão da trama com um vídeo, que por sua vez é modificado para confundir a população e fazendo a mesma não saber ao certo em que acreditar. Ponto para a produção que fez sintetizar os tempos atuais em que vivemos, dos quais convivemos cada vez mais com fake news e fazendo as pessoas não aceitaram mais os verdadeiros fatos. Uma forma inteligente de convidar as pessoas de todas as idades para debater e pensar sobre isso, pois já se foi o tempo que a verdade não é mais o suficiente por uma parcela do público.

O filme por si só é recheado de momentos emocionantes, seja com relação a verdadeira origem de Nimona quando é apresentada em flashback, como também quando a mesma se entrega ao seu lado mais obscuro devido a dor de ser menosprezada por tudo e a todos. O final por si só engrandece ainda mais essa animação que foi menosprezada pela Disney e que foi merecidamente indicada ao longa de melhor animação para a próxima cerimonia do Oscar. Uma volta por cima mais do que merecida.

"Nimona" é uma fantástica aventura de fantasia e ficção na medida certa e que nos convida para debatermos sobre diversos assuntos que convivemos no nosso dia a dia.

    Onde Assistir: Netflix. 

Faça parte:


Mais informações através das redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/ccpa1948

twitter: @ccpa1948  

Instagram: @ccpa1948 

Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook twitter, Linkedlin Instagram e Tik Tok  

Cine Dica: Sessão Clube de Cinema 24/02/2024 - 'Meu Amigo Robô'

Segue a programação do Clube de Cinema no próximo final de semana.

SESSÃO CLUBE DE CINEMA

Local: Sala Eduardo Hirtz, Cinemateca Paulo Amorim, Casa de Cultura Mario Quintana

Data: 24/02/2024, sábado, às 10:15 da manhã

"Meu Amigo Robô" (Robot Dreams)

Espanha / França, 2023, 102 min, 10 anos


Direção: Pablo Berger

Sinopse: Dog vive sozinho em Manhattan e resolve comprar um robô para lhe fazer companhia. Os dois se tornam grandes amigos e aproveitam o verão em vários passeios pela cidade, ao som do clássico pop “September”, da banda Earth, Wind & Fire. Mas, na última noite do verão, Dog é obrigado a deixar o Robô em uma praia, de onde ele só poderá sair no próximo ano – se a amizade dos dois resistir. O longa é uma adaptação da HQ americana "Robot Dreams", de Sara Varon, e é um dos cinco títulos indicados ao Oscar de melhor animação.



Atenciosamente,

Carlos Eduardo Lersch

Diretor de Programação CCPA.

Faça parte:


Mais informações através das redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/ccpa1948

twitter: @ccpa1948  

Instagram: @ccpa1948 

Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook twitter, Linkedlin Instagram e Tik Tok  

terça-feira, 20 de fevereiro de 2024

Cine Especial: Oscar 2024 - 'Das Lehrerzimmer'

Sinopse: Quando determinadas coisas começam a sumir na escola professora assume a investigação. Porém, os eventos desencadeiam consequências irreversíveis.   

O ambiente de trabalho requer um jogo de cintura, onde nós precisamos saber dançar conforme o tipo de música que é tocada. No caso do ambiente escolar a situação se torna ainda mais desafiadora, pois além das regras do local é preciso lidar com alunos que, por vezes, se tornam mais imprevisíveis do que os próprios adultos que cometem erros. "Das Lehrerzimmer" (2023) é um verdadeiro jogo de gato e rato em pleno ambiente escolar, onde o aprendizado fica em segundo plano e fazendo a gente testemunhar momentos de puro suspense psicológico.

Dirigido por İlker Çatak,  o filme conta a história de Carla (Leonie Benesch), uma professora de matemática e que faz pouco tempo que ingressou na nova escola. Porém, logo após a sua chegada, tem início alguns roubos nas salas de aula e nas salas de reunião dos professores. Ao investigar o caso, Carla obtém provas contra uma funcionária, mas sendo justamente a mãe de seu melhor aluno Oskar (Leonard Stettnisch).

O filme não perde tempo com relação a temática principal da trama, sobre até que ponto devemos julgar uma pessoa sem ao menos tenhamos cem porcento de certeza. Além disso, o filme toca em assuntos espinhosos, pois nos coloca de frente com a protagonista e fazendo com que ela e nós questionemos sobre até que ponto devemos nos entregar ao sistema do nosso ambiente de trabalho e quanto isso pode nos custar para dizer o mínimo. No caso aqui, uma vez se entregando ao sistema para demonstrar bom serviços, acaba tendo que enfrentar as consequências, pois a maneira que as pessoas agem, principalmente quando são acusadas, podem gerar situações sem volta.

O cineasta  İlker Çatak, por sua vez, constrói um cenário de suspense digno de nota, principalmente quando faz com que a câmera se torne o nosso olhar com relação aos eventos que estão acontecendo e fazendo com que caminhemos ao lado da protagonista o tempo todo. Leonie Benesch nos brinda com uma atuação espetacular, sendo que em um primeiro momento o olhar de sua personagem nos passa total controle, para logo em seguida nos transmitir uma confusão mental e da qual ela começa a se desequilibrar em momentos em que ela é colocada na parede, seja pelos seus superiores, pela acusada ou pelos próprios alunos que se veem invadidos pela investigação árdua da escola.

Aliás, é neste ponto que o filme cresce ainda mais, ao apresentar crianças aparentemente inocentes, mas que uma vez sendo coagidas se veem dispostas a enfrentarem o próprio sistema escolar. Curiosamente, o filme adentra em questões que são discutidas hoje em dia, desde a fake news, racismo estrutural e até onde a verdade é o suficiente para satisfazer ambas as partes. Se o ambiente escolar é a base preparatória para a criação de um mundo melhor o nosso futuro, portanto, se torna uma incógnita.

Indicado ao Oscar de Melhor Filme Internacional, "Das Lehrerzimmer" é um retrato pesado do ambiente escolar de hoje em dia, onde um passo em falso pode desencadear eventos em que todos podem ser julgados de uma forma precipitada. 

Faça parte:


Mais informações através das redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/ccpa1948

twitter: @ccpa1948  

Instagram: @ccpa1948 

Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook twitter, Linkedlin Instagram e Tik Tok  

Cine Curiosidade: Uma breve apresentação do Clube de Cinema de Porto Alegre

 

Faça parte:


Mais informações através das redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/ccpa1948

twitter: @ccpa1948  

Instagram: @ccpa1948 

Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook twitter, Linkedlin Instagram e Tik Tok