Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 10 de julho de 2018

Cine Dica: Filme chileno REI estreia dia 12 de julho no CineBancários




Segundo longa do diretor Niles Atallah, vencedor do Prêmio Especial do Júri no Festival de Roterdã e do prêmio do público no FICUNAM, estreia dia 12 de julho no CineBancários, com sessões às 15h e 19h
Dirigido por Niles Atallah (Lucía, 2010), REI fez sua estreia mundial no Festival de Roterdã, onde despertou atenção da crítica por sua ousadia estética e domínio das experimentações. Na ocasião, a revista Variety teceu elogios à obra, considerando-a um dos filmes experimentais mais agradáveis e acessíveis dos últimos anos.
Além de Roterdã, levou o prêmio de melhor filme no Festival de Toulouse e o prêmio do público no FICUNAM. No Brasil, esteve em competitiva no Olhar de Cinema de Curitiba, no Festival Latino de São Paulo e no Panorama Coisa de Cinema, de Salvador.
Uma coprodução entre Chile e França, REI foi filmado na Patagônica chilena e tem diálogos falados em espanhol e mapudungun, língua indígena local.

Sinopse: Em 1860, um aventureiro francês de 35 anos partiu para Araucanía, uma região inóspita no sul do Chile, com o intuito de fundar um reino. Ele partiu com o aval do chefe indígena da região, Mañil. Porém, ao chegar, descobre que este morreu. Sem seu apoio, é preso pelo governo chileno, que vê no estrangeiro um perigo, e tem que justificar sua viagem para não ser preso e exilado.
 
Os ingressos podem ser adquiridos por R$ 12,00 na bilheteria do cinema ou no site ingresso.com . Idosos, estudantes, bancários sindicalizados, jornalistas sindicalizados, portadores de ID Jovem e pessoas com deficiência pagam R$ 6,00. Aceitamos Banricompras, Visa, MasterCard e Elo.

Rey
CHILE, FRANÇA, 2017 | 90 min | Ficção
Direção
Niles Atallah
Roteiro
Niles Atallah
Elenco
Rodrigo Lisboa, Claudio Riveros
Produtora
Lucie Kalmar
Fotografia
Benjamín Echazarreta
Montagem
Benjamin Mirguet
Produção
Diluvio, Mômerade

GRADE DE HORÁRIOS
*Não abrimos segundas-feiras

12 de julho (quinta-feira)
15h – Rei
17h – Auto de Resistência
19h – Rei

13 de julho (sexta-feira)
15h – Rei
17h – Auto de Resistência
19h – Rei

14 de julho (sábado)
15h – Rei
17h – Auto de Resistência
19h – Rei

15 de julho (domingo)
15h – Rei
17h – Auto de Resistência
19h – Rei

17 de julho (terça-feira)
15h – Rei
17h – Auto de Resistência
19h – Rei

18 de julho (quarta-feira)
15h – Rei
17h – Auto de Resistência
19h – Rei

Descoloniza Filmes
A Descoloniza Filmes nasceu em 2017, sob direção de Ibirá Machado, reconhecido por sua experiência na Vitrine Filmes, contribuindo com seu crescimento e consolidação, passando por filmes como O Som ao Redor (Kleber Mendonça Filho, 2013), Frances Ha (Noah Baumbach, 2013), O Abismo Prateado (Karim Aïnouz, 2013) e Las Acacias (Pablo Giorgelli, 2013). Posteriormente, coordenou o lançamento de filmes como Yorimatã (Rafael Saar, 2016), A Morte de J.P. Cuenca (João Paulo Cuenca, 2016), A Loucura Entre Nós (Fernanda Vareille, 2016) e Crônica da Demolição (Eduardo Ades, 2017). Agora com o selo Descoloniza Filmes, distribuiu o argentino Minha Amiga do Parque (Ana Katz, Argentina – 2017), e Híbridos – Os espíritos do Brasil (Priscilla Telmon e Vincent Moon, Brasil/França -2017). Rei é o terceiro lançamento do selo. A Descoloniza é associada desde o princípio ao Lared, associação de distribuidores independentes latinoamericanos.

Contato:
Ibirá Machado
+55.11.99804.4835

C i n e B a n c á r i o s
Rua General Câmara, 424, Centro
Porto Alegre - RS - CEP 90010-230
Fone: (51) 34331204

Nenhum comentário: