Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Cine Dica: A partir de hoje Sala Redenção exibe produções latino-americanas e europeias

Cidadão Ilustre

A semana de 23 a 27 de setembro terá uma das segundas-feiras mais marcantes da história da Sala Redenção. No dia 23, às 18h, o premiado cineasta alemão Werner Herzog  tem encontro marcado com o público do Cinema Universitário para uma conversa com o diretor. O evento, organizado pelo Departamento de Difusão Cultural da UFRGS, em realização com o Goethe-Institut, encerra a mostra que exibiu filmes importantes de sua carreira, como Aguirre – A Cólera dos Deuses  e Fata Morgana e dá início a uma semana de programação intensa na Sala. Entre os destaques da semana, estão os filmes latino-americanos da Mostra RECAM, o Festival Nueva Mirada dedicado a pensar o desenvolvimento educativo, cultural de crianças, adolescentes e jovens, e os longas da Semana das Línguas Europeias, organizado para visibilizar a diversidade cultural a partir do cinema de cada país. 
O documentário brasileiro O Estopim, dirigido por Rodrigo Mac Niven, é o primeiro filme a ser exibido na Recam,  Encontro Especializado de Autoridades Cinematográficas e Audiovisuais do Mercosul. O filme, colaborando com a proposta do ciclo de abordar temas que reflitam as condições do continente sul-americano, explora a problemática da violência policial a partir do caso de Amarildo, morto pela polícia militar em 2013, na Rocinha. Misturando cenas com atores e depoimentos reais, o filme não só investiga o que aconteceu, mas reflete sobre a grave situação do Brasil, um país onde milhares são mortos pela polícia a cada ano.
Ao lado do filme dirigido por Rodrigo, outros dois documentários investigam histórias intrigantes. O longa El Bella Vista, do Uruguai, conta sobre a casa que começou como um clube de futebol, tornando-se um bar-bordel de transexuais e transformando-se em um templo de oração. Já Damiana Kryygi, do Brasil, trata da história real de uma menina indígena de 3 anos que foi capturada em 1896 e teve seu corpo encontrado 100 anos depois. 
Durante a semana, as telas do Cinema Universitário recebem o Festival Nueva Mirada, realizado pelo SESC/RS em parceria coma Sala.  Com sessões sempre às 14h, crianças e jovens poderão conferir filmes da Alemanha, da República Tcheca e do Canadá. Na quinta-feira, 26 de setembro, o filme A História do Queijo e da Cabra dá continuação à animação tcheca mais bem-sucedida de todos os tempos, a Goat Story- Old Prague Legendes (História de cabra – Lendas antigas de Praga). Às 14h, o desenho conta aventura das crianças Zuzanka e Honzik, junto com Goat, a cabra, para salvar seus pais, que aparentemente foram presos em um castelo onde o conselheiro do rei obriga-os a fabricar queijo.  
Transitando entre produções de diferentes nacionalidades, a Sala recebe a  Semana das Línguas Europeias, uma atividade do projeto Semanas Internacionais, realizado pela Prefeitura de Porto Alegre. A mostra traz filmes de seis países do continente europeu, cada um apresentando uma sessão com uma produção cinematográfica contemporânea do lugar. O país estreante é a Itália, no dia 26, às 19h, com o filme Puccini e la Fanciulla. Na sequência, no dia 27, é a vez do consulado da Suíça de exibir o filme Minha Vida de Abobrinha, escolhido para representar o país no Cinema Universitário.   
O Cinema conta, ainda, com a sessão do longa argentino O Cidadão Ilustre, promovida pela UNAPI (Universidade Aberta para Pessoas Idosas) no dia 25, quarta-feira, às 19h. A trama é a de um escritor argentino, vencedor do Prêmio Nobel, que volta para sua terra natal, um povoado onde nasceu e que inspirou a maioria de seus livros, para receber o título de Cidadão Ilustre da cidade. O filme foi vencedor do Prêmio Goya de Melhor Filme Estrangeiro em 2016 e recebeu três Prêmios Sur, incluindo Melhor Ator para Oscar Martínez. 

Confira programação completa no site oficial clicando aqui. 

Nenhum comentário: