Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 18 de agosto de 2009

Cine Clássicos Contemporâneo: Adaptação

Assim como Quero Ser John Malkovich, Spike Jonze usa e abusa desse filme com uma imaginação infinita.
Sinopse: Charlie Kaufman (Nicolas Cage) precisa de qualquer maneira adaptar para o cinema o romance "The Orchid Thief", de Susan Orlean (Meryl Streep). O livro conta a história de John Laroche (Chris Cooper), um fornecedor de plantas que clona orquídeas raras para vendê-las a colecionadores. Porém, além das dificuldades naturais da adaptação de um livro em roteiro de cinema, Charlie precisa lidar também com sua baixa auto-estima, sua frustração sexual e ainda Donald, seu irmão gêmeo que vive como um parasita em sua vida e sonha em também se tornar um roteirista.

O diretor e roteirista Charlie Kaufman, como fizeram em Quero Ser John Malkovich, trilham por caminhos bizarro e algo iconoclasta. A falta de segurança e de rumo do personagen Charlie atinge também o ritmo deste filme cabeça que cresce na metade final.
Nesta mistura de passado e presente o elenco tem dificuldades que na maior parte do tempo supera. Cage se sai melhor para expressar o derrotismo de Charlie do que a determinação do seu irmão gêmeo Donald. Vencedor do Globo de Ouro para melhor atriz coadjovante (Streep) e melhor ator coadjuvante (Cooper como Laroche)

Curiosidades: Apesar dos créditos do filme indicarem que Donald Kaufman também é um dos autores do roteiro de Adaptação, ele é apenas um personagem fictício, criado para o próprio filme.- As filmagens duraram de março a junho de 2001, sendo que o filme apenas foi lançado no circuito americano mais de um ano após o término das filmagens.

Nenhum comentário: