Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 1 de julho de 2019

Cine Dica: Noites na Cinemateca apresenta Nicole Puzzi e Filmes do Frapa (2 a 7 de julho)

NICOLE PUZZI É HOMENAGEADA NO PROJETO NOITES NA CINEMATECA FRAPA APRESENTA FILMES INÉDITOS EM PORTO ALEGRE
Possuidas pelo Pecado

Na madrugada do dia 06 para o dia 07 de julho, a Cinemateca Capitólio abre as portas da sala de cinema para o Noites na Cinemateca, projeto que a cada dois meses promove maratonas cinematográficas temáticas nas madrugadas de sábado para domingo.
Nesta segunda edição, com início marcado para as 23h59min do dia 06, o tema é Cinema & Erotismo, e tem como grande atração a presença da atriz Nicole Puzzi, musa da pornochanchada e apresentadora do programa Pornolândia no Canal Brasil. Nicole abre a noite e apresenta a sessão do filme Possuídas pelo Pecado, produção de David Cardoso dirigida por Jean Garrett que marcou sua estreia nas telas. A programação segue com o clássico As Mil e uma Noites, de Pier Paolo Pasolini, um filme surpresa (produção internacionalmente cultuada da década de 1970), e um programa de curtas reunindo títulos como Vênus, de Cássio Tolpolar, Vereda Tropical, de Joaquim Pedro de Andrade, além de obras eróticas do período do cinema silencioso.
Os ingressos para o Noites na Cinemateca custam R$ 20,00, com meia entrada para estudantes e idosos e valem para os quatro filmes da maratona.  A bilheteria abre 30 minutos antes de cada sessão. A Cinemateca Capitólio fica na Rua Demétrio Ribeiro, 1085 - Esq. com Borges de Medeiros. Mais informações (51) 3289 7453

ATRIZ HOMENAGEADA

Nicole Puzzi
Uma das principais divas do cinema brasileiro entre os anos 1970 e 1980, Nicole Puzzi estreou no cinema em 1976 com Possuídas pelo Pecado, de Jean Garrett. Já em seu primeiro trabalho, a jovem atriz chamou a atenção pela explosiva combinação de beleza e talento, o que pouco tempo depois a levaria a estrelar seu maior sucesso de bilheteria, Ariella (1980), de John Herbert, se transformando em uma das estrelas mais requisitadas da Boca do Lixo paulistana.
Ao longo de sua trajetória Nicole Puzzi trabalhou com grandes nomes do cinema brasileiro, como Walter Hugo Khouri, que a dirigiu em O Prisioneiro do Sexo, Convite ao Prazer, Eros, o Deus do Amor e Eu, Carlos Reichenbach (Anjos do Arrabalde), Bruno Barreto (Gabriela), Ivan Cardoso (As Sete Vampiras) e Francisco Ramalho Jr. (Filhos e Amantes), entre tantos outros.
Depois de alguns anos afastada das telas, a atriz retornou ao cinema em 2018 com Paraíso Perdido, de Monique Gardenberg.
Atualmente apresenta o programa Pornolândia, no Canal Brasil.

PROGRAMAÇÃO

23h59 – Possuídas pelo Pecado, de Jean Garrett (Brasil, 1976, 90 minutos).
Ao chegar na terceira idade e perceber que não poderá mais ter os filhos que sempre quis, o empresário Leme decide abandonar seu casamento com Raquel para entregar-se a amores passageiros com suas secretárias e ao vício em álcool. Raquel então se envolve com seu motorista e, logo, todos os membros da família acabam presos em uma grande teia de mentiras. Filme que marcou a estreia de Nicole Puzzi no cinema, assinado por um dos diretores mais talentosos da Boca do Lixo paulista, Jean Garrett.

2h – As Mil e uma Noites, de Pier Paolo Pasolini (Itália/França, 1974, 130 minutos).
Um homem começa uma viagem à procura de sua amante, uma bela escrava chamada Zumurrud, que foi raptada por um ser de olhos azuis. No caminho de sua longa busca, seu caminho vai cruzar com uma série de outros personagens envolvidos em traições, cobiças e desejos. Último filme da célebre Trilogia da Vida, maior êxito comercial da carreira do diretor italiano Pier Paolo Pasolini, formada ainda por Decameron (1971) e Os Contos de Canterbury (1972). Vencedor do Grande Prêmio do Júri no Festival de Cannes de 1974.

4h15 – Filme Surpresa (105 minutos)
Filme de culto, um marco da história do cinema erótico, que influenciou outras produções do gênero em diversos países.

6h – Programa de Curtas (60 minutos)
Um programa diversificado, que reúne desde raros registros eróticos das décadas de 20 e 30 do século passado até clássicos do cinema brasileiro como Vereda Tropical, de Joaquim Pedro de Andrade, e produções mais recentes, como o curta gaúcho Vênus, de Cássio Tolpolar.

FRAPA 2019
A 7ª edição do FRAPA (Festival de Roteiro Audiovisual de Porto Alegre), maior festival do gênero da América Latina acontece de 2 a 5 de julho na Cinemateca Capitólio Petrobras e outros espaços da cidade.
Na abertura será exibida a pré-estreia do longa Ilha (2018), de Ary Rosa e Glenda Nicácio, vencedor dos prêmios de melhor roteiro e ator (Aldri Anunciação) no Festival de Brasilia. A sessão comentada do documentário inédito Estou me Guardando para Quando o Carnaval Chegar (2019), de Marcelo Gomes, encerra o festival, que ainda apresenta duas sessões competitivas de curtas-metragens. Com direção de Leo Garcia e produção executiva de Mariana Mêmis Müller, o FRAPA é uma realização da Coelho Voador e Epifania Filmes. A arte é assinada pelo designer Leo Lage. A sessões do FRAPA têm entrada franca.

Programação completa: frapa.art.br.

GRADE DE HORÁRIOS
2 a 7 de julho de 2019

2 de julho (terça)
19h – Ilha (FRAPA)

3 de julho (quarta)
19h30 – Mostra Competitiva de Curtas – Sessão 1 (FRAPA)

4 de julho (quinta)
19h30 – Mostra Competitiva de Curtas – Sessão 2 (FRAPA)

5 de julho (sexta)
19h – Estou Me Guardando Para Quando o Carnaval Chega + debate com Marcelo Gomes (FRAPA)

6 de julho (sábado)
14h – Sessão Vagalume: Programa de Curtas
17h – Longa Jornada Noite Adentro
19h30 – Suspíria – A Dança do Medo
23h59 – Noites na Cinemateca: Cinema e Erotismo

7 de julho (domingo)
14h – Sessão Vagalume: Programa de Curtas
17h – Longa Jornada Noite Adentro
19h30 – Suspíria – A Dança do Medo

Nenhum comentário: