Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Cine Dica: Em Cartaz: Camocim

Sinopse: A cada quatro anos, o cotidiano calmo e tranquilo de Camocim de São Félix, pequena cidade do interior do Pernambuco, é chacoalhado. Durante a campanha municipal, a cidade se divide em duas, e todas as vidas parecem orbitar em torno da política. No meio deste mercado eleitoral, Mayara, 23 anos, tenta fazer uma campanha “limpa” para eleger seu candidato e amigo César.

Em tempos atuais, a política vem se tornando uma espécie de partida de futebol, ou até mesmo desavença de religião, onde as pessoas começam a ficar divididas de um lado para o outro e se esquecendo do que é realmente importante a ser debatido. Em meio a isso, não faltam pessoas para passar as suas ideias em prol do povo, mesmo quando tudo começa a se tornar um verdadeiro circo. Camocim é uma trama em que se passa numa pequena cidade de Pernambuco, mas que representa muito bem esse pensamento. 
Dirigido por  Quentin Delaroche, a trama se passa Camocim de São Félix é um município pernambucano marcado pelas  disputas em época de eleições. A cidade se divide em duas cores, vermelho e azul, onde as mortes faziam parte do enredo em tempos não muito distantes. Nesse local, o diretor Quentin Delaroche encontra uma jovem que se  chama de Mayara Gomes, coordenadora da campanha limpa para eleger o seu amigo César como vereador da cidade. 
Embora seja um documentário, Quentin Delaroche procura não se interagir com os personagens vistos na tela, mas sim seguindo eles e testemunhando os desdobramentos das duas campanhas que vão se alastrando na cidade. Curiosamente, não há um aprofundamento sobre os nomes dos partidos, ou temas com relacionados a direita e a esquerda, mas sim se criando um pequeno retrato de pessoas comuns perante um período onde sempre se há promessas mas das quais algumas não são compridas.  Em meio esses conflitos, moldado por propaganda e dinheiro, o idealismo forte acaba sendo representado com a presença da  Mayara Gomes.
Embora o cineasta opte em apresentar os dois lados da moeda, é pela presença da jovem idealista que o filme ganha forma. Convicta em suas ideias , Mayara é uma pequena força da natureza em meio a uma sociedade cada vez mais alienada com relação a politica, mas onde ela tenta com suas forças passar as suas ideias como coordenadora da campanha do seu amigo César. Os momentos de humor, aliás, são representados quando a dupla se encontra juntos em cena e fazendo da presença de Mayara algo ainda muito mais forte com relação ao seu profissionalismo perante as engrenagens que moldam os  tempos políticos. 
Embora simples, Quentin Delaroche cria belos plano-sequência, onde a sua câmera, por exemplo, segue a sua jovem protagonista em meio a bandeiras azuis e vermelhas e testemunhando momentos até mesmo de tensão com brigas de ambas as partes. Por outro lado, há momentos singelos, tanto nos momentos em que Mayara tenta convencer as pessoas a votarem, como também de um jovem que opta em votar nulo e explicando o porque disso. Ao seu final, vemos então as mesmas figuras com opiniões distintas em meio a esse circo, mas continuando dialogando com relação as ideias vindas dos seus pensamentos. 
Camocim é sobre um pequeno mas forte idealismo em meio a um circo político e que nunca é demais em ser ouvido. 

Onde assistir: CineBancários. Rua General Câmara, nº 424, centro de Porto Alegre. Horário: 17horas.


Me sigam no Facebook, twitter, Google+ e instagram

Nenhum comentário: