Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 5 de março de 2020

Cine Dica: Mostra 1980

Mostra “1980” apresenta na Cinemateca Capitólio 22 longas que celebram 40 anos em 2020.
Touro Indomável 

A partir de 10 de março, a Cinemateca Capitólio apresenta a mostra 1980. Repleta de clássicos, exibições especiais e sessões comentadas, a programação apresenta 22 longas-metragens que completam 40 anos de lançamento em 2020. O valor do ingresso é R$ 10,00, com meia entrada para estudantes e idosos. As sessões com entrada gratuita estão sinalizadas na grade de programação.
A mostra apresenta conjunto de 12 filmes lançados nos Estados Unidos em um momento de turbulência da Nova Hollywood. A geração jovem que tomou de assalto a cinematografia do país durante os anos 1970 conhecia naquele ano alguns fracassos monumentais de produções ambiciosas. Com o tempo, as obras malditas foram reavaliadas e tornaram-se clássicos do cinema. Fazem parte da programação filmes de Martin Scorsese, Brian De Palma, Robert Altman, Dennis Hopper, Michael Cimino, Paul Schrader, Samuel Fuller, Woody Allen, Clint Eastwood e John Carpenter. Os dois filmes de maior bilheteria dos Estados Unidos em 1980 – Apertem os Cintos… O Piloto Sumiu!, do trio Jim Abrahams, David Zucker, Jerry Zucker, e O Império Contra-Ataca, de Irvin Kershner – também destacam-se na programação hollywoodiana da mostra.
A sessão de abertura, no dia 10 de março, às 20h, apresenta a produção soviética Conhecendo o Grande e Vasto Mundo, realizada pela cultuada Kira Muratova, em sessão comentada por Marcela Bordin e Juliana Costa, integrantes do Cineclube Academia das Musas. O cineclube que estuda filmes realizados por mulheres em Porto Alegre apresenta outra sessão especial comentada dentro da mostra: Simone Barbès ou a Virtude, da francesa Marie-Claude Treilhou.
Dois clássicos brasileiros restaurados ganham exibições únicas imperdíveis: Pixote – A Lei do Mais Fraco, de Hector Babenco e o canto dos cisnes de Glauber Rocha, A Idade da Terra.
Em diálogo com a obra-prima de Glauber, a mostra exibe os dois filmes que desbancaram o brasileiro no Festival de Veneza de 1980: Glória, de John Cassavetes, e Atlantic City, de Louis Malle. A insatisfação com o resultado motivou um histórico protesto de Glauber durante o festival. A exibição do filme de Malle é uma parceria com a Cinemateca da Embaixada da França e o Institut Français.
O Projeto Raros exibe Não Brinque com Fogo, um retrato da juventude inconsequente de Hong Kong, dirigido pelo genial Tsui Hark. A sessão conta com apresentação e comentários gravados em vídeo exclusivamente para a programação do crítico Filipe Furtado, curador da mostra Cidade em Chamas: O Cinema de Hong Kong. A mostra 1980 apresenta outro cultuado conto cruel da juventude dos anos 1980, o drama holandês Sem Controle, de Paul Verhoeven.
As sessões especiais não param por aí: um dos longas-metragens mais importantes da história do Níger, O Exilado, de Oumarou Ganda, tem sessão gratuita comentada pelo crítico e pesquisador Pedro Henrique Gomes. E no fim de semana de encerramento da mostra, uma sessão da meia-noite com a obra-prima O Iluminado, de Stanley Kubrick.

Programação completa com as sinopses de todos os filmes em: 

GRADE DE HORÁRIOS

10 de março (terça-feira)
20h – Sessão de abertura: Conhecendo o Grande e Vasto Mundo + debate com Cineclube Academia das Musas (entrada gratuita)

11 de março (quarta-feira)
20h – Sem Controle

12 de março (quinta-feira)
18h – Popeye
20h – Anos de Rebeldia

13 de março (sexta-feira)
18h – A Bruma Assassina
20h – Projeto Raros: Não Brinque com Fogo (entrada gratuita)

14 de março (sábado)
18h – Vestida Para Matar
20h – Touro Indomável

15 de março (domingo)
18h – O Portal do Paraíso

17 de março (terça-feira)
18h – Apertem os Cintos… O Piloto Sumiu!
20h – Bronco Billy

18 de março (quarta-feira)
18h – Gigolô Americano
20h – Agonia e Glória

19 de março (quinta-feira)
16h15 – Memórias
18h – Anos de Rebeldia
19h40 – O Exilado + debate (entrada gratuita)

20 de março (sexta-feira)
16h15 – Sem Controle
18h30 – Apertem os Cintos… O Piloto Sumiu!
20h – Projeto Raros Especial: Simone Barbès ou a Virtude (entrada gratuita)

21 de março (sábado)
17h – Guerra nas Estrelas: O Império Contra-Ataca
19h30 – A Idade da Terra

22 de março (domingo)
16h15 – A Bruma Assassina
18h – Atlantic City
20h – Pixote, a Lei do Mais Fraco

24 de março (terça-feira)
16h15 – Memórias
18h – Glória

25 de março (quarta-feira)
16h15 – Atlantic City
18h – Guerra nas Estrelas: O Império Contra-Ataca

26 de março (quinta-feira)
14h – Agonia e Glória

27 de março (sexta-feira)
14h – Vestida Para Matar

28 de março (sábado)
14h – Apertem os Cintos… O Piloto Sumiu!
16h – Memórias
23h59 – O Iluminado

29 de março (domingo)
14h – Gigolô Americano

31 de março (terça-feira)
14h – Touro Indomável
20h – Popeye

1º de abril (quarta-feira)
14h – Bronco Billy
20h – Glória

Nenhum comentário: