Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 23 de março de 2020

Cine Dica: Durante a Quarentena Assista: 'Fora de Série'

Sinopse: Duas garotas extremamente esforçadas do ensino médio decidem compensar o tempo perdido e juntar quatro anos de diversão em uma única noite.  

As comédias adolescentes tiveram o seu ápice nos anos oitenta, sendo que muitos filmes desse subgênero se tornaram verdadeiros clássicos da sessão da tarde como, por exemplo, "O Clube dos Cinco" (1985). Já os anos noventa não tivemos tantos filmes assim inesquecíveis, mas os poucos que são lembrados valem muito a pena, como no caso de "As patricinhas de beverly hills" (1995). "Fora de Série" traz novamente os ingredientes de sucesso vindos do passado, mas falando dessa nova geração perdida e que busca ser ouvida.  
Dirigido pela atriz Olivia Wilde, vista recentemente no filme "O Caso Richard Jewell", o filme conta a história de duas grandes amigas conhecidas por serem os maiores prodígios da escola estão prestes a terminar o ensino médio. Faltando poucos dias para o grande momento, elas percebem que estão arrependidas por terem estudado tanto e se divertido tão pouco. Determinadas a não passarem por todo esse tempo sem nenhuma diversão, elas decidem correr atrás dos 4 anos perdidos em apenas uma noite. 
De novo a trama não traz quase nada, porém, Olivia Wilde se destaca na direção, ao criar uma edição ágil do começo ao fim e fazendo com que o filme se torne dinâmico e jamais cansativo. Logicamente o filme engrena mesmo no momento em que as duas protagonistas decidem fazer o que não fizeram nos últimos quatro anos, mas a maneira como elas tentam obter isso é, talvez, o maior triunfo do filme. Ao invés de conseguirem chegar na festa desejada elas acabam em situações imprevisíveis: a cena em que elas sem querer consomem drogas e se enxergam em uma nova realidade é o ápice do filme.     
Tanto Kaitlyn Dever como  Beanie Feldstein estão ótimas em seus repetíveis papeis e provando que ambas tem muito a nos oferecer em futuros novos papeis. Claro que, o filme como um todo, é farto de vários jovens atores e sendo que cada um deles se destacam em cenas muito engraçadas. Destaco a personagem Gigi, interpretada pela atriz Billie Lourd, filha da nossa inesquecível Carrie Fisher, e que aqui interpreta uma personagem completamente deslocada da realidade em que vive.  
Embora com um final previsível, "Fora de Série" é um filme gostoso de ser assistido, revisto e que nos faz relembrar da pagação de mico dos nossos tempos de colégio. 




Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook,  twitter, Linkedlin e Instagram.  

Nenhum comentário: