Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Cine Dica: Cine Esquema Novo 2019 (21 a 27 de novembro)

Cine Esquema Novo 2019 – Arte Audiovisual Brasileira ocorre de 21 a 27 de novembro na Cinemateca Capitólio Petrobras

São quatro mostras, Rodadas de Negócios, duas oficinas e seminário que integram a programação do evento, que em 2019 chega a sua 13ª edição. A Mostra Competitiva Brasil abre sua programação às 18h30 com os filmes Thinya, de Lia Letícia, Sem Título # 5: A Rotina terá seu Enquanto, de Carlos Adriano e a performance inédita do Duo Strangloscope, Aymberê, que integra uma trilogia iniciada em Carcará,apresentada em 2018 em mostra assinada pela dupla catarinense. A obra é realizada através de multiprojetores analógicos com acompanhamento de som digital ao vivo que reúne materiais de filmes alterados, pintados, riscados com a temática dos povos originários contra as injustiças sociais que nos acometem desde os tempos do "descobrimento" do Brasil até hoje.
A Mostra Competitiva Brasil apresenta 33 obras, 28 delas exibidas em sala de cinema, uma performance na Cinemateca Capitólio Petrobras e quatro vídeo instalações expostas no Goethe-Institut Porto Alegre, correalizador do CEN 2019. Temáticas como feminismo, empoderamento e representatividade negra, política atual, colonialismo, questões indígenas, pertencimento, memória, imigração, identidade queer, acessibilidade, entre outras, pautam os títulos selecionados de dez Estados brasileiros e quatro produções assinadas por brasileiros realizadas no exterior (ou em coprodução internacional). A Mostra Competitiva Brasil premiará ao final do evento o Grande Prêmio Cine Esquema Novo 2019, com um troféu assinado por Luiz Roque, criado especialmente para o CEN, além de prêmios em serviços da Locall, KF Studios, TECNA/PUCRS e Fluxo-Escola de Fotografia e Cinema. O júri deste ano é composto pela realizadora Camila Leichter, a crítica de arte e curadora Gabriela Motta e o ator e diretor Silvero Pereira.
“Neste amplo panorama da recente produção autoral e independente do país, fica bastante claro que será uma edição extremamente posicionada e política”, afirmam os curadores que assinam a seleção, Gustavo Spolidoro, Jaqueline Beltrame, Ramiro Azevedo e Vinicius Lopes.A lista integra títulos como A cristalização de Brasília, de Guerreiro do Divino Amor, artista contemplado com o Prêmio Pipa 2019 e que participa pela segunda vez do festival; Swinguerra, produzido para representar o Brasil na 58ª Bienal de Veneza e Rise, vencedor de melhor curta-metragem da Berlinale em 2018, ambos de Bárbara Wagner e Benjamin de Burca, também poderão ser conferidos pelo público do CEN 2019. A brasiliense, radicada no Recife, e o alemão, também baseado na capital pernambucana, são conhecidos por pesquisarem as complexas relações entre manifestações culturais populares, identidade, corpo e gênero.
A programação completa está disponível no site clicando aqui.  

Nenhum comentário: