Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Cine Dica: Colo entra em cartaz

NOVO FILME DE REALIZADORA PORTUGUESA TEM ESTREIA EXCLUSIVA NA CINEMATECA CAPITÓLIO PETROBRAS
 
A partir de quinta-feira, 16 de novembro, a Cinemateca Capitólio Petrobras apresenta a estreia do filme Colo, novo drama familiar da diretora portuguesa Teresa Villaverde. Terra Vermelha, do argentino Diego Martinez Vignatti, segue em exibição até o dia 22 de novembro. O valor do ingresso é R$ 16,00, com meia entrada para estudantes e idosos.

COLO
um filme de Teresa Villaverde
136 min., 2017, Portugal/França, DCP

Sinopse – Em Portugal, a rotina diária de pai, mãe e filha é absorvida pelos efeitos da crise econômica. A mãe se desdobra em dois empregos para pagar as contas, pois seu marido está desempregado. A filha adolescente guarda seus próprios segredos e tenta manter sua rotina diária apesar da falta de dinheiro. Para escapar dessa realidade comum, eles se tornam, lentamente, estranhos uns aos outros, enquanto a tensão se transforma em silêncio e culpa.
Teresa Villaverde nasceu em Lisboa, Portugal, em 1966, e iniciou sua carreira como atriz, corroteirista e codiretora no teatro da Escola Superior de Belas Artes de Lisboa. Participou como atriz do filme À flor do mar, (dir. João César Monteiro), trabalhou como assistente de Paulo Rocha e como corroteirista com José Álvaro Morais e João Canijo. A partir da década de 1990, começou a dirigir seus próprios filmes, entre eles: A idade maior, exibido no Festival de Berlim em 1991. Conquistou o mercado internacional em 1998 com Os mutantes. Em 2010, fundou sua própria produtora, a Alce Filmes. Dirigiu também os longas: A idade maior (1991), Três irmãos (1994), Água e sal (2001), Transe (2006) e Cisne (2011).

GRADE DE HORÁRIOS
16 a 22 de novembro de 2017

16 de novembro (quinta)
17h – Terra Vermelha
19h30 – Colo

17 de novembro (sexta)
17h – Terra Vermelha
19h30 – Colo

18 de novembro (sábado)
15h – Terra Vermelha
17h – Colo
20h – Marina Abramovic - A Artista está Presente (Festival de Arte)

19 de novembro (domingo)
17h – Terra Vermelha
19h30 – Colo

21 de novembro (terça)
17h – Terra Vermelha
19h30 – Colo

22 de novembro (quarta)
17h – Terra Vermelha
19h30 – Colo

Nenhum comentário: