Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Cine Dica: Pendular ganha Sessão Comentada no CineBancários



Pendular ganha Sessão Comentada no CineBancários
Dirigido por Julia Murat, Pendular ganha Sessão Comentada aqui no CineBancários. O debate conta com a presença da atriz Raquel Karro e acontecem amanhã, 05 de outubro, às 20h. Premiado na mostra Panorama do Festival de Berlim 2017 e destaque no Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, o filme liga três diferentes formas de arte: cinema, escultura e dança.
Em um galpão abandonado, um casal de artistas contemporâneos observa a arte, a performance e sua intimidade se misturarem. A partir de sequentes contradições, eles vão aos poucos perdendo sua capacidade de distinguir o que faz parte dos seus projetos artísticos e o que nada mais é que a relação amorosa.
Pendular se baseia na ideia de encenar e explorar níveis extremos de confiança e de vulnerabilidade em um relacionamento amoroso, possuindo como temo o equilíbrio, que pode ser encontrado em todos os aspectos do filme. Além de um longa-metragem de ficção, Pendular é uma exposição de esculturas e uma apresentação de dança.
Nosso cinema funciona de terça a domingo e os ingressos podem ser adquiridos no local ou no site ingresso.com a R$10,00. Estudantes, idosos, pessoas com deficiência, bancários sindicalizados e jornalistas sindicalizados pagam R$5,00. Aceitamos os cartões Banricompras, Visa e Mastercard.

 

Sinopse: Um jovem casal se instala num galpão industrial abandonado. Uma faixa laranja, colada ao chão, divide a área em duas porções iguais: à direita, o ateliê de escultura dele; à esquerda, o estúdio de dança dela. Pendular acontece neste cenário, onde arte, performances e intimidade se misturam; e onde os personagens perdem lentamente sua capacidade de distinguir entre seus projetos artísticos, seu passado e sua relação afetiva.

 

FICHA TÉCNICA

Brasil / Argentina / França / Drama / 2017 / 105 min



Direção: Julia Murat

Roteiro: Matias Mariani, Julia Murat

Produção: Julia Murat, Tatiana Leite

Produção: Esquina Filmes

Coprodução: Andrés Longares, Flicitas Raffo Julia solomonoff, Juliette Lepoutro, Pierre Menahem

Coprodução: Telecine, Canal Brasil, Bubbles Project, Cepa Audiovisual, Still Moving, Syndrome Films

Produtores Associados: Primo Filmes, Taiga Filmes

Direção de Fotografia: Soledad Rodrigues

Edição: Lia Kulaukauskas, Marina Meliande

Música: Lucas Marcer, Fabiano Krieger

Edição de Som: Daniel Turini, Fernando Henna,

Som Direto: Catriel Vildosola

Mixagem de Som: Daniel Turini, Jean Guy Veran

Direção de Arte: Ana Paula Cardoso

Figurinos: Preta Marques

Produção de Elenco: Maria Clara Escobar

Produção Executiva: Taina Prado

Coreografia: Flavia Meireles

Esculturas: Elisa Bracher, Marina Kosovski

Leia a minha crítica já publicada clicando aqui.  

Nenhum comentário: