Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Cine Dica: Homenagem a Leonardo Machado



SESSÃO EM HOMENAGEM A LEONARDO MACHADO
 
No próximo dia 30 de outubro, às 20h, a Cinemateca Capitólio Petrobras realiza uma sessão especial em homenagem ao ator Leonardo Machado. Na ocasião, serão exibidos dois trabalhos recentes do ator, morto em 28 de setembro último, aos 42 anos de idade: o curta “Entardecer”, de Muriel Paraboni, e o longa “A Superfície da Sombra”, de Paulo Nascimento. Dois trabalhos que ilustram a versatilidade desse profissional notável, cuja trajetória produziu um dos mais sólidos legados de nossa produção audiovisual. A programação tem entrada franca.

Entardecer, de Muriel Paraboni (RS, 2016, curta-metragem, 20 minutos)
Um homem e uma mulher revivem momentos de suas vidas transfigurados na paisagem de uma praia. Passado, presente e futuro se confundem na cadência das águas, que vêm e vão revolvendo memórias e antigos silêncios. Finalizado em setembro de 2016, este curta de Muriel Paraboni participou de diversos festivais internacionais. Recebeu o Prêmio Especial do Júri – Destaque em Direção no 12º Blow-Up Chicago International Arthouse Film Festival e Menção Honrosa no Experimental Fórum, de Los Angeles, e fez parte das seleções oficiais do Hong Kong
Arthouse Film Festival e do 14º Festival International Signes de Nuit – Paris, entre outros.
Cópia gentilmente cedida pelo diretor Muriel Paraboni.

A Superfície da Sombra, de Paulo Nascimento (RS, 2017, longa-metragem, 87 minutos)
Tony é um homem solitário que viaja ao extremo sul do país para um funeral. Ele se atrasa e perde a cerimônia, mas encontra Bianca, com quem inicia uma relação imprevista. Falado em portunhol, esta adaptação do romance homônimo de Tailor Diniz é um filme de fronteira, um thriller fantástico, ao mesmo tempo onírico e estranho, que apresenta uma das melhores atuações de Leonardo Machado, na pele do protagonista Tony.
Cópia gentilmente cedida pela distribuidora Panda Filmes.

Nenhum comentário: