Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Cine Dica: Projeto Raros exibe Alemanha no Outono




Na sexta-feira, 3 de junho, às 20h, o Projeto Raros exibe na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar), em parceria com o Goethe-Institut Porto Alegre, o filme coletivo Alemanha no Outono (1978, 120 minutos), com episódios dirigidos por Rainer Werner FassbinderAlexander Kluge, Edgar ReitzVolker Schlöndorff, entre outros, sobre a atmosfera alemã no final da década de 1970.  Exibição em DVD com legendas em espanhol. A edição do Projeto Raros complementa a homenagem a Fassbinder com a exibição integral de Berlin Alexanderplatz, a partir do dia 31 de maio, e será comentada por Marina Ludemann, diretora do Goethe-Institut de Porto Alegre. Entrada franca.



Alemanha no Outono é um filme feito a “quente” sobre os dramáticos acontecimentos do rapto do industrial Hans-Martin Schleyer para troca com os líderes da “Facção do Exército Vermelho”, grupo político formado por Andreas Baader e Ulrike Meinhof, e a morte destes, “suicidados” na prisão.


Alexander Kluge fala sobre o filme: Outono de 1977. Quase ao mesmo tempo: o seqüestro do avião da Lufthansa em Mogadíscio, a catástrofe [com os dirigentes da Facção do Exército Vermelho presos] em Stammheim e o assassinato [do líder empresarial] Hanns Martin Schleyer. No fim de semana posterior a esses acontecimentos, encontram-se, na casa do editor Theo Hinz Rainer, Werner Fassbinder, Volker Schlöndorff, alguns outros diretores de cinema e eu [Kluge]. Combinamos de fazer um filme em conjunto. Há comoção no ar. Três dias depois, Fassbinder já tinha rodado sua parte. Nós, os outros cineastas, fomos a Stuttgart, para os funerais de Schleyer e seu enterro no cemitério Dornhalden. Beate Mainka-Jellinghaus e eu ficamos encarregados de fazer a montagem de todo o filme. Esse tipo de filme coletivo é uma continuação coerente do filme de autor. Ele permite a mistura de temperamentos, aglutina forças e põe em marcha vários outros filmes (na seqüência, Fassbinder filmou A terceira geração, e eu, A patriota).

Marina Ludemann, nascida em Bochum, Alemanha, estudou Letras/Alemão (Germanistik) em Tübingen e Hamburgo, foi redatora do jornal de economia Zeitung für kommunale Wirtschaft em Munique. Desde 1989 atua no Goethe-Institut, onde ocupou os seguintes cargos: professora em Berlim, Diretora do Departamento de Programação Cultural em São Paulo, Diretora do Programa de Visitas do Goethe-Institut na Alemanha, Coordenadora do Departamento de Cinema na Central do Instituto em Munique e desde 2013 Diretora do Goethe-Institut Porto Alegre.

Alemanha no Outono
(Deutschland im Herbst, 1978, DVD, 119 min,
Direção: Alexander Kluge, Volker Schlöndorff, Rainer Werner Fassbinder, Alf Brustellin, Bernhard Sinkel, Katja Rupe, Hans Peter Cloos, Edgar Reitz, Maximiliane Mainka, Peter Schubert
Elenco: Rainer Werner Fassbinder, Armin Meier, Liselotte Eder, Hannelore Hoger, Helmut Griem, Wolf Biermann, Horst Mahler, Vadim Glowna, Angelika Winkler, Franziska Walser e outros
Locução: Alexander Kluge 
Legendas em espanhol.

  


Sala P. F. Gastal
Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia
Av. Pres. João Goulart, 551 - 3º andar - Usina do Gasômetro
Fone 3289 8133
www.salapfgastal.blogspot.com

Nenhum comentário: