Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 24 de abril de 2018

LUTO



Nelson Pereira dos Santos 1928 - 2018

A primeira obra que eu conheci de Nelson Pereira dos Santos foi Vidas Secas, na extinta Rede Manchete e na sessão de sábado intitulada Cinema Nacional. Havia duas sessões, uma onde exibia clássicos do tempo do Cinema Novo, Marginal e a segunda é onde se exibia os tempos da Pornochanchada. Foi em uma dessas que eu encarei Vidas Secas, um filme em que sintetizava uma realidade que perdura até hoje e que, raramente, era vista em nosso cinema nacional naquele tempo. 
Nelson Pereira dos Santos não foi somente um dos pilares do nosso Cinema Novo, como também de uma sétima arte menos plástica e mais moderna e que, felizmente, serviu de modelo para cineastas que viriam posteriormente.     
 

Filmografia:



2012    

A Luz do Tom

2012    

A Música Segundo Tom Jobim

2006    

Brasília 18%

2003    

Raízes do Brasil

1995    

Cinema de Lágrimas

1993    

A Terceira Margem do Rio

1986    

Jubiabá

1984    

Memórias do Cárcere

1980    

Estrada da Vida

1977    

Tenda dos Milagres

1974    

O Amuleto de Ogum

1972    

Quem é Beta?

1971    

Como era Gostoso o meu Francês

1970    

Azyllo Muito Louco

1967    

El Justicero

1967    

Fome de Amor

1963    

Boca de Ouro

1963    

Vidas Secas

1960    

Mandacaru Vermelho

1957    

Rio, Zona Norte

1955    

Rio, 40 Graus



Outros que não podem ser esquecidos:  

 

Milos Forman 1932 - 2018
Filmografia: 



2005    

Sombras de Goya

1999    

O Mundo de Andy

1996    

O Povo Contra Larry Flynt

1989    

Valmont - Uma História de Seduções

1984    

Amadeus

1981    

Na Época do Ragtime

1979    

Hair

1975    

Um Estranho no Ninho

1973    

Visions of Eight

1971    

Procura Insaciável

1967    

O Baile dos Bombeiros

1965    

Os Amores de Uma Loira

1964    

Pedro, O Negro



Vittorio Taviani 1929 - 2018 
Filmografia:


2017    

Uma Questão Pessoal

2014    

Maravilhoso Boccaccio

2012    

César Deve Morrer

1996    

As Afinidades Eletivas

1989    

Noites com Sol

1987    

Bom Dia, Babilônia

1983    

Kaos

1982    

A Noite de São Lourenço

1977    

Pai Patrão

1974    

Allonsanfan



Me sigam no Facebook, twitter, Google+ e instagram

Nenhum comentário: