Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 68 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 7 de junho de 2016

Cine Dica:Vampiros black de Bill Gunn no lançamento da mostra Faça a Coisa Certa

PROJETO RAROS APRESENTA O CULT GANJA & HESS
Na sexta-feira, 0 de junho, às 20h, acontece na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) a sessão de lançamento da mostra Faça a Coisa Certa, com uma edição especial do Projeto Raros, exibindo o cult Ganja & Hess (1973, 110 minutos), de Bill Gunn, uma singular e experimental aproximação entre o blaxploitation e os filmes de vampiros. Exibido na Semana da Crítica do Festival de Cannes em 1973, o filme ganhou uma recente refilmagem de Spike Lee. Após a sessão, debate com os pesquisadores Carlos Thomaz Albornoz e Cesar Almeida. Com exibição em blu-ray e legendas em inglês, a sessão tem entrada franca.
A mostra Faça a Coisa Certa acontece entre os dias 14 e 19 de junho e traz uma seleção de obras produzidas nos Estados Unidos por realizadores negros como Spike Lee, Gordon Parks, Charles Burnett, Melvin van Peebles, Ryan Coogler e Ava DuVernay. Em breve a divulgação completa.

SINOPSE: A lâmina de uma antiga adaga africana espalha uma epidemia vampírica para o assistente de pesquisa George, cuja sede de sangue logo infecta o Dr. Hess Green. Quando Hess é raptado pela bela esposa de George, Ganja, ele tenta esconder seu terrível segredo... mas a um preço muito alto.
Trabalhando o vampirismo como metáfora para o vício em heroína, Ganja & Hess traz Duane Jones, protagonista de A Noite dos Mortos Vivos, de George A. Romero, em seu segundo papel de destaque. O filme foi recebido pela crítica como a mais importante obra do cinema negro norte-americano desde o pioneiro independente Sweet Sweetback Baadasssss Song, de Melvin van Peebles. 
Carlos Thomaz Albornoz é idealizador do Projeto Raros, crítico de cinema, membro da ACCIRS e ator sempre que falta alguém e o diretor aceita qualquer um para o papel. César Almeida nasceu em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, no ano de 1980. Ainda muito cedo, as histórias fantásticas do cinema e da literatura conquistaram sua atenção. Mais tarde, a paixão por filmes B e livros fantásticos o levou a pesquisar e escrever. Publica artigos sobre cinema desde 2008, e em 2010 lançou Cemitério Perdido dos Filmes B, que compila 120 resenhas de sua autoria. Também escreve ficção, com o pseudônimo Cesar Alcázar, além de atuar como editor (Argonautas Editora) e tradutor.

PROJETO RAROS ESPECIAL
LANÇAMENTO DA MOSTRA FAÇA A COISA CERTA
GANJA & HESS
(Estados Unidos, 1973, 110 minutos)
Direção: Bill Gunn
Elenco: Marlene Clark, Duane Jones, Bill Gunn, Sam Waymon

Sala P. F. Gastal
Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia
Av. Pres. João Goulart, 551 - 3º andar - Usina do Gasômetro
Fone 3289 8133

www.salapfgastal.blogspot.com

Nenhum comentário: