Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Cine Dica: Lav Diaz, Guto Parente e Projeto Raros grego (31 de janeiro a 6 de fevereiro)

PRÉ-ESTREIA DE ÓPERA ROCK FILIPINA
GUTO PARENTE EM RETROSPECTIVA
FILME DE CULTO GREGO NO PROJETO RAROS
O Clube dos Canibais de Guto Parente

A nova programação da Cinemateca Capitólio Petrobras apresenta a pré-estreia de Estação do Diabo, a ópera rock política do renomado diretor filipino Lav Diaz e as primeiras sessões especiais da mostra A Vingança dosFilmes B – Parte VIII, incluindo a sessão de abertura com a sessão comentada de O Clube dos Canibais com a presença de Guto Parente e uma edição especial do Projeto Raros com um dos filmes mais extremos da história do cinema: Singapore Sling, de Nikos Nikolaidis.  

A programação da primeira semana da mostra A Vingança dos Filmes B ainda apresenta uma sessão da meia-noite com o espanhol O Dia da Besta, de Álex de la Iglesia, e a exibição de um dos filmes mais transgressores docinema gaúchoAdyos, General, de Omar “Matico” Barros.
  
PRÉ-ESTREIA DE ESTAÇÃO DO DIABO DE LAV DIAZ

Nos dias 31 de janeiro e 05 e 06 de fevereiro, a Cinemateca Capitólio Petrobras promove três sessões de pré-estreia de Estação do Diabo, a ópera rock política do renomado diretor filipino Lav Diaz. O valor do ingresso é R$ 16,00, com meia entrada para estudantes e idosos.

Estação do Diabo
(Ang Panahon ng Halimaw)
um filme de Lav Diaz
234 min., 2018, Filipinas, DCP

sinopse No final dos anos 70, uma gangue de policiais controlada por militares aterroriza uma remota aldeia nas Filipinas. O terror infligido aos cidadãos não é apenas corporal, mas também altamente psicológico. As pessoas são constantemente alimentadas com histórias apócrifas sobre o líder da aldeia. Algumas almas lutam, recusando-se a desistir. O poeta, professor e ativista Hugo Haniway procura desesperadamente descobrir a verdade sobre o desaparecimento de sua esposa. Neste novo filme de Lav Diaz, narrativa e os personagens são uma combinação entre eventos reais e pessoas daquela época. Uma história de amor passada no período mais sombrio da história das Filipinas: a ditadura de Ferdinando Marcos. Uma ópera rock filipina com música e letras de Lav Diaz.

O ESTRANHO CINEMA DE GUTO PARENTE
  
O grande homenageado da oitava edição da mostra A Vingança dos Filmes B é o diretor Guto Parente, que ganha retrospectiva durante o evento com a exibição de cinco filmes. A sessão de abertura da mostra, em 31 de janeiro, às 20h, apresenta O Clube dos Canibais (2018). Retratando o lado mais grotesco das elites brasileiras, o filme estreou mundialmente no Festival de Rotterdam de 2018 e ganha uma das primeiras exibições brasileiras na Cinemateca Capitólio Petrobras. O valor do ingresso é R$ 10,00, mas todos pagam meia entrada na programação da mostra.

Com 35 anos e 8 longas em sua filmografia, Guto Parente segue uma aventura cinematográfica sem par no cenário contemporâneo brasileiro desde o final da última década, quando fundou, ao lado de Pedro Diógenes, Luiz e Ricardo Pretti, o coletivo Alumbramento. A partir do delirante kitsch psicodélico Doce Amianto, em 2013, realizado ao lado do músico e poeta Uirá dos Reis, Guto começou a aventurar novas parcerias. Em A Misteriosa Morte de Pérola (2015), filme que resgata com muita originalidade a tradição do terror dos filmes de casas mal-assombradas,a direção e o protagonismo são divididos com Ticiana Augusto Lima. No recente melodrama Inferninho (2018), Guto retoma a parceria com o primo Pedro Diógenes e cria uma das mais transbordantes histórias de amor dos últimos anos. Todas as obras da retrospectiva, que inclui também a ficção-científica absurdista O Estranho Caso de Ezequiel (2016), refletem a busca constante pela experimentação da linguagem e o modo fascinante como o diretor trabalha as possibilidades da fabulação em diversos gêneros cinematográficos.

A grande de programação completa com as sinopses de todos os filmes está disponível em:http://www.capitolio.org.br/novidades/2473/a-vinganca-dos-filmes-b-parte-viii-o-estranho-cinema-de-guto-parente/

PROJETO RAROS APRESENTA FILME DE CULTO GREGO

Na sexta-feira, 01 de fevereiro, às 20h, uma edição especial do Projeto Raros dentro da mostra A Vingança dosFilmes B – Parte VIII apresenta Singapore Sling (O anthropos pou agapise ena ptoma, 1990, 110), de Nikos Nikolaidis, um marco grego do cinema extremo. Após a sessão, há um debate com Luciana Tubello Caldas, Mestraem Educação pela UFRGS, integrante do Cineclube Academia das Musas e idealizadora do projeto Cinema Popular. A sessão tem entrada franca.

Singapore Sling
(O anthropos pou agapise ena ptoma)
Grécia, 1990, 110, HD
De Nikos Nikolaidis
Com: Meredyth Herold, Panos Thanassoulis, Michele Valley Legendas em português

Um detetive alcoólatra procura por seu amor desaparecido, supostamente morto, e acaba aprisionado por duas mulheres psicóticas, que o submetem a inúmeras torturas e depravações. Controversa homenagem ao cinema noir através de uma releitura radical de suas tramas e estética, amparado especialmente em “Laura”, de Otto Preminger. Em “Singapore Sling”, sexo, loucura e morte servem de combustível para uma intensa experiência de cinema extremo.


GRADE DE PROGRAMAÇÃO
31 de janeiro a 6 de fevereiro de 2019

31 de janeiro (quinta-feira)
14h – Rasga Coração
16h - Estação do Diabo (pré-estreia)
20h – Sessão de Abertura: Clube dos Canibais (81') + debate com Guto Parente

1º de fevereiro (sexta-feira)
14h – Rasga Coração
17h – O Estranho Cinema de Guto Parente: Doce Amianto (70')
18h30 – Lucio Fulci, Poeta da Crueldade: A Casa do Cemitério (86’)
20h – Projeto Raros: Singapore Sling (110')

02 de fevereiro (sábado)
15h – O Estranho Cinema de Guto Parente: Inferninho (82')
16h30 – Sessão Shoot or Die I: Inside (SP / 2’), de Joel Caetano; Gorete (RS /15’), de Nícolas Mabilia; Hoax  (ES /18’), de Thiago Amaral; A Janela da Outra (10’), de Larissa Anzoategui; Diagnose (10’), Diego Camelo; Âmago (20’), de Leo Miguel; A Mesa no Deserto (15’ ), de Diego Scarparo; Scratchs (2’), de Joel Caetano. Total: 82’
18h30 – Lucio Fulci, Poeta da Crueldade: Pavor na Cidade dos Zumbis (93’)
20h30 – Adeus aos Mestres I: Nicolas Roeg – Inverno de Sangue em Veneza (110')
23h59 – Maldita Meia Noite: O Dia da Besta (103')

03 de fevereiro (domingo)
15h – O Estranho Cinema de Guto Parente: A Misteriosa Morte de Pérola (62')
16h30 – Especial Memórias da Boca do Lixo: Amigos Filmam Amigos (75')
18h- A Vingança do FECEA: Fingerman (5’), Guts and Glory (3’), Surprise (6’), Chica Camina Sola En El Estacionamento (3’50”), She’s Wating (7’), Chateau Sauvignon: terroir (13’), The Screen Behind the Mirror (8’26”), La Chambre Noire(20’). Total: 67’
20h - Lucio Fulci, Poeta da Crueldade: Zumbi 2- A Volta dos Mortos (91') – 40 Anos

05 de fevereiro (terça-feira)
14h - Estação do Diabo (pré-estreia)
18h – Lucio Fulci, Poeta da Crueldade: Os Quatro do Apocalipse (104’)
20h – Lucio Fulci, Poeta da Crueldade: Premonição (95')

06 de fevereiro (quarta-feira)
14h - Estação do Diabo (pré-estreia)
18h – Por Ordem da Cosa Nostra (95')
20h – Adyos, General  (55’) + debate

Nenhum comentário: