Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Cine Especial:HORROR NO CINEMA BRASILEIRO:Parte5



Sim, o gênero de horror existe no Brasil e ele será tema do próximo curso de cinema, criado pelo Cine Um e ministrado pelo Jornalista, crítico, historiador e pesquisador dedicado a tudo que se refere ao cinema de horror mundial Carlos Primati. O curso ocorre nos dias 29 e 30 de Agosto no Cine Capitólio.  Enquanto os dias da atividade não chegam, irei postar por aqui sobre os filmes de horror que eu tive o privilegio de assistir, seja em DVD ou no cinema.
  
Presença de Anita (1951)
 
Sinopse: Homem casado envolve-se num triângulo amoroso com uma mulher independente, cuja lembrança o marcará pelo resto da vida.

 Sucesso de público e crítica na década de 90, a mini série Presença de Anita marcou época no canal da Rede Globo quando foi exibido. Porém, essa não foi a primeira vez que surgiu Anita. Um filme havia sido realizado em 1951.
Somente fui descobrir a existência dessa versão pelo jornalista Carlos Primati, em uma de suas atividades pelo Cine Um. Embora ambas retratem a mesma trama, essa versão se diferencia e muito da versão televisiva. Baseado no livro de Mário Donato, escrito em 1948 e foi adaptado pro cinema apenas três anos depois, de uma maneira fiel ao conto e que se diferenciasse um pouco dos outros longas brasileiros produzidos naquele tempo.
Embora com atuações limitadas (algo comum na época) Presença de Anita tem um clima do gênero  noir, devido a sua trama envolvendo paixão proibida que, desencadeia para momentos sombrios, aonde os seus personagens liberam traços de um lado ruim do intimo de cada um deles. O final, assim como a mini série, possui momentos imprevisíveis. Curiosamente essa foi a primeira produção feita pela Cinematográfica Maristela, sendo que o estúdio ficava no Jaçanã, Zona Norte de São Paulo, e teria influenciado a composição da música Trem das Onze.
  

 Inscrições para o curso cliquem aqui 

 Me sigam no Facebook, twitter e Google+

Nenhum comentário: