Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 29 de dezembro de 2020

Cine Especial: Retrospectiva 2020 - Os 10 Melhores Filmes Internacionais do Ano

 "Você Não Estava Aqui"

Já vai tarde o ano de 2020. 

Foi um ano terrível, tanto para aqueles que lutam para sobreviver, desde a enfrentar a pandemia devido ao coronavírus, como também para aqueles que apreciam um bom filme, mas viram os cinemas serem fechados. Devido a esse cenário o futuro do cinema é incerto, já que muitos dos grandes estúdios decidiram lançar os seus principais títulos via Streaming e colocando o nosso maior prazer em risco.

O cinema começou como uma arte em movimento, mas se tornando também um entretenimento para a massa como um todo e levando para as salas milhares de pessoas a cada ano. Com esse cenário, o cinema pode voltar ao status de arte em definitivo, já que pode correr o risco de não ser mais algo a ser apreciado por todos ao longo dos próximos anos. De qualquer forma, rezo para que eu possa voltar a uma grande sala de cinema, com a sessão lotada e sentindo vida dentro dela quando as pessoas aplaudem ao testemunharem um grande espetáculo.

Confira os melhores títulos internacionais de 2020 na minha opinião.     

1º "Você Não Estava Aqui" 

"Você Não Estava Aqui" é um retrato sobre nós mesmos sendo triturados pelo trabalho informal e que não nos dá nenhum direito de sonhar por um futuro melhor. Leia a minha crítica clicando aqui.   

2º "Mank"

"Mank" transita entre o glamour e a podridão da era de ouro de Hollywood e fazendo a gente desejar que venham mais esqueletos saindo do armário ao longo dos próximos anos. Leia a minha crítica clicando aqui.  

                                               3º "Destacamento Blood"                                              

"Destacamento Blood" fala sobre como as guerras de ontem e hoje são inúteis e tudo que resta é somente salvar o irmão que está em perigo logo a frente. Leia a minha crítica clicando aqui. 

4º "A Voz Suprema do Blues"

"A Voz Suprema do Blues" é uma pequena jóia cinematográfica, da qual retrata uma época em que era preciso saber jogar para sobreviver, mas cujo esse jogo até hoje não encontrou o seu derradeiro fim. Leia a minha crítica em breve no meu blog. 

5º "Retrato de Uma Jovem em Chamas"

"Retrato de Uma Jovem em Chamas" é sobre o começo e o fim de uma surpreendente história de amor e da união de mulheres que fazem a diferença quando estão unidas perante uma realidade não muito acolhedora. Leia a minha crítica clicando aqui. 

6º "Borat Fita de Cinema Seguinte"

"Borat: Fita de Cinema Seguinte" é o filme certo na hora certa, em um ano em que temos um inimigo invisível e sendo esnobado por políticos que brincam com as vidas de todos os povos do mundo. Leia a minha crítica clicando aqui. 

7º "A Assistente"

"A Assistente" é um filme sobre o antes e depois dos escândalos recentes de Hollywood, mas que serve também como reflexão para que as mulheres não se calem perante os horrores vindo dos próprios homens.  Leia a minha crítica clicando aqui.  

8º  "Estou Pensando em Acabar Com Tudo"

"Estou Pensando em Acabar com Tudo" é uma verdadeira viagem sobre sonhos e desilusões, mas tudo emoldurado de uma maneira que nos faça pensar sobre o que acabamos de testemunhar. Leia a minha crítica clicando aqui.  

9º "O Homem Invisível"


"O Homem Invisível" fala sobre um assunto universal, onde as mulheres não devem recuar, mas sim enfrentar o monstro abusivo que deseja sempre as tratar como propriedades e não com humanidade.  Leia a minha crítica clicando aqui. 

10º "Tenet"

 "Tenet" é puramente Christopher Nolan e que fará com que os seus fãs se apaixonem mais, assim como os seus detratores que irão cada vez mais odiar. Leia a minha crítica clicando aqui. 

Menções honrosas de última hora: 

"Mulher Maravilha - 1984"

"Mulher Maravilha" - 1984" é ótimo por saber sintetizar o nosso desejo atual de voltarmos aos tempos mais coloridos, mas que para isso é preciso aceitarmos o que nós perdemos e assim amadurecermos para obtermos um voo mais alto. Confira a minha crítica clicando aqui. 

"Soul"

"Soul" é um filme que faz pensar sobre a sua própria vida, da qual não pode passar despercebida, mas sim sentida ao máximo e que faça valer a pena essa jornada como um todo. Leia a minha crítica clicando aqui.


Merecem serem conferidos: "O Caminho de Volta", "Nunca, Raramente, Às Vezes, Sempre", "O Som do Silêncio", "Dois Irmãos: Uma Jornada Fantástica", "Você Nem Imagina", "O Diabo de Cada Dia", "Os 7 de Chicago", "O Que Ficou para Trás",  "Aves de Rapina", "A Vastidão da Noite", "#Alive", "Magnatas do Crime", "Emma", "Viver Duas Vezes" "O Poço", Shirley, "Rede do Ódio", O "Dilema das Redes".         


Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook,  twitter, Linkedlin e Instagram.  

Nenhum comentário: