Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 70 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quarta-feira, 4 de abril de 2012

Cine Dica: Em Cartaz: O Lorax: Em Busca da Trúfula Perdida


Sinopse: O menino Ted descobriu que o sonho de sua paixão a bela Audrey é ver uma árvore de verdade algo em extinção. Disposto a realizar este desejo ele embarca numa aventura por uma terra desconhecida cheia de cor natureza e árvores. É lá que conhece também o simpático e ao mesmo tempo rabugento Lorax uma criatura curiosa preocupada com o futuro de seu próprio mundo.
Dirigido por Chris Renaud e Kyle Balda (Meu Malvado Favorito), O Lorax, se diferencia dos filmes criados pela Pixar, pois é uma produção destinada somente para as crianças, mas não quer dizer que tenha uma trama bobinha. Do inicio ao fim, o filme carrega a mensagem sobre preservação do meio ambiente, e mesmo que o mundo inteiro esteja careca de saber sobre isso, a mensagem funciona como uma luva para os pequenos, que ainda estão a recém descobrindo sobre certo e o errado. Baseado num conto clássico de Dr. Seuss, a trama é bem convidativa, ao retratar a cidade de Thneed-Ville, onde tudo é artificial, inclusive as arvores, onde tudo é de plástico. Embora com todo esse colorido da cidade e com seus avançados recursos, as pessoas (embora, aparentemente felizes) se encontram desacordas com relação a suas verdadeiras necessidades, o que não deixa de ser um reflexo de nossa sociedade consumista atual. Com tantos recursos e meios de comunicação, será que é isso que realmente queremos? As pessoas não param para pensar nisso!
E é neste pensamento, que o filme volta no tempo, onde acompanhamos a jornada The Once-ler, e na sua busca de ficar rico, através dos cortes das arvores coloridas, as trúfulas, mas eis que surge então Lorax (voz de Dani DeVito), um simpático ser amarelo, que tenta  ensinar a ele, que o que está fazendo é errado, mas com o tempo, irá aprender da pior maneira possível, quando na realidade já é tarde demais. Embora a linguagem do filme seja mais voltada para as crianças, não deixa de ser interessante esse ponto da historia, onde se cria uma verdadeira critica contra nos mesmos, com relação ao que fazemos com o nosso meio ambiente. Como bom filme de animação direcionado para crianças, o filme passa mensagens positivas, embalado com diversas musicas engenhosas, chegando ao ponto, em fazer a criançada cantar junto (pelo menos foi isso aconteceu na sessão que eu fui),
Embora previsível do começo ao fim, a mensagem de Lorax, que passa aos pimpolhos, já vale o ingresso.    


Me Sigam no Facebook e Twitter:

Nenhum comentário: