Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quarta-feira, 14 de março de 2018

Cine Especial: Narrativa Cinematográfica: Parte 2


Nos dias 17 e 18 de Março eu estarei na Cinemateca Capitólio, participando do curso Narrativa Cinematográfica, criado pelo Cine Um e ministrado pela pesquisadora e professora de história de cinema Fatimarlei Lunardelli. Enquanto os dias não chegam por aqui eu irei relembrar dos principais clássicos do cinema que serão analisados durante atividade.    

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain (2001)



Sinopse: Amélie é uma jovem do interior que se muda para Paris e logo começa a trabalhar em um café. Num belo dia, ela encontra uma caixinha dentro de seu apartamento e decide procurar o dono. A partir daí, sua perspectiva de vida muda radicalmente.

Ninguém deve esperar uma comédia rasgada. O maior sucesso do cinema francês de 2001 oferece humor dramático em narrativa que na forma algo modernosa e no uso de cores procura o tom da fabula com mensagem. Finalista no Oscar de melhor filme estrangeiro e em outras categorias ganhou o Cesar (Oscar Francês) de melhor filme e melhor direção. Destaque à Fotografia do filme, que brilha em diversas cenas, que poderiam ser comuns e até inúteis, se não fosse à iluminação. Uma das cenas que merecem ser lembradas é a dos casais tendo orgasmo e as da infância de Amélie, tal como a estação de trem e dependências do apartamento, magnificamente e instigante aos olhos.

Curiosidade: Na maioria da apresentação dos personagens, aparece o que eles mais gostam. Em um seleto grupo, também é demonstrado o que é desgostado.

  
Menina de Ouro (2004)


Sinopse: Frankie Dunn é um veterano treinador de boxe de Los Angeles que mantém quase todos a uma certa distância, exceto o velho amigo e sócio Eddie Dupris. Quando Maggie Fitzgerald, uma operária transferida de Missouri, chega ao ginásio de Frankie em busca de sua experiência, ele fica relutante em treinar a jovem. Mas quando cede ao seu jeito reservado, os dois formam um vínculo muito próximo que inevitavelmente mudará suas vidas.

Dirigido pelo veterano Clint Eastwood, a obra é uma lição de persistência e foco no que se almeja é o que o filme Menina de Ouro transmite ao cinéfilo. Um drama comovente e instigante nos faz refletir sobre o que, de fato, queremos na vida independente de situação financeira, tempo e idade. O filme retrata um esporte aparentemente violento (Boxe), mas que é tratado com uma leveza absurda no papel da boxeadora Maggie (Hilary Swank), situação que também chama atenção em se tratando da participação feminina. A atuação de Hillary Swank lhe rendeu, de forma merecida, o Oscar de 2005, por melhor atriz. Dentre as premiações no evento, o filme faturou a de Melhor Direção, de Ator Coadjuvante e de Melhor Filme.



A Outra (1988)



Sinopse: Uma professora de filosofia enfrentando uma crise de meia-idade aluga um apartamento para poder escrever. Vizinha de uma psiquiatra, ela começa a ouvir pedaços de conversas dela com seus pacientes, ficando obcecada pela vida de uma jovem grávida.

A Outra é um dos filmes menos lembrados da carreira de Woody Allen. Numa obra adulta, o diretor e roteirista reproduz um interessante casamento entre a filosofia e a psicologia através de um drama que, de tão incômodo, corre o risco de ser também um dos trabalhos mais indigestos (num melhor sentido da palavra, se é que isso seja possível) do cineasta. A sequência teatral do sonho da protagonista (Gena Rowlands)  é absolutamente incrível, pois estão ali à disposição todas as camadas de uma mulher que se redescobre nas análises de suas convicções.



Informações sobre o curso cliquem aqui.

 
Me sigam no Facebook, twitter, Google+ e instagram

Nenhum comentário: