Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Cine Dica: Fora do Figurino na Sala P. F. Gastal

EXIBIÇÃO ESPECIAL DO DOCUMENTÁRIO FORA DO FIGURINO

Nesta quinta-feira, 4 de setembro, às 20h, acontece na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) uma exibição especial do documentário Fora do FigurinoAs Medidas do Jeitinho Brasileiro, de Paulo Pélico, com debate e coffee break.  
O evento para exibição do documentário “Fora de Figurino – As Medidas do Jeitinho Brasileiro” é uma parceria entre CoutureLab Escola de Moda e SEBRAE-RS, realizado com o intuito de trazer à tona questionamentos essenciais para a melhoria do mercado de moda gaúcho como um todo.
A programação do evento inclui coffee break a partir das 19h, oferecido pela equipe SEBRAE-RS. A exibição do filme terá início às 20h. Após seu encerramento, por volta das 21h, acontecerá uma mesa redonda com participação do convidado especial José Gayegos, propiciando o debate a respeito das questões suscitadas pelo documentário. José Gayegos é estilista, modelista, historiador e jornalista de moda, famoso por sua parceria e amizade com o grande estilista Dener.
JEITINHO BRASILEIRO
Frequentemente associado à nossa criatividade e capacidade de adaptação, o chamado jeitinho brasileiro, às vezes, parece nos distinguir como povo e fortalecer o orgulho nacional. Porém, esse mesmo traço da identidade brasileira é repetidamente apontado, por nós mesmos, como causa importante de velhos problemas do país que nos faria adiar soluções e perenizar dificuldades.
É nessa última perspectiva que o jeitinho brasileiro é examinado nesse documentário. Evitando a abordagem meramente conceitual, o filme aponta a câmera para casos reais nos quais o Brasil frente a desafios preferiu a aparente facilidade da improvisação, o que acarretou consequências onerosas para a sociedade.
O ponto de partida do documentário é a questão do levantamento antropométrico, estudo científico realizado periodicamente nos países desenvolvidos para manter atualizado um banco de dados sobre as medidas corpóreas da sua população, referências indispensáveis na indústria para fabricação de produtos.
DIRETOR
Paulo Pélico é dramaturgo, produtor de teatro, cinema e vice-presidente da APTI (Associação de Produtores de Teatro Independente. Coproduziu os espetáculos Cocoricó Uma Aventura no Teatro (2008); Liberdade, Liberdade (2005); O Quebra Nozes (2001) e Honra (1999 a 2001), além de Viva o Demiurgo - Notícias de Um Artista do Terceiro Mundo, texto de sua autoria com direção de Bibi Ferreira. Ministrou cursos e palestras sobre legislação cultural e financiamento da produção artística na PUC, FAAP, SESC e BOVESPA. Foi produtor associado do longa-metragem Sábado (1995), de Ugo Giorgetti, e, atualmente, desenvolve os documentários CLASSE EMERGENTE, sobre o fenômeno da expansão da classe média no Brasil, e DEVOÇÃO, que trata da surpreendente relação dos jovens guatemaltecos com fé religiosa. Fora do Figurino é seu primeiro longa-metragem como diretor.
SINOPSE
O filme mostra que nunca houve um levantamento antropométrico capaz de apontar as medidas brasileiras médias, ao contrário de países desenvolvidos. Diversos segmentos da indústria brasileira não têm outra opção senão empregar tabelas estrangeiras de medidas e apresentam dificuldades de adaptação com enormes prejuízos econômicos, problemas de saúde pública e mesmo de competitividade econômica para o país. As numerosas e frustradas tentativas de se resolver a questão na base do improviso levaram a resultados que ficaram entre o cômico e o constrangedor.

Sala P. F. Gastal
Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia
Av. Pres. João Goulart, 551 - 3º andar - Usina do Gasômetro
Fone 3289 8133 / 8135 / 8137

Nenhum comentário: