Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 70 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Cine Dica: Produção de Curta-Metragem



http://feeds.feedburner.com/~r/CenaUm/~4/Si77NEekCMA?utm_source=feedburner&utm_medium=email


APRESENTAÇÃO
.
Por detrás de cada obra artística existe a construção de um olhar, que se particulariza a partir de uma construção íntima do realizador frente a um contexto sócio-histórico, ao seu objeto de registro e em relação a si mesmo como agente de um discurso. Por mais simples ou evidente que este conceito possa parecer inicialmente, seu uso prático pode ser responsável por problematizar ou mesmo ampliar a definição de certas práticas artísticas, como é o caso do cinema documentário. É tomando este princípio que o termo “Documentário de Criação” começa não somente a ser pensado como um paradigma, mas também como uma abertura de novas perspectivas para a produção documental contemporânea.
.
No “Documentário de Criação”, está em jogo não somente o “que” está sendo registrado, mas, sobretudo, o “como” registrar. Neste tipo de produção ganha protagonismo as escolhas de abordagem que o realizador decide tomar frente ao seu registro e o “como” se confrontar com o real através da construção de um ponto de vista. Sem restringir-se mais a ideia que tanto o marcou por décadas enquanto “mostrar a realidade como ela é”, o documentário hoje assume um caráter muito mais subjetivo e complexo. Ao transitar em práticas relacionadas a um cunho mais poético, ensaístico e performático, o “documentário de criação” procura problematizar sua própria abordagem documental, conseguindo assim distinguir-se de um registro mais expositivo e jornalístico que tanto o caracterizou nos seus primórdios.

OBJETIVO GERAL
.
Laboratório de Produção – Documentário de Criação, ministrado por Rafael Valles, no Museu da Comunicação (Porto Alegre), enfocará não somente uma análise, mas também uma prática que esteja inserida dentro da produção documental contemporânea. Seja a partir do estudo de documentários e artigos que aprofundem e problematizem o conceito de criação e autor no documentário, assim como a realização de exercícios e projetos dos alunos que coloquem em prática este tipo de produção, o curso se propõe a criar um espaço de reflexão crítica sobre a construção do real no documentário e a problematizar a posição do realizador neste processo.
.
.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
.
TEÓRICOS
  • Apresentar e conceituar a especificidade contida no cinema documentário, procurando entender como o “documentário de criação” se insere neste contexto.
  • Expor as diferentes formas de representação da realidade contidas na abordagem documental.
  • Analisar os conflitos existentes entre o olhar factual e o olhar poético, aprofundando um estudo sobre a subjetividade na produção audiovisual contemporânea e os limites do documentário enquanto representação da realidade.
  • Enfocar um estudo sobre o uso de diferentes mídias dentro do contexto do cinema documentário, buscando entender como isso ajudou a redefinir formas narrativas e estéticas dentro do âmbito documental.
PRÁTICOS
  • Realizar documentários em formato curta metragem (máximo 10 minutos de duração), visando a sua construção integral (elaboração, produção e finalização) ao longo do curso.
  • Assessorar o processo de escrita de projetos que necessitem um maior período de elaboração, visando postular a futuros concursos dentro do âmbito audiovisual para a sua realização.
  • Propor trabalhos práticos que procurem exercitar a construção de um olhar do realizador frente ao seu objeto de registro.

  
PÚBLICO ALVO
  • Aberto a estudantes, artistas, profissionais do meio cinematográfico e demais pessoas interessadas na realização de documentários e na construção da linguagem cinematográfica. Não existe a necessidade de contar com experiência cinematográfica prévia, pois a participação de pessoas com diferentes tipos de formação e trajetória proporcionará a riqueza da experiência.
.
.
DATAS / CARGA HORÁRIA
  • Laboratório de Produção – Documentário de Criação será desenvolvido em 16 aulassemanais, às terças-feiras, das 19h30 às 22h. A atividade terá a duração de 40 horas / aula.
  • Início:20 de agosto de 2013
  • Final: 03 de dezembro de 2013

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

  • A ontologia do cinema documentário;
  • A questão da representação e da reprodução da realidade contida no documentário;
  • Exposição e análise dos gêneros no cinema documentário: expositivo, reflexivo, interativo, observacional e poético;
  • Os problemas narrativos no discurso cinematográfico: transparência e opacidade;
  • A questão do “dispositivo” no cinema documentário;
  • A auto-referencialidade como paradigma na representação da realidade;
  • A representação do “outro” no cinema documentário contemporâneo;
  • A influência do suporte tecnológico no processo de criação cinematográfico;
  • A re-significação do arquivo audiovisual. A crise do cinema de compilação.
  
METODOLOGIA
.
O curso se desenvolverá em trabalhos PRÁTICOS e TEÓRICOS relacionados ao cinema documentário, com ênfase no “Documentário de Criação”. Serão realizados ao longo do curso trabalhos práticos, onde se buscarão exercitar dentro do âmbito da produção audiovisual, fotográfica e dissertativa, formas narrativas e poéticas que correspondam ao processo de construção do olhar do realizador frente ao seu objeto de registro.
Paralelamente a estes exercícios, o curso irá se concentrar ao longo do semestre no trabalho de assessoria de projetos de realização propostos pelos participantes, e que estejam dentro do âmbito do documentário. Nesta questão, cada participante também poderá optar por dois caminhos a seguirem durante o curso:
  • A realização integral de um curta-metragem com no máximo dez minutos de duração e que possua uma proposta relacionada aos conceitos trabalhados no curso.
  • Desenvolver um projeto escrito para a futura realização de um documentário, visando postular a concursos no âmbito da produção documental.
É importante ressaltar que em ambas opções existem diferentes etapas a serem cumpridas ao longo do semestre, onde serão estabelecidos cronogramas para que cada participante possa concluir o curso com o trabalho finalizado (ou pelo menos, no seu estágio mais avançado de finalização).
Dentro do campo teórico, serão abordados temas que reflitam e questionem a posição do “documentário de criação” dentro de um contexto audiovisual, artístico e sócio-histórico. Serão analisados artigos e conceitos responsáveis por expandir a compreensão sobre o que é documentário, assim como realizar a projeção de fragmentos de filmes paradigmáticos, que procurem aprofundar um entendimento na construção do “saber documental”.


VAGAS LIMITADAS

"LABORATÓRIO DE PRODUÇÃO – DOCUMENTÁRIO DE CRIAÇÃO"
de Rafael Valles
.
Início: 20 de Agosto (16 encontros semanais, às terças-feiras)
Horário: 19h30 às 22h
Local: Museu da Comunicação (Rua dos Andradas, 959 – Porto Alegre)
Investimento:
  • À vista: R$ 650,00 (Cartão de crédito ou Depósito bancário)
  • Parcelado: 1 + 3 de R$ 180,00 (Depósito bancário + Cheques)
Informações: cenaum@cenaum.com / Fone: (51) 9176-4757
.

Nenhum comentário: