Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Cine Dica: Em DVD e Blu-Ray; Piratas Pirados



Sinopse: O Capitão Pirata (Hugh Grant) é um dos mais trapalhões piratas dos sete mares e sua maré de azar anda incomodando. O pior é que ele é louco para derrotar seus rivais Black Bellamy (Jeremy Piven) e Cutlass Liz (Salma Hayek) na premiação Piratas do Ano, mas sua tripulação pra lá de doida atrapalha mais do que ajuda. Para completar, o capitão vai ter que encarar uma enfezada Rainha Victoria (Imelda Staunton) na companhia do famoso pesquisador Charles Darwin (David Tennant).

É uma delicia assistir essa nova animação dos estúdios Aardman, que mesmo num mundo atual cheio de animações digitais, sempre consegue lançar um longa de coração. Os produtores dos já clássicos a Fuga das Galinhas e Wallace e Gromit, criam a boa e velha formula de filmes de aventura com piratas, mas tudo de uma forma bem pastelão e caricata. Com um humor redondinho, a comedia só aumenta graças ao seu protagonista, um verdadeiro pirata trapalhão, que busca ser o melhor dos melhores, nos mares comandados pela mão de ferro Rainha Vitoria.
Embora não pertencente exatamente a mesma época, a participação especial do evolucionista Charles Darwin, também nos proporciona momentos hilários, isso graças a sua caracterização ingênua e cartunesca. Embora não seja superior aos antecessores, Piratas Pirados é aquele tipo de animação que agrada em cheio, tanto as crianças como os adultos, que alias esses últimos irão se divertir mais ainda com o filme, se optar em assistir a versão legendada, pois Hugh Grant surpreende do começo ao fim, ao dublar a voz do protagonista.   

Me  Sigam no Facebook e Twitter  

Nenhum comentário: