Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

Cine Dica: A Vingança dos Filmes B e Eles Só Usam Black-Tie e Os Iniciados

O Nó do Diabo


A Vingança dos Filmes B chega à sétima edição na Cinemateca Capitólio Petrobras mantendo o conceito clássico da mostra: servir de vitrine para produções independentes e de baixo orçamento, e resgatar clássicos do cinema de gênero em sessões especiais. Com curadoria e produção de Cristian Verardi, toda a programação tem entrada franca.
 A edição de 2018 abre com a primeira exibição em Porto Alegre do horror paraibano O Nó do Diabo, de Ramon Porto Mota, Jhésus Tribuzi, Ian Abé, Gabriel Martins, um dos grandes destaques do Festival de Brasília de 2017.
 Duas edições especiais do Projeto Raros apresentam pérolas perdidas do cinema popular brasileiro em cópias 35mm: Costinha e o King Mong, de Alcino Diniz, e Etéia, a Extraterreste em sua aventura no Rio, de Roberto Mauro. O cinema blaxploitation dos anos 1970 ganha destaque com a exibição dos clássicos Coffy e Foxy Brown, dirigidos por Jack Hill e protagonizados por Pam Grier, assim como o mítico diretor Walter Hill, que redefiniu o cinema de ação nos anos 1980 e tem três obras dentro da programação.   
 Outras atrações são os filmes contemporâneos de realizadores brasileiros que estão injetando sangue novo em nosso cinema de gênero, como o episódico Histórias Estranhas, projeto idealizado por Ricardo Ghiorzi, o alucinado Pazucus - A Ilha do Desarrego, de Gurcius Gewdner, e o divertido slasher Virgin Chearleaders in Chains, de Paulo Biscaia Filho, uma co-produção independente entre Brasil e EUA.
 Ainda acontecem as tradicionais sessões dedicadas aos curtas-metragens, com obras de realizadores de diversas partes do país, duas Sessões da Meia Noite especiais com os clássicos The Warriors - Os Selvagens da Noite, de Walter Hill, e Pague Para Entrar Reze Para Sair, de Tobe Hooper, além de outras insanidades fílmicas. Aproveitem a Vingança!

 PROGRAMAÇÃO COMPLETA
 25 de Janeiro (quinta)
20h – O Nó do Diabo (Brasil / 2017 / 120'). Dir: Ramon Porto Mota, Jhésus Tribuzi, Ian Abé, Gabriel Martins.
Com: Zezé Motta, Fernando Teixeira, Everaldo Pontes, Tavinho Teixeira.
Cinco contos de horror. Uma fazenda tomada por horrores a mais de duzentos anos. Cinco encontros com a morte. Um nó que não se desata. Exibição em DCP.

26 de Janeiro (sexta)
20h – Projeto Raros Especial: Costinha e o King Mong (Brasil / 1977). Dir: Alcino Diniz. Com: Costinha, Ferrugem, Wilza Carla.
Bandidos tentam capturar o gorila gigante King Mong, que vive na selva, onde é a divindade de uma tribo. Para satisfazer o deus, o grupo de criminosos utiliza como uma oferenda o rei da selva, Costinha. Contudo, a quadrilha acaba armando uma grande confusão, fazendo com que todos os habitantes da selva parem em um circo brasileiro. Paródia escrachada típica do cinema brasileiro, indo no encalço do sucesso da versão de 1976 de King Kong. Exibição em 35mm.

27 de Janeiro (sábado)
Especial Walter Hill - O Último dos Durões
 16h – Sessão Maldita Matinee: Ruas de Fogo (Streets Of Fire / EUA / 1984 / 93'). Dir: Walter Hill. Com: Michael Paré, Diane Lane, Willem Dafoe.
Durante um show, a cantora de rock Ellen Aim ( Diane Lane) é sequestrada pelos Bombers, uma gangue de motoqueiros liderados pelo psicótico Raven Shaddock (Willem Dafoe). Quando o ex-namorado de Ellen, o outsider Tom Cody (Michael Paré), retorna à cidade e descobre o que aconteceu, ele parte em seu resgate deflagrando uma violenta guerra entre gangues. Exibição em HD.  
20h – Caçador de Morte (The Driver / EUA / 1978 / 91'). Dir: Walter Hill. Com:  Ryan O'Neal, Bruce Dern, Isabelle Adjani
Um motorista ( Ryan O'Neal), especialista em fugas de assaltos, e conhecido apenas como The Driver, é perseguido por um policial obstinado (Bruce Dern),
enquanto tenta lidar com a violência dos ex-parceiros e com o interesse por uma misteriosa cúmplice de crime, interpretada por Isabelle Adjani. Exibição em HD. Após a sessão, acontece um debate com o pesquisador César Almeida.
 23h59: Sessão da meia-noite I: The Warriors - Os Selvagens da Noite (The Warriors / EUA / 1979/ 92'). Dir: Walter Hill.
Com: Michael Beck, James Remar, Deborah Van Valkenburgh.
Acusados injustamente pelo assassinato do carismático líder dos Riffs, durante uma noite os membros dos Warriors serão caçados pelas gangues mais violentas de Nova Iorque, enquanto precisam atravessar a cidade para chegarem à salvo em Coney Island, seu território. Filme de culto que marcou a carreira de Walter Hill como um dos mais notórios diretores de ação dos anos 80, e solidificou a cultura das gangues de rua novaiorquinas no imaginário da cultura pop. Exibição em HD.

28 de janeiro (domingo)
20h – Sessão Shoot or Die I:  Aniversário do Pedro (10') + Casulos (13') + Ultima Puella (8') + Vinil (13') + Mãe dos Monstros (8') + Boa Noite, Charles (20') +
O Plantador (15'). Total: 87 minutos

 30 de Janeiro (terça)
20h –Andale  (Brasil / 2017) + Pazucus- A Ilha do Desarrego (Brasil / 2017). Dir: Gurcius Gewdner. Com:  Marcel Mars, Gurcius Gewdner, Priscilla Menezes
Dentro do intestino de Carlos, monstros fecais se preparam para o seu fim. Esta confusão estomacal torna-o uma presa fácil para o obsessivo Dr. Roberto. Ao mesmo tempo, Oréstia e Omar procuram harmonizar seu relacionamento em um acampamento e são, gradualmente, oprimidos pela natureza, que de paradisíaca torna-se infernal. Exibição em HD. 

31 de janeiro (quarta)
20h – Histórias Estranhas (Brasil /2017). Dir: Rodrigo Brandão, Kapel Furman, Taísa Ennes, Paulo Biscaia Filho, Claudio Ellovitch, Filipe Ferreira, Ricardo Ghiorzi e Marcos DeBrito.
Idealizado por Ricardo Ghiorzi, Histórias Estranhas é uma coletânea oito segmentos repletos de horror, suspense e fantasia, realizados por produtoras de cinema independente e dirigidos por alguns dos mais promissores cineastas de gênero do Brasil na atualidade. Exibição em HD. 

 1° de fevereiro (quinta)
20h30 - Pelo Amor e Pela Morte (Dellamorte Dellamore / Itália / 1994 / 105 ninutos). Dir: Michele Soavi. Com:  Rupert Everett, François Hadji-Lazaro, Anna Falchi.
Francesco Dellamorte (Rupert Everett), coveiro de um estranho vilarejo, tem de lidar com o inusitado fato de os mortos levantarem da tumba sete dias após terem sido enterrados. Inspirado em romance homônimo de Tiziano Sclavi (criador de Dylan Dog), e dirigido por Michele Soavi, discípulo de Dario Argento, "Pelo Amor e Pela Morte" é um delirante exercício de horror, humor e surrealismo. Considerado um dos últimos grandes exemplares do imaginativo cinema fantástico italiano. Exibição digital.  

2 de fevereiro (sexta)
20h30 - Coffy: Em Busca de Vingança (Coffy / EUA / 1973 / 91 minutos). Dir: Jack Hill. Com: Pam Grier, Sid Haig, Robert DoQui
Após sua irmã ficar em estado vegetativo devido a uma overdose de heroína, Coffy (Pam Grier) decide eliminar sem piedade quem ela julga ser responsável pela tragédia. Ela mergulha no universo sórdido do tráfico, abandonando a pacata vida de enfermeira para transformar-se numa vigilante implacável. A situação se complica quando o seu plano de retaliação começa a afetar os negócios da máfia local, além de expor o envolvimento de políticos e policiais com o tráfico de drogas. Exibição digital. 

3 de fevereiro (sábado)
20h30 – Virgin Chearleaders in Chains (EUA / 2017) Dir:  Paulo Biscaia Filho. Com: Elizabeth Maxwell, Kelsey Pribilski, Ezekiel Z. Swinford
Shane é um aspirante a roteirista e está em crise. Apesar do incentivo da namorada Chloe, ele não consegue vender nenhum roteiro e quando está prestes a desistir, tem a ideia de produzir um filme de terror com a ajuda dos amigos. Com um elenco encabeçado pela stripper Amber (Elizabeth Maxwell) e o lendário ator de filmes de horror Mike Beale (Don Daro), a equipe do filme Virgin Cheerleaders in Chains vai se deparar com uma trupe de sádicos que não estava no roteiro. Exibição em HD.
23h59 - Sessão da meia-noite II: Pague Para Entrar Reze Para Sair (The FunHouse / EUA / 1981). Dir: Tobe Hooper. Com:  Elizabeth Berridge, Shawn Carson, Jeanne Austin.
Quatro adolescentes resolvem passar uma noite escondidos em um parque de diversões, mas o que seria uma aventura transforma-se num pesadelo macabro ao presenciarem um assassinato, e serem perseguidos por uma estranha criatura. Falecido em agosto de 2017, o diretor Tobe Hooper foi um dos ícones do horror norte americano, sempre lembrado pelo seu clássico absoluto "O Massacre da Serra Elétrica", deixou também como legado outras pérolas do gênero, como este "Pague Para Entrar Reze Para Sair", que se tornou querido pelo público brasileiro devido a sua exibição nos madrugadões da TV durante os anos 80. Exibição em HD. 

 4 de fevereiro (domingo)
16h30 - Cercados Pela Morte (20') + Astaroth  (Brasil / 2017). Dir: Larissa Anzoategui. Com: Monica Monteiro, Ju Calaf, Jacqueline Takara.
Encoberta pelas névoas do tempo, ela foi esquecida... Mas sempre há alguém para lembrar.Gregório (Janderson Tucunduva) é um tatuador obcecado por Astaroth (Monica Monteiro), entidade demoníaca que espreita nas sombras com promessas de desejo e prazer. Com a arte da tatuagem e com seu conhecimento arcano, ele pretende resgatá-la das brumas do esquecimento e trazê-la para o mundo da carne. Duas jovens são envolvidas em seus planos: a decidida tatuadora Dri (Ju Calaf) e a doce guitarrista Lia (também interpretada por Monica Mattos). Amiga delas, Mai (Jacqueline Takara) é a jovem que usará seu treinamento em artes marciais para tentar defendê-las e combater os desígnios do Inferno.
 20h30 – Sessão Sessão Shoot or Die II:  Bandidos Desalmados (8') + Coágulo (13') + 1947 (20') +  Reflexo (7') + Espeto Corrido (20') + Flecha Dourada (15') .
Total:  83 minutos

 6 de fevereiro (terça)
20h30 – Mortalmente Perigosa (Gun Crazy / EUA / 1950). Dir:  Joseph H. Lewis. Com:  Peggy Cummins, John Dall, Berry Kroeger.
Fascinado por armas desde a infância, Bart (John Dall) passa anos em um reformatório após tentar roubar uma pistola de uma loja. Ao sair conhece Annie (Peggy Cummins), uma atiradora de circo especialista em armas e de mira invejável. A atração entre os dois é instantânea e explosiva, ainda mais quando a dupla resolve investir numa vida de crimes. Obra prima do mestre do cinema B americano Joseph H. Lewis. Exibição em HD. 

 7 de fevereiro (quarta)
20h30 – Foxy Brown (EUA/ 1974). Dir: Jack Hill. Com:  Pam Grier, Antonio Fargas, Peter Brown.
Para se vingar dos mafiosos que mataram seu namorado, Foxy Brown (Pam Grier) se infiltra no mundo da prostituição enquanto planeja o exterminio dos
criminosos. O sucesso comercial de "Coffy" (1973) resultou nesta nova parceria da atriz com o diretor Jack Hill, e em menos de um ano depois "Foxy Brown"
estreava nas telas consolidando a carreira de Pam Grier, transformando-a num ícone do cinema blaxploitation. Exibição digital. 

 8 de fevereiro (quinta)
20h30 - A Filha de Satã (Night of the Eagle/Burn, Witch, Burn /UK / 1962/ 90'). Dir: Sidney Hayers. Com Peter Wyngarde, Janet Blair e Margaret Johnston.
Cético professor universitário descobre que sua esposa, com quem está casada há muitos anos, é uma bruxa. Cultuado filme sobre bruxaria, de roteiro enxuto e atmosfera sombria, dirigido pelo escocês Sidney Hayers (Circo de horrores /1960). Considerado um clássico do cinema de horror inglês. Exibição digital.

9 de fevereiro (sexta)
20h30 – Projeto Raros Especial:  Eteia, A Extraterrestre (Brasil /1983). Dir: Roberto Mauro. Com: Zezé Macedo, Wilson Grey, Celia Cruz.
A namorada do E.T. (Zezé Macedo) está procurando seu amor desaparecido através do galáxia, mas perde o controle de sua nave espacial e acaba perdida no Rio de Janeiro.
  
CURTAS-METRAGENS
Ándale (2017 / 4'). Dir: Petter Baiestorf
Um filme sobre o caos, sobre o mundo de hoje, sobre a necessidade de uma revolução, um levante das massas contra os exploradores.
 Cercados Pela Morte (2017/ 20'). Dir: João Vitor Ferian
Em um Brasil devastado por um suposto vírus capaz de reanimar cadáveres, um grupo de sobreviventes está confinado em uma casa, enfrentando a fome, o medo, os mortos... e os vivos.
 Sessão Shoot or Die I: 
Aniversário do Pedro (2017/ 10') / Dir: Cíntia Domit Bittar
 Casulos (2017 / 13') Dir: Joel Caetano. Com: Mariana Zani
Ela só queria relaxar, mas algo vindo de muito distante atrapalha seus planos.
 Ultima Puella (2017 / 8') Dir: Jota Bosco. Com: Lígia Marina, Osvaldo Neto, Júlio Cesar Carvalho
No final dos anos 70 Cláudio Zuccolotto criava a personagem Indianara, protagonista de três números de uma HQ com o mesmo nome e lançada com tiragem limitadíssima. Os poucos exemplares que restaram das HQs tornaram-se objeto de desejo de muitos fãs dos quadrinhos nacionais. Zuccolotto faleceu em 1983 sem ter seu único trabalho devidamente reconhecido. Agora Indianara chega às telas nesta homenahem ao universo dos quadrinhos independentes de terror do Brasil nos anos 70 e 80.
 Vinil (2017 /13'). Dir: Catherine Vargas e Valentina Barata. Com: Aline Szpakowski,
Cláudio Cavinato, João França, Marco Torelly.
Stefan vive uma infância conturbada ao lado de seu pai e é na figura da mãe que encontra um refugio para seus pesadelos.
 Mãe dos Monstros (2017 /8'). Dir: Julia Zanin de Paula. Com: Laura Hickmann, Carlo Cancelli, Marcos Sigales.
Uma garota é perseguida por uma trupe circense. Ela está sozinha em um lugar desconhecido tentando achar a saída. Será um show de horrores?
Livremente inspirado no conto "La Mère aux Monstres", de Guy de Maupassant.

Boa Noite, Charles (20')
Charles é um boneco de um filme de stop motion. Quando vai dormir e apaga as luzes, seu medo do escuro transforma tudo ao seu redor. Marcos e Eduardo são dois diretores principiantes. Nem Charles, nem Marcos e Eduardo podem prever o futuro desse sinistro stop motion.
 O Plantador (2017/ 15'). Dir: Jonas Costa. Com: José Menezes, Selma Arsênio, Nelson Diniz.
Forças desconhecidas invadiram as terras do plantador, espalhando pestes em sua plantação.
 Sessão Sessão Shoot or Die II: 
Bandidos Desalmados (2016 / 8'). Dir: Zaracla. Com:  Leandro Schirmer, Fabrício Barros, Marcos Kligman e Bruno Krieger
Roteirista busca a ideia perfeita para seu novo filme. Ele tenta escrever enquanto tem que lidar com influências e pressões externas. Para desenvolver a história, acaba mergulhando no universo da sua trama, a ponto de colocar sua própria vida em risco.
 Coágulo (2017 /13'). Dir: Jessica Gonzatto. Com: Carolina Repenning, Cláudio
Benevenga, João Gustavo Medeiros, Gabriela Spineli.
Eva tem as veias escuras manchando sua pele pálida. Após uma visita ao médico, ela mergulha em uma espiral de alucinações e paranoias, perdida dentro de si.
 1947 (2017 /20'). Dir: Giordano Gio. Com: João Pedro Prates, Carina Dias, Airton Oliveira
O jovem Hermes, isolado em seu sótão, envolve-se em uma insólita espiral emocional depois de flagrar o suicídio de seu avô, de quem herdou o nome, a curiosidade, as contradições e uma estranha obsessão por tudo que aconteceu no ano de 1947.
 Reflexo (2017 /7'). Dir: Rodrigo Portela. Com: Ana Maria Mainieri, Cristian Verardi
Ela anda pelas ruas, e através dos reflexos algo estranho a persegue.
 Espeto Corrido (20') Dir:  Felipe da Fonseca Peroni. Com: Robson Catalunha,  Zé Geraldo Jr., Lui Strassburger.
Rodney trabalha em uma churrascaria rodízio servindo o impopular pão de alho. Além da rejeição dos clientes, enfrenta a indiferença da recepcionista Valéria e as humilhações perpetradas por Guilherme, o perverso garçom que serve a picanha.
 Flecha Dourada (15') / Dir: Cíntia Domit Bittar
Entre socos e paneladas, os lutadores do grupo Golden Flecha voltam ao ringue depois de 50 anos para reviver a era gloriosa do catch catarinense.

DOIS DESTAQUES DO CINEMA SUL-AFRICANO CONTEMPORÂNEO EM CARTAZ NA CINEMATECA CAPITÓLIO PETROBRAS

A partir de quinta-feira, 25 de janeiro, a Cinemateca Capitólio Petrobras exibe dois filmes contemporâneos realizados na África do Sul. Eles Só Usam Black Tie, de Sibs Shongwe-La Mer, e Os Iniciados, de John Trengove. A pedido do público, os clássicos restaurados A Bela da Tarde, de Luis Buñuel, e A Primeira Noite de um Homem, de Mike Nichols, seguem em cartaz até o dia 31 de janeiro. O valor do ingresso é R$ 16,00, com meia entrada para estudantes e idosos.
 Durante a semana, antes dos dois filmes sul-africanos, serão exibidos quatro curtas-metragens brasileiros. A curadoria é do coletivo Sigma Cinema. Confira a programação detalhada abaixo.  

FILMES
 ELES SÓ USAM BLACK TIE
Necktie Youth
93 min., 2015
África do Sul/Holanda, DCP
Direção: Sibs Shongwe-La Mer
Distribuição: Fênix Filmes
No aniversário da revolta violenta da juventude de Soweto, de 16 de junho de 1976, o suicídio de uma jovem é misteriosamente transmitido em tempo real. Um ano e alguns meses após o incidente, dois desiludidos jovens zulus atravessaram os subúrbios do norte de Joanesburgo em busca de respostas, drogas, distração e salvação.
 OS INICIADOS
Inxeba
88 min., 2017
África do Sul/Alemanha/Holanda/França, DCP
Direção: John Trengove
Distribuição: Zeta Filmes

Cabo Oriental, África do Sul. Xolani, um solitário operário, ausenta-se de seu trabalho para ajudar nos ritos de circuncisão Xhosa de iniciação à masculinidade. Em um remoto acampamento em uma montanha, jovens se recuperam enquanto aprendem os códigos masculinos de sua cultura. Neste ambiente de machismo e agressão, Xolani cuida de Kwanda, um rebelde novato de Joanesburgo, que questiona os códigos patriarcais de iniciação, enquanto o próprio Xolani sofre entre seu mundo familiar tradicional e sua própria realização. Representando a África do Sul, Os Iniciados está entre os 9 pré-selecionados para o prêmio de melhor filme estrangeiro no Oscar 2018.
 CURTAS – COLETIVO SIGMA
 O Arco do Medo, de Juan Rodrigues (2017, 15 minutos)
O arco do medo é um relato de insurgência. Masculino e feminino caem perante um corpo negro que resiste na busca por liberdade e tempo. Borrando os limites do gênero na tentativa de simplesmente ser. Um corpo negro que supervive. O Arco do Medo é a segunda parte de uma trilogia de experimentos audiovisuais que tenta explorar questões de ancestralidade do corpo e espaço da bicha preta.
 Em busca de Lélia, de Beatriz Santos Vieira (2017, 15 minutos)

Lélia Gonzalez. Seguindo os passos desse nome, começo a busca pela minha ancestralidade e por retratá-la. Professora e antropóloga, mulher à frente do seu tempo, protagonista na militância junto ao Movimento Negro nos anos 1970/1980, período no qual percorreu diversas cidades e países -, sempre afirmando sua identidade e denunciando o mito da democracia racial. Um símbolo de resistência e da luta pelos direitos de indígenas, negros e mulheres. Os afetos de Lélia me guiam por toda caminhada.

Michel, de Guilherme Novello (2017, 15 minutos)

Michel quer voltar para casa. Uma história sobre o dia-a-dia de um ex-detento e seu difícil processo de ressocialização.

Casca de Baobá, de Mariana Luiza (2017, 11 minutos)

Uma jovem negra nascida em um quilombo no interior do Estado é cotista na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Sua mãe leva a vida cortando cana nas proximidades do quilombo. As duas trocam mensagens para matar a saudade e refletir sobre o fim de uma era social e econômica.

GRADE DE HORÁRIOS
25 a 31 de janeiro de 2017
25 de Janeiro (quinta)
14h – A Primeira Noite de um Homem
16h – O Arco do Medo + Os Iniciados
18h – O Arco do Medo + Eles Só Usam Black Tie
20h – A Vingança dos Filmes B (O Nó do Diabo)
 26 de Janeiro (sexta)
14h – A Bela da Tarde
16h – Em Busca de Lélia + Os Iniciados
18h – Em Busca de Lélia + Eles Só Usam Black Tie
20h – A Vingança dos Filmes B (Projeto Raros Especial - Costinha e o King Mong)
 27 de Janeiro (sábado)
14h – A Primeira Noite de um Homem
16h - A Vingança dos Filmes B (Ruas de Fogo)
18h – Michel + Eles Só Usam Black Tie
20h – A Vingança dos Filmes B (Caçador de Morte + debate)
23h59 – A Vingança dos Filmes B The Warriors – Os Selvagens da Noite
 28 de janeiro (domingo)
14h – A Bela da Tarde
16h – Casca de Baobá + Os Iniciados
18h – Casca de Baobá + Eles Só Usam Black Tie
20h – A Vingança dos Filmes B (Sessão Sessão Shoot or Die I)
 30 de Janeiro (terça)
14h – A Primeira Noite de um Homem
16h – Michel + Os Iniciados
18h – Em Busca de Lélia + Eles Só Usam Black Tie
20h – A Vingança dos Filmes B (Andale + Pazucus, a Ilha do Desarrego)
 31 de janeiro (quarta)
14h – A Bela da Tarde
16h – Casca de Baobá + Os Iniciados
18h – Arco do Medo + Eles Só Usam Black Tie
20h – A Vingança dos Filmes B (Histórias Estranhas)

Nenhum comentário: