Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 70 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 20 de março de 2012

Cine Especial: INSTINTO SELVAGEM: 20 ANOS DEPOIS!

Sinopse: Em São Francisco, o policial Nick Curran (Michael Douglas) fica fortemente atraído por Catherine Tramell (Sharon Stone), a principal suspeita de um assassinato. Apesar de ter consciência dos riscos que corre, Curran se expõe cada vez mais, mesmo quando novas mortes ocorrem.
Instinto Selvagem foi um dos grandes sucessos de publico e critica no inicio da década de 90 e que lançou a atriz Sharon Stone ao estrelato. Boa parte do seu sucesso se deve ao ótimo suspense orquestrado pelo diretor Paul Verhoeven, que em vários momentos da película, lembra em muito os momentos de originalidade dos filmes de Alfred Hitchcock, e Sharon Stone, por sua vez, usa o cabelo no interrogatório idêntico a de Kin Novak em Um Corpo que Cai.
Claro que as cenas de sexo explicito também chamaram bastante atenção, sendo que as cenas de Michael Douglas com a atriz foram bem reais e com certeza pioraram a situação de Douglas, pois neste tempo era viciado em fazer sexo, algo que acabou se tratando mais tarde, e só assim mesmo para o casamento dele com Caterine Zeta Jones durar até hoje. Sharon Stone por sua vez fez o papel de sua vida, como escritora manipuladora, que simplesmente sabe manipular os personagens que os rodeiam ela. Os únicos que não confiam nela são próprio espectador, pois sabe desde o inicio que ela não é flor que se cheire, mas se alguém tinha duvida sobre se ela era culpada ou não dos seus crimes, tudo é respondido num final rápido e perturbador.
Na época, houve manifestações dos gays e lésbicas contra o filme da maneira que eles eram retratados, pois sendo a protagonista bissexual e possível criminosa da trama, o grupo não gostou nada disso, e outra coisa que incomodou foi ar de anti gay, principalmente na parte da danceteria. O próprio diretor por sua vez se defendeu dizendo que jamais queria transmitir isso, contudo ficou essa sensação no ar.
E como todo bom filme, Instinto Selvagem não poderia deixar de Ter um cena marcante que entrasse para historia, é a cena do interrogatório em que a atriz cruza as suas pernas e mostra que deixou alguma coisa em casa, é desde já uma das mais marcantes dos anos 90. Por conta disso, as fabricas de calcinha teve uma leve baixa nas vendas do produto, por que será né?
Vinte anos depois, o filme continua mais atual do que nunca e um dos filmes mais lembrados da década de 90!

Curiosidade: A famosa cena da cruzada de pernas de Sharon Stone em Instinto Selvagem foi rodada sem que a própria atriz soubesse que o público perceberia que ela estava sem calcinha no momento. A atriz apenas soube durante uma exibição-teste, quando viu a cena já dentro do próprio filme. Irritada com o fato, Sharon apenas foi convencida a permitir a manutenção da cena pelo próprio Paul Verhoeven, que disse atriz que este poderia ser seu passaporte para a fama.


Me Sigam no Facebook e Twitter:

Nenhum comentário: