Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 97 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura e Cinema e Movimento. Atualmente sou colaborador do site Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Cine Dica: Parasita, Adoniran e Sessão Vagalume (30 de janeiro a 5 de fevereiro)

SESSÃO ESPECIAL DE PARASITA ADONIRAN EM CARTAZ  SOBRE RODAS NA SESSÃO VAGALUME
Parasita

No domingo, 2 de fevereiro, às 18h, a Cinemateca Capitólio apresenta em parceria com a ACCIRS (Associação de Críticos de Cinema do Rio Grande do Sul) uma sessão comentada de Parasita, o novo aclamado filme do sul-coreano Bong Joon-ho. A sessão será comentada pelos críticos Carla Oliveira, Giordano Gio e pelo programador da Cinemateca Leonardo Bomfim. O filme foi eleito o melhor longa-metragem internacional de 2019 na enquete anual realizada pela associação.

Os ingressos para a sessão de Parasita serão vendidos a partir de sexta-feira, 31 de janeiro.

A partir de quinta-feira, 30 de janeiro, o documentário Adoniran – Meu Nome é João Rubinato, de Pedro Serrano, entra em cartaz na Cinemateca Capitólio. Antes do longa-metragem, será exibido o curta de ficção Dá Licença de Contar, também dirigido por Serrano, com Paulo Miklos no papel do sambista.
Na terça-feira, 28 de janeiro, às 19h30, o diretor Pedro Serrano participa de uma sessão comentada.  Antologia da Cidade Fantasma, O Farol e Synonymes seguem em exibição até o dia 5 de fevereiro.

SOBRE RODAS NA SESSÃO VAGALUME
Nos dias 01 e 02 de fevereiro, a Sessão Vagalume apresenta o filme brasileiro Sobre Rodas, de Mauro D’Addio. No filme, Lucas e Laís, dois amigos que se conheceram na escola, iniciam uma jornada para encontrar o paradeiro do pai da menina. A Sessão Vagalume é produzida pelo Programa de Alfabetização Audiovisual.   

FILMES

Parasita
(Gisaengchung)
Coréia do Sul, 2019, 132’, DCP
Direção: Bong Joon-ho
Distribuição: Pandora/Alpha Filmes
Todos os quatro membros da família Ki-taek estão desempregados, porém uma obra do acaso faz com que o filho adolescente comece a dar aulas privadas de inglês à rica família Park. Fascinados com o estilo de vida luxuoso, os quatro bolam um plano para se infiltrar nos afazeres da casa burguesa. É o início de uma série de acontecimentos incontroláveis dos quais ninguém sairá ileso.

Sobre Rodas
(Brasil, 2017, 72', DCP)
Direção: Mauro D'Addio
Lucas, um menino de 13 anos, chega a uma nova escola depois de um acidente que o colocou em uma cadeira de rodas. Lá, ele fica amigo de uma colega de classe, Laís, que sonha em conhecer o pai que a abandonou. Uma jornada se inicia quando eles descobrem o paradeiro do pai dela e decidem fugir juntos para tentar encontrá-lo.

Adoniran – Meu Nome é João Rubinato
Brasil, 2018, 92 minutos, DCP
Direção: Pedro Serrano
O filme oferece acessibilidade CineAssista
Distribuição: Pandora Filmes
Adoniran Barbosa, autor de sucessos como "Trem das Onze" e "Saudosa Maloca", carrega o título de maior sambista paulista de todos os tempos. A cidade de São Paulo era a personagem principal de suas canções e radionovelas. Através de imagens de arquivos raras e nunca vistas antes, o compositor e cantor paulistano, que faleceu em 1982, é redescoberto pelo público.

Dá Licença de Contar
Brasil, 2015, 17 minutos, DCP
Direção: Pedro Serrano
O curta-metragem tem como tema as histórias por trás de canções famosas do cantor e compositor Adoniran Barbosa.

INGRESSOS:
Parasita: R$ 16,00
Synonymes: R$ 16,00
Antologia da Cidade Fantasma: R$ 16,00
Adoniran: R$ 16,00
O Farol: R$ 16,00
Sessa Vagalume: R$ 10,00
Projeto Raros: entrada franca.

GRADE DE HORÁRIOS
30 de janeiro a 5 de fevereiro de 2020

30 de janeiro (quinta)
14h – Antologia da Cidade Fantasma
16h – Synonymes
18h – Adoniran – Meu Nome é João Rubinato
20h – O Farol

31 de janeiro (sexta)
14h – Antologia da Cidade Fantasma
16h – Synonymes
18h – Adoniran – Meu Nome é João Rubinato
20h – Projeto Raros – O Incrível Homem que Derreteu

1 de fevereiro (sábado)
14h – Antologia da Cidade Fantasma
16h – Sessão Vagalume: Sobre Rodas
18h – Adoniran – Meu Nome é João Rubinato
20h – O Farol

2 de fevereiro (domingo)
14h – Antologia da Cidade Fantasma
16h – Sessão Vagalume: Sobre Rodas
18h – Parasita + debate

4 de fevereiro (terça)
14h – Antologia da Cidade Fantasma
16h – Synonymes
18h – Adoniran – Meu Nome é João Rubinato
20h – O Farol

5 de fevereiro (quarta)
14h – Antologia da Cidade Fantasma
16h – Synonymes
18h – Adoniran – Meu Nome é João Rubinato
20h – O Farol

Nenhum comentário: