Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Cine Dica: Cumbuca Filmes lança o curta Frágil na Sala P. F. Gastal



Frágil, o mais recente trabalho da Cumbuca Filmes, será lançado no dia 4, sexta-feira, às 21h, na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar). A entrada é franca.
Com anseios e dilemas cotidianos, o filme de Renata Heinz tem Rafaela Cassol no elenco e trilha sonora do pianista Luciano Leães. "A proposta, desde o inicio, foi retratar alguma situação cotidiana da personagem, comum a muitas pessoas. Ou seja, quase todo mundo se viu um pouco nela, mas ao mesmo tempo questionar: o quanto de mim há nela, o quanto dela há em mim?", diz Renata. "As vezes pregamos um distanciamento do autor com relação a obra, o meu caminho foi oposto." Deixar-se afetar a ponto de ultrapassar o limites entre a realidade do autor e a ficção da personagem é o objetivo do filme.
A sintonia descrita por Renata entre autor e personagem não poderia ser representada por outra atriz que não Rafaela Cassol, que esta presente em diversos outros trabalhos produzidos pela Cumbuca Filmes, como exemplo Sangue e Goma (2011), Esquisita Sofrenia (2008) e OFFORA (2005). Em Frágil, o roteiro inicial passou por um processo de trabalho nas discussões entre atriz, personagem e autor, para possibilitar a exposição de um universo  interior em pensamentos que possuem naturalmente fluxo próprio. "Assumimos isso oficialmente quando me proponho a narrar e interferir na história. História que já não é somente minha, nem da Rafaela, nem de Ana, mas também de quem assiste." A personagem Ana anseia por mudança, seja ela um deslocamento físico ou uma ação interna, traz à tona a dificuldade e a dor que sentimos no momento que antecede a saída dessa zona de conforto.
A parceria com Luciano Leães também já se repetiu em outros trabalhos da Cumbuca. Leães fez a trilha de três documentários e de três curtas dirigidos por Renata. O clipe da música Tit for Tat do pianista foi produzido pela Cumbuca e estrelado por Rafaela. Além disso, Renata registrou e produziu projeções para os shows de Leães para o projeto Blues in Clio Arte do Studio Clio.

Comemorando seus 10 anos, a Cumbuca tem em seu histórico três documentários, 11 curtas, registros de shows e  produção de videoclipes. Marcando esta dada, a produtora conta com um site novo que pode ser acessado em www.cumbucafilmes.com.br.


Sinopse: Uma mulher prestes a encarar uma mudança. Frágil é o que carrega consigo e também a verdade na relação entre a personagem e a autora. Desejos e sentimentos se misturam e se dividem, mas não incólumes, cada um em seu mundo, real e imaginado, ficção ou não.
Trailer: 
http://youtu.be/SofPsxzpuk0


Renata Heinz:
Professora da Unisinos, coordena os curtas de fim de curso da Unisinos. É diretora de arte e professora dessa disciplina no curso de especialização.
Sócia fundadora da Cumbuca Filmes, Renata Heinz dirigiu, coproduziu e roteirizou os documentários Horror.DOC (72 min , 2012), Diversa Cidade - Um retrato do FSM (32 min, 2010), Berlim Brasil (70 min, 2009), Apolonio doc+show (75 min, 2009), Vida em Comum Incomum - Série FSM2005(15min, 2005) e Fome d Q? (10 min, 2004). Além de exercer essas funções na série de pequenos registros que documentaram o Fórum Social Mundial de 2005: Quente / Frio, Som e Antes da Escuridão, exibidos durante o evento através do Panorama Fórum, alguns retransmitidos em países da América do Sul. Dirigiu e roteirizou os curtas: Sangue e Goma (2011), Legendas (2008), Esquisita Sofrenia (2008), Saco!(2007), Corpo Frio (2006), Alinhavo, deu nó! (2005), Querer Mudo (2005), OFFORA (2005).

Luciano Leães:
Um dos pianistas mais importantes do blues no Brasil. Foi vencedor do Prêmio Açorianos de 2013 como Melhor Instrumentista de Disco POP e foi responsável pela abertura do show de Elton John no Estádio do Zequinha em Porto Alegre no ano de 2013.


Rafaela Cassol: 

Participou de diversos curtas produzidos pela Cumbuca como atriz. É vencedora do Prêmio Aplauso de Teatro (SP) como melhor atriz coadjuvante e vencedora da categoria Melhor Atriz do Festival de Santa Rosa (2011) pela atuação em Sangue e Goma.

FICHA TÉCNICA:

Elenco: Rafaela Cassol
Direção, Roteiro, Direção de Foto, Direção de Arte, Produção: Renata Heinz
Trilha Original: Luciano Leães
Assistência de Arte: Mariana Machado

SERVIÇO:

O que: Lançamento do curta Frágil
Quando: 4/4
Horário: 21h
Onde: Sala P.F. Gastal - Usina do Gasômetro (Avenida Presidente João Goulart, 551)

Mais informações:
Lizi Cordeiro - liziane@gmail.com
(51)92756520
https://mail.google.com/mail/images/cleardot.gif

Nenhum comentário: