Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Cine Animação: Wallace e Gromit - A Batalha dos Vegetais.

Filme sequencia de curtas de animação, conquistou a critica até a mais exigente em 2005.
Sinopse: Wallace (Peter Sallis) e seu leal cão, Gromit, têm a missão de descobrir qual o mistério por trás dos jardins do vilarejo onde vivem. E precisam ser rápidos, já que este ameaça a competição anual do maior vegetal, organizada pela Sra. Tottington (Helena Bonham Carter).

Estrelas de uma série de curtas-metragens premiados (incluindo dois Oscars), Wallace e Gromit são as criações mais amadas e definitivas do estúdio britânico Aardman e de seu mestre Nick Park, que estavam devendo um longa-metragem da dupla e o merecido reconhecimento que ele pode trazer. A Aardman trabalha exclusivamente com animação Stop-Motion, uma árdua tarefa que não pode fazer frente à agilidade dos desenhos 3D de hoje em dia, mas possuem o charme artesanal da massinha e cativam instantaneamente crianças e adultos.
Curiosidades: Devido a árdua tarefa do stop motiun (animação quadro a quadro) Wallace e Gromit: A Batalha dos Vegetais levou cerca de cinco anos para ser feito.
A reunião de moradores na igreja é igual à - e satiriza - a reunião de banhistas no filme Tubarão. Posteriormente, o coelhosomem avançando debaixo da terra para o festival, e então correndo atrás da abobrinha gigante de Gromit, são paródias dos ataques à praia e das cenas de caça aos barris.

Nenhum comentário: