Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 26 de abril de 2021

Cine Curiosidade: Vencedores do Oscar 2021

Chloé Zhao – Nomadland  - Vencedora

Mesmo com as restrições devido a pandemia ocorreu, enfim, o Oscar 2021 e coroando a diversidade que já havia sido sentida no ano passado com a vitória do filme Coreano "Parasita". Chloé Zhao, por exemplo, se torna a segunda mulher a ganhar o Oscar de Melhor Direção pelo filme "Nomadland" e sendo a primeira mulher Chinesa a ganhar o tão sonhado prêmio. O filme, aliás, levou os prêmios também de Melhor Filme e, novamente, Oscar de Melhor Atriz para Frances McDormand e tornando uma das atrizes mais premiadas da academia.

A expectativa maior da noite ficou por conta da categoria de melhor ator, já que a maioria estava apostando em uma vitória póstuma para o falecido ator Chadwick Boseman pelo filme "A Voz Suprema do Blues". Porém, os membros da academia precisaram reconhecer a fantástica atuação de Anthony Hopkins pelo filme "Meu Pai" e recebendo, enfim, o seu segundo Oscar na carreira. Por outro lado, não foi dessa vez Glenn Close ganhou o seu tão sonhado primeiro Oscar pelo seu desempenho pelo filme "Era Uma Vez um Sonho", mas sim a veterana atriz coreana Yuh-Jung Youn pelo filme  "Minari".

Com diversos filmes com teor bastante político, muitos dos indicados e que saíram vencedores são uma representação do discurso contra o fascismo de hoje, principalmente em um EUA pós Donald Trump. "Judas e o Messias Negro", por exemplo, foi coroado com dois Oscar, dentre eles para Daniel Kaluuya ao interpretar um famoso líder do partido Panteras Negras e que foi brutalmente assassinado por agentes do governo dos EUA. Em tempos em que o país sofre novamente com atentados e mortes provados pelas armas, o curta "Se Algo Acontecer...Te amo" saiu triunfante com o Oscar de Melhor Curta de Animação e cuja sua mensagem emocional contra as armas encantou o público e a crítica.  


Confira todos os vencedores:


Melhor Filme

Bela Vingança

Judas e o Messias Negro

Mank

Meu Pai

Minari

Nomadland - Vencedor

Os 7 de Chicago

O Som do Silêncio


Melhor Direção

Lee Issac Chung – Minari

Emerald Fennel – Bela Vingança

David Fincher – Mank

Thomas Vinterberg – Druk: Mais Uma Rodada

Chloé Zhao – Nomadland  - Vencedora


Melhor Ator

Riz Ahmed – O Som do Silêncio

Chadwick Boseman – A Voz Suprema do Blues

Anthony Hopkins – Meu Pai  - Vencedor

Gary Oldman – Mank

Steven Yeun – Minari


Melhor Atriz

Viola Davis – A Voz Suprema do Blues

Andra Day – The United States vs. Billie Holiday

Vanessa Kirby – Pieces of a Woman

Frances McDormand – Nomadland  - Vencedora

Carey Mulligan – Bela Vingança


Melhor Ator Coadjuvante

Sacha Baron Cohen – Os 7 de Chicago

Daniel Kaluuya – Judas e o Messias Negro  - Vencedor

Leslie Odom Jr. – Uma Noite em Miami

Paul Raci – O Som do Silêncio

Lakeith Stanfield – Judas e o Messias Negro


Melhor Atriz Coadjuvante

Maria Bakalova – Borat 2

Glenn Close – Era uma Vez um Sonho

Olivia Colman – Meu Pai

Amanda Seyfried – Mank

Yuh-Jung Youn – Minari  - Vencedora


Melhor Roteiro Original

Judas e o Messias Negro

Minari

Bela Vingança  - Vencedor

O Som do Silêncio

Os 7 de Chicago


Melhor Roteiro Adaptado

Borat 2

Meu Pai  - Vencedor

Nomadland

Uma Noite em Miami

O Tigre Branco


Melhor Animação

Dois Irmãos

A Caminho da Lua

A Shaun the Sheep Movie: Farmaggedon

Soul - Vencedor

Wolfwalkers


Melhor Direção de Fotografia

Judas e o Messias Negro

Mank  - Vencedor

Relatos do Mundo

Nomadland

Os 7 de Chicago


Melhor Documentário

Collective

Crip Camp

The Mole Agent

Professor Polvo  - Vencedor

Time


Melhor Figurino

Emma

A Voz Suprema do Blues  - Vencedor

Mank 

Mulan

Pinocchio


Melhor Montagem

Meu Pai

Nomadland

Bela Vingança

O Som do Silêncio  - Vencedor

Os 7 de Chicago


Melhor Trilha Sonora Original

Terence Blanchard – Destacamento Blood

Trent Reznor e Atticus Ross – Mank

Emile Mosseri – Minari

James Newton Howard – Relatos do Mundo

Trent Reznor, Atticus Ross e Jon Batiste – Soul  - Vencedor


Melhor Canção Original

“Fight for You” – Judas e o Messias Negro  - Vencedor

“Hear my Voice” – Os 7 de Chicago

“Husavik” – Festival Eurovision da Canção

“Io Sí” – Rosa e Momo

“Speak Now” – Uma Noite em Miami


Melhor Filme Internacional

Druk: Mais uma Rodada (Dinamarca)  - Vencedor

Better Days (Hong Kong)

Collective (Romênia)

The Man Who Sold His Skin (Tunísia)

Quo Vadis, Aida? (Bósnia)


Melhor Curta Animado

Burrow

Genius Loci

Se Algo Acontecer… Te Amo  - Vencedor

Opera

Yes-People


Melhor Curta em Live-action

Feeling Through

The Letter Room

The Present

Dois Estranhos  - Vencedor

White Eye


Melhor Curta em Documentário

Collete  - Vencedor

A Concerto is a Conversation

Do Not Split

Hunger Ward

A Love Song for Latasha


Melhor Som

Greyound

Mank

Relatos do Mundo

Soul

O Som do Silêncio  - Vencedor


Melhor Maquiagem

Emma

Era uma Vez um Sonho

A Voz Suprema do Blues  - Vencedor

Mank

Pinóquio


Melhores Efeitos Visuais

Amor e Monstros

O Céu da Meia-Noite

Mulan

O Grande Ivan

Tenet  - Vencedor


Melhor Design de Produção

Meu Pai

A Voz Suprema do Blues

Mank  - Vencedor

Relatos do Mundo

Tenet

Joga no Google e me acha aqui:  
Me sigam no Facebook twitter, Linkedlin e Instagram.  

Nenhum comentário: