Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 70 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Cine Dica (especial) GRETCHEN FILME ESTRADA

Sinopse: Há 30 anos Gretchen rebola por muitos Brasis. Rebolou por oito copas do mundo, por quatro papados, com e sem inflação, antes e depois do divórcio, pré e pós utopias. Rebolou na ditadura, na morte de Tancredo Neves, na queda de Collor, no governo de Lula. Em 2008, Gretchen decidiu parar de rebolar. Candidatou-se à prefeitura da Ilha de Itamaracá (PE) pela coligação PPS-PV. Este documentário narra a última turnê e a primeira campanha política da rainha do rebolado.
Em determinado momento desse documentário, uma pessoa dispara que o tempo de campanha é que nem um show de circo. Não deixa de ser a mais pura verdade, porque entre campanha e outra, as coisas sempre continuam as mesmas e quatro anos depois começa tudo outra vez com o mesmo espetáculo de verdades e mentiras, doa o que doer. Gretchen Filme Estrada é um verdadeiro pequeno retrato desses dias exaustivos, seja para a pessoa que está se candidatando, seja para as pessoas que esperam por uma melhora significativa vinda disso tudo.
Mas diferente do que muitos imaginam o filme não se prende ao passado artístico de Gretchen, mas sim em sua jornada complicada dentro do mundo da campanha política daquela humilde cidade. Muito embora, tanto os bons e maus tempos do seu passado carregam consigo em cada momento que a cantora surge em cena, seja quando está se apresentando em circo (irônico) seja quando está fazendo sua campanha em meio ao povo. De uma forma bem crua, sem muitos recursos nem nada, o documentário dos cineastas Paschoal Samora e Eliane Brum mostram não só o lado de uma campanha que nos todos conhecemos como também os bastidores das engrenagens de como funciona esse circo.
É interessante ver Gretchen ensaiando um discurso, para depois falar as mesmas frases em um debate dos candidatos da cidade local, mas por mais que tenta se esforçar, não rende muitos frutos a ela, já que, por mais que tenha rebolado durante toda a sua vida, às vezes não é o suficiente para ganhar uma eleição. Além de claro haver brigas internas, há falta de dinheiro, exploração dos concorrentes pelo seu passado e certo desinteresse do público pela campanha, onde claramente podemos ver isso em uma apresentação sua no circo. 
A mesma câmera que havia filmado um público feliz pela sua apresentação no início, começa a mostrar sinais de cansaço, não somente pela imagem pálida que a cantora já foi um dia, mas também por se sentirem desgastados perante um circo sem fim de promessas e propagandas que inundam aqueles dias. No final das contas, é um filme que não mostra nem vitoriosos e nem derrotados, mas sim o que todo mundo já sabe, as coisas continuarão as mesmas, seja para a cidade de Itamaracá ou para qualquer cidade que passou ou passa pelas mesmas situações.
Gretchen não ganhou as eleições, mas pelo menos os seus dias de campanha por lá serviram para mostrar a nossa cara verdadeira perante a um circo de promessas e sonhos não cumpridos.
o 
Me Sigam no Facebook e Twitter:

Nenhum comentário: