Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 70 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Cine Especial: Lars Von Trier: ATO E CONSEQUENCIA

A CRIAÇÃO DEVE SER JULGADA PELOS ATOS DO CRIADOR?
Neste sábado estarei participando de uma sessão com debate sobre o mais novo filme de Lars Von Trier, Melancolia. É claro que no debate será inevitável não falar sobre a polemica que o diretor soltou falando sobre judeus, alemães e Hitler no ultimo festival de Cannes. Eu nem vou me estender sobre isso, já que isso foi discutido em todos os cantos do mundo (inclusive citado no ultimo curso de cinema que eu participei sobre os irmãos Coen), o que eu quero falar aqui, é que não se deve julgar um filme pelos atos de uma pessoa envolvida no projeto, seja ele diretor ou ator, é preciso separar as coisas. Melancolia pelo visto, chegara aos nossos cinemas sem que ninguém meta o bedelho no assunto (tomara), diferente do que aconteceu na Argentina, onde a distribuidora acabou desistindo do filme depois do que aconteceu em Cannes, sendo que isso não faz nenhum sentido. Seria o mesmo que não querer exibir os filmes de Wood Allen, Roman Polanski e de Mel Gibson devido aos tropeços que eles sofreram (ou provocaram) na vida. O caso que eles são seres humanos que inevitavelmente estarão vulneráveis a quaisquer problemas que surgem no decorrer do seu dia a dia e não podemos simplesmente julgá-los por às vezes eles não saberem administrar as conseqüências perante a imprensa fominha, louca para uma polemica para publicar nos jornais.
Lars Von Trier é a bola da vez, mas desejo que ele de a volta por cima e consiga fazer novos filmes. Se conseguiu fazer o genial Anticristo numa época que estava na maior depressão, então ele conseguirá de novo, pois o meu desejo é sempre ter o prazer de assistir um filme no mínimo inusitado e nisso, Lars Von Trier tem de sobra em sua mente, para por para fora e joga-las nas telas do cinema. .
Abaixo, segue minhas critica de dois grandes filmes dele e em breve postarei mais sobre os seus filmes. Cliquem nos títulos e boa leitura.

Me Sigam no Facebook e Twitter:

Nenhum comentário: