Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Cine Clássicos: Fitzcarraldo

Filme é um verdadeiro retrato de até que ponto vai a obsessão de um homem  

Sinopse:
 No final do século XIX, no apogeu do ciclo da borracha, o aventureiro Brian Sweeney Fitzgerald sonha em construir um teatro de ópera na Amazônia peruana. Para realizar seu sonho, não mede quaisquer esforços, enquanto se embranha na mata com um barco à vapor de 160 toneladas (que irá tentar arrastar ao topo de um morro no meio da selva). Com este projeto, Herzog ganhou o prêmio de Melhor Direção no Festival de Cannes.


Filme extremamente original, pretencioso mas acima de tudo sencivel e impressionante do começo ao fim. A cena do navio sendo puxada em meio a selva amazonica é uma das mais impressioantes da historia do cinema e o mais impressionante é que foi usado um navio de tamanho natural. Com serteza o melhor trabalho de direção do diretor  Werner Herzog  (Homem Urso) e a melhor perfomasse de Klaus Kinski (Por uns Dolares a mais).

Curiosidades

Foram cogitados para o papel os atores Jason Robards e Jack Nicholson. Jason Robards filmou várias cenas mas ficou doente e retornou aos EUA, sendo depois impedido de voltar. Para atuar como assistente de Fitzcarraldo foi chamado o cantor Mick Jagger, o qual participou de uma grande parte do filme ao lado de Robards, até ser impossibilitado pela agenda de espetáculos da sua banda, os Rolling Stones.
A opção pela língua inglesa foi porque poucos atores conseguiam falar alemão.Jack Nicholson chegou a ser escalado para o papel principal, mas foi cortado.

Um comentário:

Anônimo disse...

pq será q o nicholson foi cortado?

outro filme em vista?

o klaus e o herzog brigavam pra caraleo nas filmagens. ps: o herzog tem um neto que é lindo!