Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Cine Dica: PROGRAMAÇÃO DE 15 A 21 DE JUNHO DE 2017 das salas de cinema da Casa de Cultura Mario Quintana.

PATERSON
 
SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES
SALA 1 / PAULO AMORIM
15h30 – AS FALSAS CONFIDÊNCIAS
 (Les Fausses Confidences - França, 2016, 95min). Direção de Luc Bondy, com Isabelle Huppert, Louis Garrel e Yves Jacques. Supo Mungam Filmes, 12 anos. Comedia dramática.
Sinopse: Baseada na comédia farsesca de Pierre de Marivaux (1688-1763), a trama acompanha as tentativas do jovem sedutor Doravante em conquistar a ricaça Araminte, plano que conta com a ajuda de Dubois, empregado da madame. O filme foi rodado na mesma época em que o elenco encenava a peça no Théâtre de l´Odéon, em Paris.
 17h15 – ALÉM DAS PALAVRAS
 (A Quiet Passion – Inglaterra-Bélgica, 2016, 125min). Direção de Terence Davies, com Cyntia Nixon, Jennifer Ehle, Keith Carradine. CineArte, 12 anos. Drama.
Sinopse: A norte-americana Emily Dickinson (1830-1886) é considerada uma das maiores poetisas de todos os tempos – mas seu talento praticamente não foi reconhecido em vida. O filme acompanha a trajetória da artista desde a juventude, quando abandonou o internato religioso, até a maturidade em família. Emily nunca se casou e nem aceitou as convenções da época, transformando suas repressões e paixões secretas em inspiração para sua obra.
  19h30 – UNA
(Estados Unidos/Canadá, 95min, 2016). Direção de Benedict Andrews, com Rooney Mara, Ben Mendelsohn, Riz Ahmed. Mares Filmes, 14 anos. Drama.
Sinopse: Quinze anos depois de ser abusada sexualmente por um vizinho, Una resolve confrontar seu trauma. Ela vai ao escritório de Ray buscando respostas para o que aconteceu, o que traz à tona um passado de segredos e sentimentos não revelados. O filme é baseado na peça “Blackbird”, de David Harrower.

PROGRAMAÇÃO DE 15 A 21 DE JUNHO DE 2017
SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES
SALA 2/ EDUARDO HIRTZ

15h – STEFAN ZWEIG: ADEUS, EUROPA
(Stefan Zweig: Farewell to Europe - Áustria/Alemanha/França, 105min, 2016). Direção de Maria Schrader, com Josef Hader, Tomas Lemarquis, Barbara Sukowa. Esfera Filmes, 12 anos. Drama.
Sinopse: Em 1936, o escritor austríaco Stefan Zweig fugiu do nazismo na Europa e veio para a América. Ele viveu nos Estados unidos e na Argentina, mas se apaixonou mesmo pelo Brasil, fixando residência em Petrópolis, no Rio de Janeiro. Mas Zweig nunca se conformou com a intolerância e os extremismos que tomaram conta da Europa nos tempos de Hitler e cometeu suicídio, junto com a mulher, em 23 de fevereiro de 1942.

17h – PATERSON
(Estados Unidos, 115min, 2017). Direção de Jim Jarmusch, com Adam Driver, Golshifteh Farahani, Rizwan Manji. Fênix Filmes, 12 anos. Comédia dramática.
Sinopse: Paterson é um pacato motorista de ônibus que vive em uma cidade que também se chama Paterson. Sua rotina é a mesma todos os dias: ele vai do trabalho para casa e vice-versa, passeia com o cachorro e tem uma relação carinhosa com a mulher. O diferencial de Paterson é que ele é um grande observador do cotidiano e gosta de fazer poesias. 

19h – ARGENTINA
(Argentina/França/Espanha, 2015, 90min). Documentário com direção de Carlos Saura. Imovision, Livre.

Sinopse: Depois de filmes como “Tango”, “Iberia” e “Fados”,  o diretor espanhol investiga o folclore argentino. O documentário revisita a cultura musical do país vizinho desde o passado até os dias atuais, com participações de Mercedes Sosa, Juan Falú, Pedro Aznar, Soledad Pastorutti e Luis Salinas.

PROGRAMAÇÃO DE 15 A 21 DE JUNHO DE 2017
SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES
SALA 3 / NORBERTO LUBISCO
 
15h30 – A JOVEM RAINHA
(The Girl King – Finlândia/Alemanha/Canadá/Suécia/França, 2017, 105min). Direção de Mika Kaurismäki, com Malin Buska, Sarah Gadon, Michael Nyqvist. Mares Filmes, 14 anos. Drama histórico.
Sinopse: Cristina I (1626 – 1689) se tornou rainha da Suécia com apenas seis anos, após a morte do pai. Ela assumiu o trono 12 anos depois e entrou para a história como uma mulher à frente do seu tempo por conta dos ideais progressistas, pela opção em ficar solteira e pela imensa cultura - um de seus amigos era o filósofo René Descartes. Mas ela teve vários enfrentamentos com a corte política e acabou abdicando do trono em favor de um primo.   

17h30 – CENTRAL
(Brasil, 90min, 2017). Documentário de Tatiana Sager. 14 anos.
Sinopse: Baseado no livro "Falange Gaúcha", do jornalista Renato Dornelles, o filme mostra a realidade do Presídio Central de Porto Alegre, que já foi considerado o pior cárcere do Brasil. A partir de depoimentos de policiais, representantes do judiciário, de presos e seus familiares, o filme mostra uma realidade que passa por galerias superlotadas, o controle das facções (inclusive financeiro) e as decisões governamentais para evitar tragédias.

19h15 – A FILHA AMERICANA
(Rússia, 1995, 94min). Direção de Karen Shakhnazarov, com roteiro de Aleksandr Borodyansky. MosFilm, 14 anos. Drama.

Sinopse: Dez anos depois de ser abandonado pela mulher, que foi morar nos Estados Unidos, um músico russo viaja à terra do Tio Sam disposto a restabelecer os laços com a filha pré-adolescente.  O longa integra a série Cinema Soviético, com títulos do famoso estúdio MosFilm.

Nossas  redes sociais:

Nenhum comentário: