Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Cine Especial: Os Blockbuster Postos em Cheque 2ª Parte

Repercutiu ontem o que eu escrevi sobre as superproduções não estarem mais rendendo em termos de bilheteria como o esperado, mas daí alguém me perguntou, "isso é para se preocupar realmente"? Mas lógico, principalmente pelo fato que essas superproduções enchem os cofres dos estúdios para então eles criarem mais filmes e na maioria das vezes, são pequenos, mas com otimas historias onde os realizadores tem mais liberdade criativa.
Mas a situação é mesmo para se preocupar. Vejamos: Ano passado tivemos O Grande Mestre do Ar, Príncipe Pérsia, Hobin Hood e Esquadrão Classe A Todos fracassos de bilheteria e isso sem contar os “apenas” relativos sucessos como Tron: Legado e Fúria De Titãs que somente rendeu mais de cento e cinqüenta milhões de dólares graças ao 3D e olhe lá.
Fora A Origem, Homem de Ferro 2 e Alice, o que salvou os estúdios ano passado foram também as boas animações como o estupendo Toy Story 3, Meu Malvado Favorito, Como Treinar o seu Dragão, Enrolados e dentre outros. Vendo que as animações (feitas com qualidade) geram bom lucro, os estúdios novamente apostam as fichas nesses filmes principalmente pelo fato que são filmes de classificação livre em que toda a família vai e com isso, quanto mais pessoas, mais lucro.

Confiram a segunda parte do que esta por vir.

RIO
Sinopse: O Filme Rio conta a história da arara Blu (Eisenberg), que foi domesticada e acredita ser o único macho sobrevivente de sua espécie. Quando descobre que a última fêmea da espécie mora no Rio de Janeiro, Blu viaja para conhecê-la na Cidade Maravilhosa.


 Quando A Era do Gelo 2 foi comandado 100% pelo diretor brasileiro Carlos Saldanha, ninguém imaginava como ele iria longe. Como co-diretor de A Era de Gelo e Robôs, Saldanha ganhou luz verde para dirigir sozinho Era do Gelo 2 e 3, este ultimo alias rendeu quase um bilhão de dólares em todo mundo e com isso, Saldanha ganhou passe livre para realizar seu maior sonho, criar uma historia original onde o cenário é sua terra natal, o Rio De Janeiro.
Com o personagem Blu e inúmeros personagem que até agora, (o que foi mostrado ao publico) serem carismáticos RIO tem tudo para se tornar um grande sucesso, não somente aqui, mas em todo o mundo.


KUNG FU PANDA 2
Sinopse: Po (Jack Black) vive o sonho de ser um dragão guerreiro, protegendo o Vale da Paz ao lado dos mestres Shifu (Dustin Hoffman), Tigresa (Angelina Jolie), Macaco (Jackie Chan), Víbora (Lucy Liu), Louva-deus (Seth Rogen) e Garça (David Cross). Sua vida pacata chega ao fim quando surge um novo inimigo, que possui uma arma secreta capaz de permitir a conquista da China e provocar o fim do kung fu. Para impedi-lo, Po e os Cinco Furiosos precisam cruzar o país e derrotá-lo..
Gosto muito do primeiro filme, principalmente pelo fato de ser um belo casamento de filme de humor e ação na medida certa. Resta saber se o ritmo será o mesmo, ou melhor, que o anterior, já que Kung Fu Panda tinha uma historia de começo, meio e fim, portanto fica difícil imaginar uma historia superior e que continua a jornada de como o lendário Dragão Guerreiro.

Carros 2
Sinopse: O superastro das corridas Relâmpago McQueen (dublado por Owen Wilson) e o inigualável carro-guincho Mate (dublado por Larry the Cable Guy) levam sua amizade a novos e emocionantes destinos internacionais em Carros 2, quando viajam ao exterior para disputar o primeiro Grand Prix Mundial que determinará quem é o carro mais veloz do planeta. Mas a estrada para o título é cheia de buracos, desvios e surpresas hilárias e Mate acaba se envolvendo em uma outra aventura emocionante: espionagem internacional. Dividido entre ajudar Relâmpago McQueen em sua importante corrida e uma missão secreta de espionagem, a viagem de Mate será de muita ação e perseguições explosivas pelas ruas do Japão e da Europa, seguido por seus amigos e observado por todo o mundo. Um elenco de carros novos e coloridos acrescenta ainda mais diversão, incluindo agentes secretos, vilões ameaçadores e competidores internacionais.
Alguns dizem que Carros é o filme mais fraco da Pixar (isso existe?). No meu caso discordo, porque Carros é uma deliciosa comedia Rodie Movie com carrinhos carismaticos e com uma bela reflexão sem ser piegas.
A criação de Carros 2 ao meu ver foi um tanto que desnecessária, mas como a muitas continuações que fazem sucesso, Pixar decidiu seguir também esse caminho e até agora se deram bem com Toy Story 2 e 3 mas será que irão conseguir um bom desempenho com uma continuação de um filme que não foi exatamente 100% positiva? Será que veremos o primeiro filme ruim da Pixar? Milagres existem, mas espero que esse, jamais aconteça.

Nenhum comentário: