Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 5 de março de 2010

Cine Curiosidades: Especial Oscar 2010: OS MAIORES INJUSTIÇADOS DA HISTORIA PARTE 3

Enquanto os outros blogs e sites estão escrevendo e se perguntando quem irá ganhar o Oscar no próximo domingo, eu vou contra a maré e decidi revisitar um pouco do passado do Oscar.
Com a boa resposta sobre os injustiçados do Oscar continuo aqui com as matérias dos esnobados pela academia injustamente. Agora vamos as atrizes, confiram.


Greta Garbo
Sim, você não leu errado, uma das maiores atrizes de todos os tempos nunca levou o Oscar de melhor atriz. Indicada 4 vezes por Anna Christie e Romance (1930), A Dama das Camélias (1937) e Ninotchka.(1939).
Em 1954, Hollywood fez uma reavaliação tardia do talento de Garbo e, num ato de contrição pela negligência no passado, a Academia lhe conferiu um Oscar especial pelo conjunto da obra. Como era de se esperar, a reclusa Garbo não compareceu à cerimônia para receber a estatueta, cabendo a Nancy Kelly receber o Oscar por ela.


Claudia Cardinale
Diferente de sua conterrânea Sofia Loren, Claudia Cardinale não teve a mesma sorte com relação a Oscar, contudo, jamais desapontou seus fãs e sempre comprovou seu enorme talento aliado com a enorme beleza que possui, talentos que ambos são comprovados em filmes como Era Uma Vez no Oeste


Rita Hayworth
Apesar do enorme talento, Rita Hayworth sempre ficou marcada pelo filme GILDA, mesmo tendo atuado em inúmeros filmes jamais desvencilhou da imagem da sedutora personagem e com isso talvez tenha colaborado por nunca conseguir um reconhecimento pela academia


Marilyn Monroe
Dona de momentos clássicos do cinema como a famosa cena do vestido esvoaçante em “O Pecado Mora ao Lado”, Marilyn Monroe tinha um certo talento escondido mas que infelizmente sua beleza jamais deixou que saísse completamente e com isso os membros da academia acabaram sempre a esnobando.


Kim Novak
Dona de um olhar penetrante Kim tem múltiplas caras e de sobra para interpretar inúmeros personagens e isso podia se ver muito bem em filmes como Um Corpo que Cai mas academia nunca viu isso ou não reconhecia,
Mia Farrow
Mesmo conhecida pelos problemas pessoais que teve com seu ex marido Woody Allen. Mia tem talento de sobra para ter ganhado um Oscar em filmes como o Bebê de Rosemary e principalmente em Rosa Púrpura do Cairo, devido sua fantástica cena final.


Glenn Close
Com Atração Fatal muitos maridos ficaram com o pé atrás antes de pular a cerca, mas foi essa a reação que Glenn Close passou neste filme, como uma amante completamente enloquecida que temíamos até no fundo de nossas almas, mas perder para CHER?????
Os membros da academia realmente não batem bem as vezes.


Uma Thurman
Ta certo que ela pagou um mico feio em ter atuado em Batman e Robim mas antes disso em 1994 ela conquistou o mundo com a Sra  Mia Wallace em Pub Fiction onde do inicio ao fim nos encatavamos com a sua comunicativa e (viciada em drogas) personagem. Anos depois em Kill Bill Uma provou que talento tem e de sobra e que ter perdido o Oscar de atriz coadjuvante  por Dianne Wiest de  Tiros na Broadway em 1995 foi mais um equivoco da academia. Pode ter cometido alguns erros na carreira mas pelo pouco que já fez compensa.   



Julianne Moore
Dona de interpretações fortes, Julianne é uma das poucas atrizes que mesmo sendo coadjuvante, acaba sempre sobressaindo com relação ao resto do elenco, suas atuações (e indicações) em Fim de caso, Longe do Paraíso, As Horas e Boogie Nights são uma bela prova disso mas nunca foi o suficiente para os membros da academia.

Naomi Watts
Dona de uma interpretação inacreditável em Cidade dos Sonhos (2001), até hoje muitos críticos se perguntam porque ela não havia sido indicada por aquele filme. Em 2004 foi indicada merecidamente por 21 Gramas mas bateu de frente com Charlizie Theron em Monster.


Fernanda Montenegro
E por ultimo mas não menos importante, nossa conterrânea dispensa apresentações pois todos nos conhecemos o seu grande talento, tanto que ela foi reconhecida lá fora por seu ótimo desempenho em Central do Brasil no qual acabou adquirindo inúmeros prêmios e indicada ao Oscar. Entretanto Shakespeare Apaixonado estragou a festa de muita gente em 1999 e junto com ele a inexpressiva Gwyneth Paltrow acabou arrancando o que talvez tenha sido a ultima chance de Fernanda no Oscar. Sem sombra de duvida uma das maiores manchas que os membros da academia carregam até hoje.

Um comentário:

Thiago Paulo disse...

Opa´, vi que a postagem era sobre oscar antigos e não pude deixar de conferir. Tenho um blog com alguns amigos, onde avaliamos as premições mais antigas. Nesse mês estamos escrevendo sobre o Oscar de 1977 - Ano em Rocky levou a estatueta de melhor filme.

No mês passado comentamos sobre o socar de 1999, e umas das perguntas era Porque a Fernanda perdeu para a Gwyneth Paltrow? Pra mim é uma das maiores injustiças do oscar.

se quiser conferir o nosso blog - www.umoscarpormes.blogspot.com

Abraço.