Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Cine Especial: Um Bom Filme Ruim: KING KONG (1976)

Sinopse: Um gigantesco gorila é encontrado numa ilha do Pacífico pela tripulação do navio de uma companhia petrolífera. Na ilha vivia uma tribo de nativos que oferecia mulheres em sacrifíco ao gorila. Os tripulantes salvam Dwan, uma sobrevivente de um naufrágio, prendem o gorila, e o levam para ser exposto em um espetáculo em Nova Iorque. Porém, ao chegar em território americano, o gorila se mostra cada vez mais agressivo e escapa, provocando terror e pânico na cidade, acabando por subir nas Torres Gêmeas com Dwan, por quem havia se afeiçoado.
.
Muitos já viram e reviram esse filme dos anos 70, tanto nas Sessões da Tarde, como também no Cinema em Casa Uma curiosa refilmagem do clássico de 1933, que tentaram economizar em termos de efeitos visuais, já que os dinossauros que apareciam no clássico não tem aqui, a não ser uma cobra gigante. Ou seja: mesmo sendo uma super produção, tentaram economizar, mas  porque? Não faço ideia. Claro que na época a critica defendeu o clássico,  mas o publico se acostumou a gostar dessa versão, pois o filme possui humor e um pouco de poesia e inocência,  principalmente nas cenas com Jessica Lang com o macaco gigante. Na época foi a estreia da atriz nas telas, antes trabalhava como modelo e mesmo dando seus primeiros passos, provou que poderia ir longe e foi o que ela fez com três Globos de Ouro e dois Oscars prateleira. Quanto ao filme, chegou até mesmo a render uma sequencia mas essa é para ser esquecida mesmo.
 
Curiosidades:  Inicialmente, o personagem "King Kong" seria um gorila mecânico construído por Carlo Rambaldi; porém, como esta construção sairia cara, o maquiador Rick Baker fez uma roupa de gorila para o personagem, que saiu muito mais barata, e foi o próprio Baker quem a vestiu durante as filmagens.
A Ultima exibição do filme na Rede Globo foi em Dezembro de 2005, o motivo da tal exibição foi a versão de 2005 esta sendo lançado no Cinema.

Nenhum comentário: