Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Cine Dicas: Em Cartaz: METRÓPOLIS

CLÁSSICO DO EXPRESSIONISMO ALEMÃO EM EXIBIÇÃO NO CINE-BANCÁRIOS
Sinopse: Metrópolis, ano 2026. Os poderosos ficam na superfície e lá há o Jardim dos Prazeres, para os filhos dos mestres, enquanto os operários, em regime de escravidão, trabalham bem abaixo da superfície, na Cidade dos Operários. Esta poderosa cidade é governada por Joh Fredersen (Alfred Abel), um insensível capitalista cujo único filho, Freder (Gustav Fröhlich), leva uma vida idílica, desfrutando dos maravilhosos jardins. Mas um dia Freder conhece Maria (Brigitte Helm), a líder espiritual dos operários, que cuida dos filhos dos escravos. O clássico de Fritz Lang, é um dos filmes mais influentes da história do cinema.
Esse clássico fará parte da mostra  Capitalismo Selvagem – O Cinema Contra as Injustiças de um Sistema Econômico.que se prolongara até o dia 07 de novembro. Além de outros clássicos que serão exibidos como Como Era Verde Meu Vale e As Vinhas da Ira, é sempre bom aproveitar a oportunidade de ver um clássico como esse na tela grande, pois Metropolis foi uma fonte de influencia que serviu de reverencia a outros filmes que se tornaram clássicos também como no caso de Blade Runner 1982. 

Confiram a programação no Cine Bancários: Rua General Câmara, 424 Porto Alegre.

Mostra Capitalismo Selvagem - Primeira Semana


26 de outubro (terça-feira)


15h – Tempos Modernos
17h – Como Era Verde o Meu Vale
19h15 – Capitalismo – Uma História de Amor


27 de outubro (quarta-feira)


15h – Coronel Delmiro Gouveia
17h – Metrópolis
19h15 – Cronicamente Inviável


28 de outubro (quinta-feira)


15h – Como Era Verde o Meu Vale
17h – As Vinhas da Ira
19h15 – Wall Street – Poder e Cobiça


29 de outubro (sexta-feira)


15h – Cronicamente Inviável
17h – Capitalismo – Uma História de Amor
19h15 – Tempos Modernos


30 de outubro (sábado)


15h – As Vinhas da Ira
17h – Wall Street – Poder e Cobiça
19h15 – Metrópolis


31 de outubro (domingo)


15h – Como Era Verde o Meu Vale
17h – Coronel Delmiro Gouveia
19h15 – Capitalismo – Uma História de Amor


Mostra Capitalismo Selvagem - Segunda Semana


2 de novembro (terça-feira)


15h – Tempos Modernos
17h – Como Era Verde o Meu Vale
19h15 – Capitalismo – Uma História de Amor


3 de novembro (quarta-feira)


15h – Coronel Delmiro Gouveia
17h – Metrópolis
19h15 – Cronicamente Inviável


4 de novembro (quinta-feira)


15h – Como Era Verde o Meu Vale
17h – As Vinhas da Ira
19h15 – Wall Street – Poder e Cobiça


5 de novembro (sexta-feira)


15h – Cronicamente Inviável
17h – Capitalismo – Uma História de Amor
19h15 – Tempos Modernos


6 de novembro (sábado)


15h – As Vinhas da Ira
17h – Wall Street – Poder e Cobiça
19h15 – Metrópolis


7 de novembro (domingo)


15h – Como Era Verde o Meu Vale
17h – Coronel Delmiro Gouveia
19h15 – Capitalismo – Uma História de Amor

Nenhum comentário: