Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 70 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quarta-feira, 5 de novembro de 2014

Cine Especial: II Festival de Curtas A Hora do Cinema: Parte 6

Nos dias 19, 20 e 21 de novembro desse ano, ocorrerá o segundo festival de curtas metragens de A Hora do Cinema (Santander Cultural – Porto Alegre RS). Enquanto o festival não chega, por aqui estarei postando o que eu achei dos curtas metragens exibidos no ano passado. Confiram: 
 Nove e Meia
 Sinopse: Baseado no conto Nove Horas e Trinta Minutos do escritor Rubem Fonseca, Nove e Meia narra o sofrimento de um homem cuja família foi destruída por um acidente de trânsito. Em seu luto, o homem percebe que, no souvenir guardado do acidente, um pequeno relógio de pulso, está a chave para buscar o responsável pelo crime.


O filme, autorizado pelo autor e adaptado para as telas por Édnei Pedroso (roteirista e produtor de Os Batedores e roteirista de Armada), tem a direção de Filipe Ferreira (diretor de Os Batedores e Armada) e é uma produção da Arquivo Morto Produtora de Cinema Independente em parceria com a Lumiere Vídeo Comunicação (João Ninguém, Alice, 5-15, BBZ). O charme no curta está no fato de não haver diálogos, sendo que as imagens falam por si.
Outro ponto forte está também na forma que é apresentado a trama: a câmera se aproxima e no primeiro momento interpretamos a historia de uma forma, para logo depois ela se tornar algo completamente do que a gente imaginava. O final em si é desconcertante, mas que não foge muito de sua proposta.        

 

A Vida da Morte


Sinopse: Este curta conta de forma cômica o conturbado dia-a-dia da Morte, clássico personagem do imaginário popular, bem como de seus medos e traumas.

Os efeitos especiais utilizados no curta não são dos melhores, mas eles acabam combinando com o clima mais descontraído do curta e não estraga a sua qualidade. Este curta foi criado por alunos no 5º semestre de cinema da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e já venceram o festival Intercom 2012 Região Sul e participaram de outros. O final é sarcástico é só não é mais ousado por talvez os criadores temerem um processo de Roberto Carlos.
Quem já viu sabe o que eu estou dizendo.

Confira a programação do próximo festival de curtas A Hora do Cinema clicando aqui.
 
Me sigam no Facebook, twitter e Google+

Nenhum comentário: