Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio e Diretor de Comunicação e Informática do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 99 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 15 de março de 2011

Cine Especial: Steven Soderbergh

No inicio surgiu como um simples boato, mas agora é oficial, o próprio diretor Steven Soderbergh esta anunciando seus planos de aposentadoria e seus motivos para chegar a esse ponto são pelo fato de esta cansado de dirigir tantos projetos e que acabou deixando-o num esgotamento total.
Convenhamos, ele de uns tempos para cá, engatou inúmeras produções uma atrás da outra e isso fora os roteiros que ele negou para filmar, mas não seria precipitado o que ele esta fazendo? Não seria o certo então tirar um ano ou dois de descanso em vez de parar definitivamente?
Seja como for, ele foi um dos bons diretores que surgiram na virada dos anos 80 para os 90 e que acabou criando um currículo de respeito, alternando projetos autorais com super produções com grandes astros. Abaixo deixo os melhores momentos desse diretor que se for sair de cena, pelo menos será bem lembrado.

Traffic
Sinopse: O funcionamento do alto escalão do tráfico de drogas é apresentado em uma série de histórias interligadas entre si, onde podemos encontrar casos como: policial envolvido em corrupção, agentes do DEA que trabalham infiltrados no perigoso mundo dos negociantes de San Diego, um chefe de drogas que foi traído pela própria mulher e ainda um juiz da suprema Corte de Justiça de Ohio, conhecido pela sua posição anti-drogas, que precisa lidar com sua filha viciada em drogas.
Um drama policial que foge do lugar comum, para apresentar inúmeras tramas e com personagens que se cruzam em determinados momentos. Neste mosaico, o filme procura evitar o texto discursivo, mesmo no retrato da corrupção, quando esta é sedutora para alguns. Finalista em cinco categorias do Oscar (incluindo melhor filme), ganhou quatro, melhor diretor,roteiro adaptado, edição e ator coadjuvante para Benicio Del Toro (excelente como policial mexicano) que com a mesma atuação, ganhou o Globo de Ouro e premio de melhor ator no festival de Berlim.

Sexo, Mentiras e Videotape
Sinopse: O advogado John está tendo problemas com sua mulher nos relacionamentos sexuais. Porém, ao mesmto tempo mantém um caso com a irmã de sua esposa. Certo dia sua vida começa a mudar quando um amigo de infância resolve começar a gravar em vídeo com o depoimento de mulheres que falam de suas vidas sexuais.
Vencedor da Palma de Ouro e do premio de melhor ator para James Spader no festival de Cannes, o longa metragem de estréia de Soderbergh (na época com 26 anos)é um surpreendente exercício de estilo que procura extrair de situações banais revelações da essência dos personagens.


Onze Homens e um Segredo
Sinopse: Danny Ocean (George Clooney) passou três anos na prisão depois de ser condenado por fraude. Quando é libertado, ele descobre que sua esposa, Tess Ocean (Julia Roberts), conseguiu o divórcio e se casou o poderoso Terry Benedict (Andy Garcia), um sujeito corrupto que é dono dos três maiores cassinos de Las Vegas.
Duas vezes ao ano, todo o dinheiro acumulado nos três cassinos é guardado em um cofre gigantesco situado em uma câmara subterrânea. É quando Danny resolve roubar todo o dinheiro para levar Terry à falência e recuperar sua esposa. A idéia é esvaziar o cofre durante uma luta entre o campeão Lennox Lewis e um boxeador russo.
No entanto, a tarefa exigirá muita coordenação e planejamento entre os 11 integrantes da quadrilha de Danny. Obviamente, nossos heróis (heróis?) deverão lidar com uma tecnologia avançadíssima, incluindo scanners de retina, raios laser e assim por diante.
Refilmagem de um filme morno dos anos 60, Steven Soderbergh remodela a trama para os tempos atuais e cria um filme divertido e ousado por possuir inúmeros astros em um só filme, coisa que dificilmente se vê em outras produções. Com boas doses de humor e momentos de ação na medida certa nas cenas do roubo, o filme ainda nos brinda com a boa química do elenco, principalmente entre George Clonney e Bratt Pitt.

O Inventor de Ilusões
Sinopse: O Inventor de Ilusões é baseado no livro de memórias "The King of The Hill" do escritor A. E. Hotchner. O filme retrata o universo de um adorável garoto de 12 anos obrigado a enfrentar o mundo adulto sozinho. Em sua imaginação, Aaron Kurlander, um garoto de 12 anos, é amigo do aviador Charles Lindbergh e leva uma vida glamurosa, cheia de perigos e aventuras. Mas, na realidade, ele mora com a família num velho hotel de St. Louis com muitas dificuldades. O pai vende velas de porta em porta; a mãe, doente, sofre resignada, e até o irmão mais novo rouba comida dos colegas de colégio. Mas nada pode abalar o fantástico mundo particular de Aaron. Até que seu irmão vai morar com parentes distantes, sua mãe é internada num sanatório e seu pai vira caixeiro-viajante. Sozinho no hotel com alguns vizinhos, na iminência de um despejo, Aaron embarca na maior de suas aventuras: o amadurecimento.
Mais um filme sobre o mundo visto pelos olhos de uma criança, que no decorrer da trama amadurece. Narrado de forma clássica e com muito bom gosto, Soderbergh ultrapassa a familiaridade das situações com uma sensibilidade cativante, uma grande direção de atores e uma precisa reconstituição de época.


Erin Brockovich - Uma Mulher de Talento
Sinopse: Erin Brockovich é mãe de três filhos e começa a trabalhar em um escritório de advocacia, após sofrer um acidente. Depois de descobrir várias fichas médicas arquivadas envolvidas em casos de contaminação de água, Erin começa uma luta difícil que mobiliza centenas de pessoas a conseguir ganhar um processo de 333 milhões de dólares de indenização.
A tradicional formula de Hollywood, sempre apoiada em lutas individualistas contra poderosos em meio aos tribunais, foi bem armada para o prestigio de Julia Roberts (Erin) que, utilizando palavras chulas e atitudes debochadas, acrescenta eficiente humor a narrativa. Com o seu desempenho ela ganhou o Oscar de melhor atriz. Notável também a atuação de Albert Finney (o advogado Masry). Apesar da previsibilidade e da direção acomodada de Soderbergh, o filme cativa e diverte. A verdadeira Erim aparece no inicio do filme como uma garçonete.



Nenhum comentário: