Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sócio do Clube de Cinema de Porto Alegre, frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 98 certificados) e ministrante do curso Christopher Nolan - A Representação da Realidade. Já fui colaborador de sites como A Hora do Cinema, Cinema Sem Frescura, Cinema e Movimento e Cinesofia. Sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para marcelojs1@outlook.com ou beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Cine Dicas para o feriadão: Estreias no cinema no final de semana

Eu sou uma das muitas pessoas que não gosta do Carnaval, e agora gosto menos ainda, depois que a famigerada Globo anunciou que não ia transmitir ao Vivo a cerimonia para sim exibir os disfiles, sacanagem.
Mas tem outras opções para assistir o Oscar como a TNT e a internet e falando de opsões dou aqui umas boas dicas de cinema para se distrair neste feriadão, confiram:

Milk- A voz da Igualdade

Forte candidato ao Oscar de melhor filme, Milk de Gus van Sant (Elefante) teve oito indicações ao OSCAR. Com um orçamento de pouco mais de 15 milhÕes de dolares o diretor norte americano acalentava a idéia de realizar a cinebiografia do Harvey Milk há 15 anos. Ao longo desse periodo, vários atores estiveram cotados para interpretar o personagem, mas foi Penn que levou o papel.



O filme conta a historia de Milk (1930-1978), politico que assumiu ser gay e foi assassinado logo depois. Milk, no começo dos anos de 1970, era funcionário de uma companhia de investimentos de Nova York que, para mudar de vida, decidiu morar com o seu namorado, Scott Smith (James Franco), em San Francisco, onde abriram uma loja de revelação fotografica. Disposto a enfrentar a violência e preconceito da época, Milk buscou direitos iguais e oportunidades para todos, sem discriminação sexual. Com colobaração de amigos e voluntários (não necessariamente homossexuais), entrou em uma intensa batalha politica e conseguiu ser eleito para o Quadro de Supervisor da cidade de San Francisco.
Quando isso aconteceu, em 1977, ele se tornou o primeiro gay assumido a alcançar um cargo público de importancia dos Estados Unidos. Como a sociedade não estava preparada para o avanço que isso representava, Milk foi morto no ano seguinte, por Dan White, um adversário de carreira desconsolado com a perda das urnas. Para Van Sant, se seu país de origem e especialmente San Francisco se revelou tolerante mais tarde, muito desse status de liberdade sexual se deveu a atuação de pessoas como Milk. Hoje ele é referencia para as comunidades de GLBT (gays, lésbicas, bissexuais e travestis).

Rebobine, por favor

O comediante Jack Black, de A Escola Do Rock, conta com participação das estrelas Sigourney Weaver e Mia Farrow em Rebobine, por favor, filme nostalgico que revisita o clima de uma locadora de fitas VHS. Jerry (Blak) é o mecânico da visinhança e vive em um trailer, perto das máquinas de força da cidade. Como acha que estão matando-o lentamente, decide sabotar a casa de força. Fica magnetizado e acidentalmente apaga todas as fitas de video ao visitar a videlocadora em que o seu melhor amigo Mike (Mos Def) trabalha. Para não magoar a cliente mais fiel (Farrow), que sofre de esclerose e acha que nunca viu os Caças Fantasmas , a dupla decide refazer o filme apagado no quintal da casa de Jerry.
Como a edição é um grande sucesso, os amigos e a visinhança passam o tempo produzindo filmes, como De volta para o futuro, Robocop e o Rei Leão. Durante algum tempo evitam a falencia do dono da locadora, o Sr Fletcher (Danny Glover), homem teimoso que se recusa a modernizar a sua loja e enfrentar a concorrencia dos estabelecimentos em DVD.

Nenhum comentário: