Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Cine Dica: Produções argentinas gauchescas na Sala P. F. Gastal



CICLO DE CINEMA GAUCHESCO NA SALA P. F. GASTAL

A partir de 13 de setembro, a Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) recebe o Ciclo de Cinema Gauchesco, com obras argentinas e brasileiras que apresentam narrativas sobre a cultura gaucha, aproximando as tradições da Argentina e do Rio Grande do Sul. O valor do ingresso é R$ 4,00.

Entre os filmes exibidos, estão Contos Gauchescos, de Henrique de Freitas Lima e Pedro Zimmermann, uma celebração do universo do escritor Simões Lopes Neto, obras argentinas como O Deserto Negro, de Gaspar Scheuer,  Don Segundo Sombra, de Manuel Antín, Aballay, O Homem Sem Medo, de Fernando Spiner, e uma edição do Projeto Raros com o cultuado O Gaúcho de Jacques Tourneur.
O Ciclo de Cinema Gauchesco surge como uma iniciativa do Consulado Geral da República Argentina em Porto Alegre, da Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore, do Instituto Estadual de Cinema de Rio Grande do Sul e da Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia da Secretaria de Cultura de Porto Alegre de celebrar em parceria neste ano de 2016 a cultura gaucha/gaúcha que irmana a Argentina e o Rio Grande do Sul. Durante o presente ano, a Argentina celebra os 200 anos da Declaração de sua Independência e o Rio Grande do Sul lembra o centenário do falecimento do escritor tradicionalista Simões Lopes Neto. Projetar de maneira simultânea no Acampamento Farroupilha, na Cinemateca Paulo Amorim, na Sala P. F. Gastal e na Cinemateca Capitólio um ciclo de cinema sobre a temática gauchesca formado por filmes de ambas as margens do Rio Uruguai é uma forma de homenagear estas datas simbólicas durante a semana gaúcha por excelência: a Semana Farroupilha.

GRADE DE PROGRAMAÇÃO

Don Segundo Sombra
Direção: Manuel Antín,
(Don Segundo Sombra, 1969, 105 min.) 

Um relato ocorrido nos pampas argentinos onde Fábio Cáceres recorda dos tempos de criança e juventude no campo ao lado se “seu padrinho” Don Segundo Sombra, um gaúcho solitário pelo qual Fábio seguirá seus passos pela forte admiração e de onde aprenderá sobre o orgulho de ser gaúcho. Exibição em DVD sem legendas.

Contos Gauchescos
Direção: Henrique de Freitas Lima e Pedro Zimmermann
(2012, 100 minutos)

O tropeiro leal e valoroso Blau Nunes (Pedro Machado) conduz os espectadores por cinco episódios, que misturam ficção e documentário: o documentário sobre a vida e o legado do escritor, que abre o filme, e as adaptações dos contos Os Cabelos da China, Jogo do Osso, Contrabandista e No Manantial. Exibição em DVD.

O Gaúcho
Direção: Jacques Tourneur
(Way of Gaucho, 1952, 90 minutos)

Argentina, década de 1870. Um rico latifundiário, Don Miguel Aleondo (Hugh Marlowe), voltou de Buenos Aires para as pastagens infinitas conhecidas como pampas, para trazer ainda mais civilização de influência europeia ao seu país recém-unificado. Para os gaúchos, contudo, os selvagens, cowboys orgulhosos e violentos que vivem uma existência nômade a cuidar do gado, este desenvolvimento acabará por significar a sua destruição. Exibição digital com legendas em português no Projeto Raros.

Martín Fierro
Direção: Liliana Romero e Roberto Fontanarrosa (animação).
(Martín Fierro, 2007, 87 min.)
O filme, com desenhos animados do celebre desenhista rosarino Roberto Fontanarrosa, revisita a primeira parte do livro nacional clássico da literatura gauchesca, o Martín Fierro, escrito por José Hernández em 1872. Exibição em DVD.

O Deserto Negro
Direção: Gaspar Scheuer
(El Desierto Negro, 2007, 91 min.)

O filme conta a historia de um fugitivo perseguido por um grupo de soldados. A perseguição fica registrada por marcas deixadas e decifradas por rastreadores. Com o passar dos dias o caso vai se esclarecendo: o “réu” teria cometido algo terrível no passado e a um jovem soldado lhe cabe a duvidosa glória de enfrentá-lo e matá-lo. Exibição em DVD.

El Grito en la Sangre
Direção: Fernando Musa
(El Grito en la Sangre, 2012, 97 minutos)

El grito en la sangre é uma adaptação do romance Sapucay, de Horacio Guarany, de 1952. Em algum lugar do interior da Argentina, a crença popular sustêm que quando um homem morre traído, ele deve ser vingado por seu primogênito, para que sua alma descanse em paz. Exibição em DVD sem legendas.

Aballay, O Homem Sem Medo
Direção: Fernando Spiner
(Aballay, El Hombre Sin Miedo, 2011, 100 min.)

Baseado no conto Aballay, de Antonio Di Benedetto, Fernando Spiner transpõe fielmente a história da busca de Aballay, um pobre menino, pelo assassino de seu pai. A história se passa dez anos após o crime, quando Aballay já tornou “homem feito”. No filme Spiner cria uma série de personagens fundamentais para a construção da narrativa, um “western-gauchescho”.  Exibição em DVD.

Samurai
Direcao: Gaspar Scheuer

(Samurai, 2012, 96 min. )
Nos finais do século XIX a casta Samurai é abolida do Japao. Saigo, líder da ultima casta de samurais inicia uma rebelião, mas seu exercito é massacrado.  Uma família japonesa busca exílio na Argentina e o avo da família delira obcecado que Saigo está por perto montando um novo exercito para combater o Império.  Takeo, seu neto, se apega aos delírios do avo e se rebela fugindo de sua casa no campo em busca de Saigo, com a convicção de encontra-lo nessas novas terras.  Exibição em DVD.


GRADE DE HORÁRIOS

13 a 18 de setembro

13 de setembro (terça)
17h – Don Segundo Sombra
19h – Aballay, O Homem Sem Medo

14 de setembro (quarta)
20h – Sessão de lançamento de Som Sem Sentido, de Gabriela Bervian

15 de setembro (quinta)
17h – Aballay, O Homem Sem Medo
19h – Don Segundo Sombra

16 de setembro (sexta)
17h – Aballay, O Homem Sem Medo
19h – O Deserto Negro

17 de setembro (sábado)
16h – Sessão Plataforma (Terra Natal – Iraque Ano Zero, de Abbas Fahdel)

18 de setembro (domingo)
17h – O Deserto Negro
19h – Contos Gauchescos

20 de setembro (terça)
17h – Samurai
19h – El Grito en la Sangre

21 de setembro (quarta)
17h – El Grito en la Sangre
19h – Martin Fierro, La Pelicula

22 de setembro (quinta)
17h – Contos Gauchescos
19h – O Deserto Negro

23 de setembro (sexta)
17h – Samurai
20h – Projeto Raros (O Gaúcho, de Jacques Tourneur)

24 de setembro (sábado)
16h – Sessão Plataforma (Terra Natal – Iraque Ano Zero, de Abbas Fahdel)

25 de setembro (domingo)
17h – Samurai
19h – Martin Fierro, La Pelicula
 
Sala P. F. Gastal
Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia
Av. Pres. João Goulart, 551 - 3º andar - Usina do Gasômetro
Fone 3289 8133

Nenhum comentário: