Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 26 de julho de 2016

Cine Dica: Filmes de Axelle Ropert em exibição

SALA P. F. GASTAL EXIBE A FAMÍLIA WOLBERG E MOSTRE A LÍNGUA, MOÇA
 
A partir de 26 de julho, a Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3º andar) exibe os dois longas de Axelle Ropert, uma das mais instigantes realizadoras francesas da atualidade, A Família Wolberg (2009) e Mostre a Língua, Moça (2013).  Realização da Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia de Porto Alegre em parceria com a Embaixada da França, a Cinemateca da Embaixada da França no Brasil e o Institut Français. O valor do ingresso é R$ 4,00.

Ralé, novo filme de Helena Ignez, segue em exibição na sessão das 15h. Teobaldo Morto, Romeu Exilado, de Rodrigo de Oliveira, entra em cartaz na sessão das 16h30. O valor do ingressos é R$ 8,00.


TEOBALDO MORTO, ROMEU EXILADO
(Brasil, 2014, 118 minutos)
De Rodrigo de Oliveira
Elenco: Alexandre Cioletti, Rômulo Braga, Erik Martincues

Após ser dispensado pela esposa grávida, o músico João (Alexandre Cioletti) decide se isolar no meio do mato. Após três meses afastado, ele conclui que está pronto para voltar e acompanhar o nascimento do filho, mas é surpreendido pela aparição de Max (Rômulo Braga), antigo melhor amigo que ele pensava estar morto. Exibição em blu-ray.


MOSTRA AXELLE ROPERT

Axelle Ropert começou sua carreira como crítica de cinema e co-editora-chefe da revista La lettre du cinéma, e também escreveu para a revista Les Inrockuptibles. É a roteirista dos três filmes de Serge Bozon, L’Amitié, (1998), Mods (2003), no qual desempenha um papel, e La France (2007). Também apareceu nos filmes de Pierre Léon (Le dieu Mozart), de Judith Cahen (La révolution sexuelle n’a pas eu lieu) e de Benjamin Esdraffo (Le cou de Clarisse). Em 2005, Axelle Ropert apresentou seu média-metragem Etoile violette na Quinzena dos Diretores em Cannes. Em 2009, ela voltou com o seu primeiro longa-metragem, A Família Wolberg. Lançou o segundo longa, Mostre a Língua, Moça, em 2013. Seu novo filme, La prunelle de mes yeux, foi selecionado para a mostra principal do Festival de Locarno deste ano.


A FAMÍLIA WOLBERG

La Famille Wolberg (França 2009).
De Axelle Ropert. Com François Damien, Jocelin Quivrin. Em cores/82’.

Ele é capaz de fazer um discurso de tirar o fôlego sobre a alma americana para alunos boquiabertos, é capaz de interferir na privacidade de seus cidadãos ou ainda fazer a filha de 18 anos jurar que nunca deixará a casa da família. Simon Wolberg é o prefeito de uma pequena cidade da província, loucamente apaixonado por sua esposa, pai invasivo e um filho provocador. Este homem é conduzido pela obsessão com a sua família, que o leva a pôr à prova a força e a fragilidade de suas relações. Exibição digital com legenda em português.


MOSTRE A LÍNGUA, MOÇA

Tirez La Langue, Mademoiselle
(França 2013). De Axelle Ropert. Com Cédric Kahn, Louise Bourgoin, Serze Bozon. Drama em cores/100’.

Os irmãos Boris e Dimitri são médicos no 13º distrito de Paris. Eles sempre trabalham juntos e se dedicam integralmente aos seus pacientes. Um dia, eles começam a cuidar de uma criança com diabetes criada por sua mãe solteira, Judith. Boris e Dimitri se apaixonam perdidamente pela moça, o que irá desestabilizar o forte laço entre eles. Exibição digital com legenda em português.


26 de julho (terça)
15h – Ralé
16h30 – Teobaldo Morto, Romeu Exilado
19h – A Família Wolberg

27 de julho (quarta)
15h – Ralé
16h30 – Teobaldo Morto, Romeu Exilado
19h – Sessão Fechada

28 de julho (quinta)
15h – Ralé
16h30 – Teobaldo Morto, Romeu Exilado
20h – Mostre a Língua, Moça

29 de julho (sexta)
15h – Ralé
16h30 – Teobaldo Morto, Romeu Exilado
20h – Sessão especial de pré-estreia de Fome

30 de julho (sábado)
15h – Ralé
16h30 – Teobaldo Morto, Romeu Exilado
19h – A Família Wolberg

31 de julho (domingo)
15h – Ralé
16h30 – Teobaldo Morto, Romeu Exilado
19h – Mostre a Língua, Moça

  
Sala P. F. Gastal
Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia
Av. Pres. João Goulart, 551 - 3º andar - Usina do Gasômetro
Fone 3289 8133

Nenhum comentário: