Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 6 de outubro de 2015

Cine Dica: CURADOR DA VERSÁTIL DEBATE GIALLO PSICODÉLICO NO PROJETO RAROS

Nesta sexta-feira, 09 de outubro, às 20h, o Projeto Raros exibe na Sala P. F. Gastal da Usina do Gasômetro (3o andar) o giallo psicodélico Todas as Cores da Escuridão (Tutti Colori del Buio, 1972, 94 minutos), de Sergio Martino. Depois da exibição, acontece um debate com Fernando Brito, pesquisador e curador da Versátil Home Video. Neste ano, a distribuidora presenteou os fãs brasileiros dos thrillers italianos com o lançamento de uma elaborada caixa contendo quatro clássicos do gênero, incluindo, além do seminal Seis Mulheres para o Assassino, de Mario Bava, outra obra cultuada de Sergio Martino, O Estranho Vício da Sra. Wardh. O filme será exibido em cópia digital com legendas em português.
Fernando Brito está em Porto Alegre para ministrar um curso sobre a obra de Mario Bava na Cinemateca Capitólio, nos dias 10 e 11 de outubro. Mais informações: http://cinemacineum.blogspot.com.br/2015/08/mario-bava.html

TODAS AS CORES DA ESCURIDÃO

Jane (Edwige Fenech), uma mulher atormentada por fantasmas do passado e por uma gravidez interrompida drasticamente, envolve-se com uma macabra seita de adoradores do demônio. O filme foi lançado nos cinemas brasileiros em 1975 com o título Os Sonhos Eróticos de uma Mulher Insaciável.
Sergio Martino pode não ser conhecido como um dos grandes mestres do cinema fantástico italiano, mas certamente Todas as Cores da Escuridão figura entre os melhores filmes do horror feitos no país. Apesar de ser um giallo atípico, sem a presença de um assassino misterioso e cheio de referências à magia negra e ao ocultismo, traz o que o subgênero tem de melhor: mise en scène precisa, fotografia psicodélica, atmosfera onírica, musas estonteantes e uma trilha sonora cheia de estilo, cortesia do mestre Bruno Nicolai. O filme é um herdeiro assumido de O Bebê de Rosemary, clássico de Roman Polanski. 

PROJETO RAROS
09/10 - 20h
TODAS AS CORES DA ESCURIDÃO
(Tutti Colori del Buio - Itália, 1972, 94 minutos)
Direção: Sergio Martino
Elenco: George Hilton, Edwige Fenech, Ivan Rassimov


Sala P. F. Gastal
Coordenação de Cinema, Vídeo e Fotografia
Av. Pres. João Goulart, 551 - 3º andar - Usina do Gasômetro
Fone 3289 8133

Nenhum comentário: