Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Cine Dica: Em Cartaz: Antes da meia-noite


Sinopse: Último filme de uma trilogia Antes da Meia-Noite conta a história do norte-americano Jesse e da francesa Céline que se conheceram em um trem para Viena em Antes do Amanhecer (1995) e Antes do Pôr do Sol (2004).

Todo o começo tem um fim: essa frase poderia resumir como um todo a terceira parte da trilogia  iniciada com “Antes do amanhecer” (“Before Sunrise”), de 1995. A história dos dois jovens (o americano Jesse e a francesa Celine) que se conhecem num trem de Budapeste para Viena, optando em saltar na capital austríaca e conversar durante toda a noite, com a promessa de terem a companhia um do outro até o amanhecer, se tornando então um grande sucesso dos anos 90. Vencedor do Urso de Prata para a direção de Richard Linklater e um desempenho estupendo de Ethan Hawke e Julie Delpy, que acabaram ganhando inúmeros admiradores e que torciam para que eles retornassem novamente num novo capitulo.  
Eis que em 2004, os protagonistas voltam a se encontrar em Paris em “Antes do por do sol”. Celine virou uma ecologista, mas meio que sofria em silencio por ter um namorado ausente. Jesse se casou, teve um filho e estava na capital francesa para lançamento do seu livro de grande sucesso na América, que era justamente baseado na noite em que ele passou com Celine. Neste novo encontro, eles conversam em uma longa caminhada, onde aos poucos é revelado inúmeras surpresas um do outro e que acabam aos poucos abrindo os seus corações em diálogos afiados e muito espertos. Facilmente o filme superou o original e acabou surpreendentemente entrando na lista dos melhores filmes da primeira década do século 21.  
Agora, nove anos depois de “Antes do Pôr do Sol”, Linklater, Hawke e Delpy, se encontram novamente em “Antes da Meia-Noite”. O casal de protagonistas finalmente estão casados, possuem gêmeas para criar e estão numa bela parte da Grécia passando férias em família. Só que aqui há uma grande diferença se compararmos com os filmes anteriores. Para inicio de conversa o filme não possui tantos planos fechados do casal, optando assim em mostrar mais a bela ambientação onde se passa a historia. A trama começa pra valer, no momento que Jesse começa se questionar se deveria ou não ter passado mais tempo com o seu filho do seu primeiro casamento. Isso acaba se tornando o ponta pé inicial para que o casal comece a fazer uma revisão de sua relação, onde acabara saindo do armário um certo desgaste não assumido por ambos, mas que está ali escancarado.               
Para os mais românticos e fãs da série cinematográfica isso pode soar até decepcionante, pois o casal encara o fato que o conto de fadas deles não era exatamente perfeito e quando a realidade bate no mundo perfeito dos sonhos, sempre acaba com alguém se machucando. Como o casal está na casa dos 40 anos, eles começam ambos se avaliarem e reverem o que acertaram e o que erraram ao longo dos anos em que viveram juntos e acabam se perguntando, se pelo que sentiam um pelo outro antes, continua firme e forte atualmente?
Por mais duro que seja para os fãs, é o amadurecimento da trilogia romântica, queiram ou não. No final das contas é um retrato de todos nos, sobre os nossos relacionamentos, sofrimentos e questionamentos, pois ao longo da vida, sempre a gente fica se perguntando: se tivéssemos uma chance de mudar o nosso passado o que você mudaria? 
Mas se você realmente tivesse a chance de mudar, você mudaria e arriscaria perder tanto as situações ruins como boas que passou ao longo da vida?
Querendo ou não, os momentos ruins de uma relação sempre estarão lá, para fazer a gente amadurecer, deixar os nossos corações cada vez mais fortes e prontos quando nos precisarmos deles. Jesse e Celine chegaram num momento que precisam que os seus corações estejam fortes para ambos e os minutos finais da trama, dão a entender que eles deram conta (ou não) do recado. 

Me sigam no facebook e twitter. 

Nenhum comentário: