Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

domingo, 18 de novembro de 2012

Cine Especial: Neorrealismo Italiano: Parte 4


Nos dias 24 e 25 de novembro, estarei participando do curso Neorrealismo Italiano, criado pelo Cena Um E ministrado  pelo jornalista Franthiesco Ballerini. Enquanto os dois dias não chegam, estarei por aqui escrevendo sobre os principais filmes, desse movimento que é considerado um dos mais importantes da historia do cinema mundial. 

 Alemanha. Ano Zero

Sinopse: Em Berlim, após o final da 2ª Guerra Mundial, Edmund (Edmund Moeschke), um garoto de uma família muito pobre, trabalha para sustentar o pai doente, sua pequena irmã e o irmão, que não tem documentos. Um dia, ao conversar com um antigo mestre (Erich Gühne), fala do seu pai enfermo e entende ter recebido um conselho para matar seu pai, um peso morto. Ele começa a pensar na idéia.
  
Alemanha, Ano Zero é uma das obras máximas do mestre Roberto Rossellini e do cinema italiano. Um drama impactante com um dos finais mais célebres da história do cinema. Apesar de se passar na Alemanha do pós-guerra, o filme está inserido no contexto do cinema italiano dos anos 40 que foi o neo-realismo. No filme, Rossellini não deixa de passar uma critica pesada ao nazismo, que foi responsável, não só pela ruína de países em que eles assolaram como também contra a si próprios.      
O jovem personagem Edmund é uma representação de um grito de socorro, perante o horror e a falta de esperança que se encontra junto com a sua família, numa Berlim caindo em ruínas e tentando se reerguer. Suas escolhas, a partir de conselhos  de um professor nazista (e pedófilo), o leva para um ato final impactante e que dificilmente se apaga em nossas mentes após presenciar tal cena, que para o bem e para o mal, entrou para a historia do cinema.  


 Me Sigam no Facebook e Twitter:

Nenhum comentário: