Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 69 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Cine Especial: AKIRA KUROSAWA: MESTRE DAS TELAS: Parte 3


Nos dias 28 e 29 de abril, estarei participando do curso “AKIRA KUROSAWA: MESTRE DAS TELAS”, que será realizado no Cinbancários, criado pelo CENA UM e ministrado pelo pesquisador de historia de cinema, Jorge Roldan. E enquanto a atividade não acontece, por aqui, estarei postando tudo o que eu sei, sobre esse cineasta, que se tornou sinônimo de qualidade do cinema japonês.

Yojimbo: O GUARDA COSTAS
Sinopse: Ao chegar a um vilarejo no Japão tomado por duas facções criminosas, um destemido Samurai vê ali a oportunidade de ganhar muito dinheiro, trabalhando secretamente para as duas organizações. A partir daí, a rivalidade entre as duas gangues aumenta cada vez mais, mudando o destino dos habitantes do vilarejo de forma irreversível.
Filme que se tornou uma enorme fonte de influencias nos anos mais tarde. Kurosawa jamais escondeu de ninguém, que alguns dos seus filmes, principalmente em historias envolvendo samurais, são inspirados em filmes de faroeste como os de John Ford, e neste filme não é diferente. O que é interessante, é que o filme acabou servindo então de fonte para inúmeras criações para o cinema do ocidente, como foi no caso de Sergio Leone, que acabou refilmando O Guarda Costas, e criou Por um Punhado de Dólares, gerando então, a famosa trilogia dos dólares e consagrando Clint Eastwood, mas essa é outra historia.
Ótimo filme de aventura onde Kurosawa mostrava como se fazia um bom filme desse gênero daquele e tempo e Toshirô Mifune se estabeleceu como o grande astro dos filmes de aventuras naquela época no oriente, e voltaria a repetir a parceria com o diretor inúmeras vezes. Sem contar, uma previsível, mas eficaz continuação do misterioso samurai.


A Fortaleza Escondida
Sinopse: Uma bela princesa fugitiva é escoltada a caminho de casa por um poderoso homem que, ao passar no território inimigo, cruza com dois medrosos fazendeiros que tentam retornar para casa depois de fugirem da Guerra Feudal.
Akira Kurosawa lançou em 1958, um épico clássico, que serviria de inspiração para outros cineastas. George Lucas, por exemplo, sempre disse que Fortaleza Escondida foi sua fonte de inspiração para a criação de Star Wars.
Kurosawa, usando de idéias tanto orientais como ocidentais, cria um belo filme de aventura, que apesar da longa duração, não cansa em nenhum momento. Isso graças ao estilo de misturar aventura com belas doses de humor na medida certa.


Me Sigam no Facebook e Twitter:  

2 comentários:

Gilberto Carlos disse...

Estou meio em "falta" com os filmes de Kurosawa. Também não vi Yojimbo. Vou tentar baixar...

Marcelo C,M disse...

Pois é, no meu caso, vi praticamente toda a filmografia de Kurosawa somente no ano passado. Não poderei postar todos por aqui antes do curso, mas farei o possivel.