Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 66 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Cine Dicas: Lançamentos em DVD e Blu-Ray:

E ai gente, saudade? Bom, andei ocupado com o meu serviço e fiquei muito cansado nos últimos dias e quando chego em casa, não quero nem pensar em digitar mais no resto do dia. Mas estou aqui porque consegui finalmente um tempinho hoje e solto abaixo umas ótimas dicas para quem procura algo de novo nas locadoras, confiram:


Almas à Venda
Sinopse: Em meio a uma crise existencial, Paul (Paul Giamatti), um famoso ator, procura solução num laboratório particular conhecido como Armazém das Almas, que oferece aos nova-iorquinos alívio para suas almas cansadas. Ele decide extrair sua alma e, depois de uma tentativa fracassada de viver e atuar sem uma alma, aluga a suposta alma de um poeta russo. As coisas tomam um rumo inesperado quando ele encontra Nina (Dina Korzun), uma russa contrabandista de almas.

A alma humana é um mistério até hoje para muitos, mas não para o cinema. Tanto que a diretora e roteirista Sophie Barthes teve a idéia bizarra e genial apartir de um sonho que ela mesma teve, para a criação desse filme. Mas não a como negar que filmes como Adaptação e Brilho Eterno de Uma Mente Sem Lembranças serviram de base na criação da historia.
Em ambos os filmes a muita semelhança, como unir humor negro com umas pitadas de drama e ficção, aliado a um roteiro esperto e com um elenco cativante. Paul Giamatti (fazendo aqui ele próprio) convence do inicio ao fim como uma pessoa cheia de neurose ao ponto de vender a sua alma, para descarregar o peso que sente na vida, mas mau imagina o erro que esta cometendo.
Não faltam momentos inspiradores quando o protagonista da de cara com a sua própria alma e de outra pessoa. É neste momento que o filme apresenta um retrato exato do tom do filme onde o humor e o drama se unem para apresentar algo incomum e misterioso ainda hoje para o ser humano. Um filme genial e  incomum  para poucos, mas que buscam algo de inovador em termos de conteúdo.

Curiosidades: A diretora e roteirista Sophie Barthes teve a ideia para o filme após um sonho estranho no dia em que acabara de ler "O Homem Moderno em Busca de uma Alma", de C.G. Jung;
No sonho da cineasta, Woody Allen descobria que sua alma parecia uma pequena semente amarela, como um grão-de-bico;
A opção de Barthes por Paul Giamatti se deu após conferir Anti-Herói Americano;


O Escritor Fantasma
Sinopse: Quando um escritor fantasma britânico de sucesso concorda em completar as memórias do ex-primeiro-ministro britânico Adam Lang, seu agente lhe assegura que é a oportunidade de uma vida. Mas o projeto parece condenado desde o início - até porque o seu antecessor no projeto, o assessor de Lang de longa data, morreu em um infeliz acidente. Ressonante com temas da atualidade, este atmosférico e político suspense é uma história de enganos e traição em todos os níveis – sexual, político e literário. Em um mundo em que nada e ninguém são o que parece, O ESCRITOR FANTASMA logo descobre que o passado pode ser fatal – e que a história é decidida por quem permanece vivo para escrevê-la.

Apesar dos problemas com a justiça recentemente, Roman Polanski conseguiu de todas as formas concluir seu ultimo filme e o resultado é um suspense policial moderado mas engenhoso. Ao começar pelo fato do filme começar e terminar repentinamente e sem dar muita explicação do que realmente aconteceu ali, o diretor simplesmente entrega as cartas e deixa o espectador se perguntando do que acabou de ver.
Do inicio ao fim, o diretor consegue prender o espectador numa trama que traz mais perguntas do que respostas e com isso nos identificamos com o personagem de Ewan McGregor (voltando aos trilhos na carreira) em não ter certeza em quem confiar, muito menos no ministro britânico Adam Lang ( Pierce Brosnan no seu melhor papel em anos) mas nem tudo é o que parece.
Com uma bela fotografia e um belo movimento de câmera (os minutos finais são geniais) Roman Polanski consegue criar seu melhor filme desde O Pianista, só resta saber se sua vida pessoal perante a justiça irá se estabilizar e ficar livre para fazer filmes bons como esse.

Curiosidades: Baseado na obra de Robert Harris.

sábado, 27 de novembro de 2010

Cine Curiosidades: ENROLADOS marca um circulo de mais de sessenta anos do Estúdio Disney

E ai gente. Andei meio ocupado, nem sequer falei sobre as estréias desse final de semana, mas fazer o que né. Pelo menos ainda estou aqui para sempre, aja o que houver, mesmo sem tempo, dar uma atualizada neste blog que tanto gosto de postar minhas matérias de filmes para vocês. Enquanto as novas não aparecem, curtem ai embaixo um video especial em comemoração da chegada do mais novo filme da Disney estreando por lá,  Enrolados.
O video presta uma homenagem aos cinquenta longa metragens que a Disney fez de 1937 até os dias de hoje, mas se alguem ficar se perguntanto ai, "aonde está Toy Story e Procurando Nemo??" Lembro vocês que esses filmes são produzidos pelo estúdio Pixar e apenas distribuidos pelo estúdio do Miquey.
 

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Cine Curiosidades: Finais de Blade Runner que ninguem viu (e ninguem irá ver)


Blade Runner é um clássico que gera muitos debates até hoje, principalmente pelo fato do filme ter mais de uma versão e pela infinita duvida se o protagonista era um replicante ou não.
 O que provalmente muitos não  sabem é que, além das diferentes versões existentes: entre a originalmente exibida, o director's cut, e a versão final cut - existem ainda os finais que foram inicialmente pensados.
Segue abaixo os possiveis finais que foram pensados mas jamais filmados:  



July 24, 1980 draft:
Roy Batty dies. (E em vez do seu fabuloso discurso a última coisa que diz é: "Crap.") Deckard arrasta-se até ao seu carro e vai até casa onde encontra Rachael. Ambos entram no veículo e saem da cidade, enquanto um voiceover de Deckard fala sobre o lindo dia que tiveram juntos. Depois Deckard leva-a até à neve e dá-lhe um tiro na cabeça. Se ele não o fizesse, alguém se encarregaria disso, explica o voiceover. Decker não pode voltar para a cidade, e deixa de ter certeza sobre o que é real ou não. Talvez nada seja real. Entrea no carro e conduz em direcção ao infinito. The end.




December 22, 1980 draft:
No dia seguinte a Deckard ter morto Batty, no apartamento com Rachel. Bryant chega e fala com Deckard no videofone. Deckard não deixa Bryant entrar e diz que está sozinho, mas Bryant sabe que ele mente. Bryant avisa Deckard que Gaff é ambicioso. Há longas pausas enquanto Deckard tenta perceber o que Bryant quer dizer, até que por fim entende. Deckard encontra Gaff a vigiar o seu apartamento e quase lhe dá um tiro. Mas Deckard (num voiceover!) diz que está cansado de puxar gatilhos. Em vez disso, foge com Rachel sem ser visto e partem de carro. Rachael pede a Deckard que pare por nunca tinha visto neve antes. Falam sobre Roy Batty, e como ele fez Deckard perceber que cada momento é precioso. Rachael diz que é o dia mais feliz da sua vida, e depois implora a Deckard que a mate. Ele dispara. Depois conduz dali para fora, percebendo que é tarde demais para fugir: "Não me dariam documentos para as colónias mesmo que os quisesse." E interroga-se sobre quem desenha "os que são como eu". Deckar olha para o céu, e a sua narração encerra o filme:
A grande companhia Tyrrell não me concebeu, mas quem quer que tenha sido, fê-lo muito melhor. 'Também estás programado,' ela disse-me, e estava certa. À minha maneira, eu era um modelo de combate, e Roy Batty era o meu falecido irmão. The end.




February 23, 1981 version:
Deckard e Rachael estão no apartamento. Ele pergunta se ela o ama e se confia nele, ela diz que sim. Ele pega nalgumas coisas e dirigem-se para o elevador, mas ele vê um pequeno unicórnio feito de papel. Deckard, já no carro, conduz entre os bosques a 160mph. Deckard e Rachael sorriem, mas um ponto luminoso pisca no visor do automóvel. Deckard coloca o unicórnio no painel do veículo, e enquanto conduz a alta velocidade ouve-se a sua voz em narração:
Sabia-o no telhado nessa noite. Éramos irmãos, o Roy Batty e eu! Modelos de combate de elite. Combatemos em guerras nunca antes sonhadas... e em pesadelos ainda sem nome. Éramos a nova gente... Roy e eu e a Rachel! Fomos feitos para este mundo. Este mundo pertence-nos!
E depois a câmara move-se para cima, e vemos o veículo de Gaff sobrevoando o bosque, em sua perseguição. The end.

Cine Especial: Clássicos Disney: ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
Sinopse: Alice é uma menina curiosa e cansada de seu mundo monótono. Ao seguir o apressado Coelho Branco, acaba caindo no maluco País das Maravilhas.

Alice no País das Maravilhas (em inglês: Alice in Wonderland) é um filme de animação de longa-metragem, considerado um clássico, produzido pelos estúdios Disney em 1951. É uma adaptação do clássico de Lewis Carroll, Alice no País das Maravilhas.
O filme seguiu uma rota bem diferente das produções anteriores do estúdio, pois afinal de contas, o conto original é cheio de significado e muito conteudo cujo o qual Disney queria passar ao maximo na tela. Contudo, com pouco mais de uma hora, o filme condensou inumeras partes e alguns personagens ficaram de fora, entretanto manteve toda a excentricidade que o livro possuia com seus personagens incomuns como o mestre Gato.
Tendo sido um relativo fracasso na época, o filme acabou conquisando aos poucos o publico em suas reprises na tv e aos poucos ganhou estatus de cult. Recentemente Tim Burton criou uma especie de continuação da historia que acabou gerando um maior sucesso e com isso uma nova geração acabou descobrindo esse clássico de 1953.


Curiosidades: No Brasil o filme teve duas dublagens, a original feita no ano de 1951 no estúdio Continental Discos, e uma segunda feita em 1991 na Herbert Richers sob encomenda do SBT.
A dublagem original foi lançada em VHS e atualmente em DVD, enquanto a segunda dublagem, só foi exibida apenas no SBT no início de 1991, e depois disso acabou sendo substituída pela dublagem original de 1951 nas exibições do canal.

Cine Dicas em DVD e Blu-Ray: THE RUNAWAYS - GAROTAS DO ROCK

Sinopse: Inspirado em fatos reais The Runaways - Garotas do Rock é baseado no livro da vocalista Cherie Currie Neon Angel - uma reflexão sobre suas experiências como estrela do rock passando um grande alerta antidroga para os adolescentes. Space Oddity de David Bowie serve como uma metáfora para a narrativa - uma contagem regressiva lenta e surreal com um espetacular salto para a fama. Em seguida vem a alienação. O filme centra-se na formação da banda e sua rápida ascensão ao estrelato.
O que Kristen Stewart e Dakota Fanning têm em comum?? Ambas (principalmente Kristen Stewart) pertencem a saga do cinema Crepúsculo, mas nem por isso, elas irão deixar de fazer outros trabalhos para provar que não se vive apenas com os pescoços nos caninos dos vampiros. Neste filme dirigido por Floria Sigismondi ambas se saíram muito bem ao interpretar a dupla principal da banda, que na época foi algo de inovador, já que foram as primeiras garotas que formaram uma banda de rock em meio a um tempo em que essa área era somente dominada por homens. Assim como “Prazer Sem Limites” o filme retrata muito bem a década de 70, com todas as suas cores, musica, drogas, sexo e a moda da liberdade de expressão nas alturas, mas ao mesmo tempo retrata um tempo em que os jovens tentam se descobrir, através de diversas coisas, ou então cair no esquecimento e nisso o filme retrata muito bem através do grupo, principalmente pela Dakota Fanning que interpreta sua personagem de uma forma em que guarda toda sua raiva dentro de si mas que jamais deixa explodir por mais que queira. Já Kristen Stewart até se esforça em retratar uma garota durona, o grande problema talvez esteja com relação ao publico em geral em assistir ela nesse filme, sem não se lembrar dela em Crepúsculo, que já é uma missão impossível, mas não custa tentar, já que tenho fé nela, que ela pode ir mais longe e não viva apenas com a saga. Contudo, quem rouba a cena toda vez que aparece é Michael Shannon (Foi Apenas Um Sonho) que da um verdadeiro show de interpretação ao transmitir toda a sua excentricidade e obsessão do seu personagem  em querer  fazer seu grupo de meninas um sucesso.Com uma trilha sonora bombástica e muito boa em vários momentos em que é tocado os melhores sucessos do grupo, o filme somente peca em não ser mais ousado, possui começo, meio e fim, do inicio do sucesso ao declínio do grupo, assim como todo filme que retrata fatos de uma historia real, termina com os sempre últimos textos dizendo o que aconteceu com cada um, contudo é uma bela de uma oportunidade de não só ver Stewart e Dakota em papeis em que o publico em geral está pouco acostumado em vê elas, como também em assistir um filme em que se parece como uma espécie de Prelúdio do que viria nos anos 80, “Madonna” recebeu bem o recado.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Cine Dicas: Lançamento em DVD: O PROFETA

Sinopse Malik El Djebena (Tahar Rahim), um homem meio árabe e meio córsico, foi condenado a seis anos de prisão. De aparência frágil e com apenas 19 anos, ele chega à penitenciária sozinho. Logo recebe uma série de missões a serem cumpridas, ordenadas por César Luciani (Niels Arestup), o líder da facção dos córsicos. Aos poucos conquista a confiança de todos, a qual usa para pôr em ação seu plano.

No festival e Cannes do ano passado, O Profeta era tido como grande favorito para o premio principal, só que os realizadores não contavam com o alemão Fita Branca. Isso não quer dizer nada, pois o filme é um dos melhores do gênero carcerário. Aquele típico filme que nos é apresentado o protagonista que é levado para lá, mas torcemos para que ele consiga fugir. Mas o filme não se prende a isso e sim a uma mistura de dois gêneros, o do filme de prisão e máfia, pois Malik irá fazer de todas as formas para sobreviver no inferno aonde está, e com isso chegara a um patamar que jamais imaginava.
Para aqueles que esperam um filme pesado, O Profeta possui sim inúmeras cenas fortes, como a primeira missão de Malik na prisão para não ser morto pelo outros detentos que o mandaram, entretanto o final nos surpreende com uma tomada que nos traz até um certo alivio mas ao mesmo tempo vem a tona uma pergunta que fica no ar: Até quando a tranqüilidade ficara nas mãos do protagonista? A resposta fica por cada um que assistir.


Curiosidades: O diretor Jacques Audiard conheceu o protagonista Tahar Rahim ao dividir uma corrida de automóvel com Niels Arestup, que atuou em seu filme anterior, De Tanto Bater, Meu Coração Parou (2005);
Para transmitir autenticidade, o diretor Jacques Audiard contratou ex-prisioneiros como consultores e extras.

Cine Especial: Clássicos Disney: CINDERELA

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
sinopse: A  universal história do sonho que se torna realidade através de inesquecíveis canções e encantadores personagens como ratinhos, a madrasta e a fada madrinha, Viva toda a fantasia, aventura e beleza deste grande clássico Disney que tem encantado gerações. Uma maravilhosa experiência que agora pode ser sua e de toda sua família para sempre.
.
Baseada em um conto de Charles Perrault, Cinderela foi a retomada da Disney em longas metragens de animação, pois durante os anos quarenta, o estúdio ficou preso em somente medias metragens devido ao custo e devido a esplosão da segunda guerra mundial.
Como toda a produção Disney, o filme possui um visual caprichado em inumeras cenas, como o encontro de Cinderela e o principe e as eventuais musicas que se tornaram marcas registradas do estúdio. Contudo, sempre quando me lembro de Cinderela me vem a tona o humor certeiro de alguns momentos como o engradissimo rei que quer de todas as formas que seu filho se case e lhe de netos que tanto deseja, isso é claro há também as atrapalhadas dos ratinhos que sempre tentam de todas as formas ajudar Cinderela


Curiosidades: Em 90% do desenho animado, quando produzido, foram usados atores como referência de animação para Cinderella e os demais personagens humanos para que assim, os movimentos fossem mais reais.

Cine Especial: Clássicos Disney: Você já foi a Bahia?

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
Sinopse: O Pato Donald recebe presentes de aniversário, que incluem presentes tradicionais e visitas ao Brasil, onde é recebido pelo Zé Carioca, e ao México, onde é recepcionado por Panchito. Na passagem pela Bahia, o trio de amigos encontra a garota brasileira.

Lnaçado em plena segunda guerra mundial, o filme foi uma especie de convite de paz a todos os povos do mundo, e na trama isso era bem representado pelo Pato Donald, Zé Carioca e Panchito, três personagens Disney, que apesar de cada um ser de um país diferente, souberam passar respeito um pelo outro durante o longa enquanto eles ficavam viajando, tanto no estado da Bahia no Brasil, como também nas cidades do Mêxico.
Trilha sonora deliciosa e encantadora fazem desse longa um otimo passatempo para todas as idades. Destaque para a aparição de Aurora Miranda (irmã de Carmen Miranda) no auge da sua beleza.


Curiosidades: Você já foi à Bahia? teve duas indicações ao Oscar, nas categorias "Melhor Som" e "Melhor Trilha Sonora de Filme Musical".
A trilha sonora do filme é composta por músicas de Ary Barroso, como Os Quindins de Yayá e Bahia e Dorival Caymmi, como Você já foi à Bahia? (cantada por Zé Carioca).

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Cine Dicas: Lançamento em DVD e Blu-Ray: AVATAR (EDIÇÃO ESPECIAL)

EDIÇÃO ESPECIAL FINALMENTE CHEGA AO MERCADO BRASILEIRO COM INUMEROS EXTRAS  DE RESPEITO
Sinopse: AVATAR nos conduz por um mundo espetacular além da imaginação, onde um herói relutante vindo da Terra embarca numa aventura épica, e acaba lutando para salvar o mundo extraterrestre que aprendeu a chamar de lar.
Adentramos o mundo alienígena através dos olhos de Jake Sully, um ex-fuzileiro naval confinado a uma cadeira de rodas. Apesar do que aconteceu ao seu corpo, Jake continua se sentindo um guerreiro e viaja anos-luz à estação que os humanos instalaram em Pandora, onde a humanidade quer explorar o minério raro unobtanium, que pode ser a chave para solucionar a crise energética da Terra. Como a atmosfera de Pandora é tóxica, foi criado o Programa Avatar, em que “condutores” humanos têm sua consciência ligada a um avatar, um corpo biológico controlado à distância capaz de sobreviver nesse ar letal. Os avatares são híbridos geneticamente produzidos de DNA humano e DNA dos nativos de Pandora, os Na’vi.
Renascido em sua forma avatar, Jake consegue voltar a andar. Ele recebe a missão de se infiltrar entre os Na’vi, que se tornaram um obstáculo à extração do precioso minério. Ocorre que uma bela Na’vi, Neytiri, salva a vida de Jake, o que muda tudo. Jake é acolhido pelo clã de Neytiri, e aprende a ser um deles depois de passar por vários testes e aventuras. O relacionamento de Jake com sua hesitante instrutora Neytiri se aprofunda, e ele passa a respeitar o jeito de viver dos Na’vi, e por fim passa a ocupar seu lugar no meio deles.
Logo ele enfrentará a maior de suas provações, ao comandar um conflito épico que decidirá nada menos que o destino de um mundo inteiro.
Já se passou quase um ano desde há estréia de Avatar no cinema e de lá pra cá muita coisa rolou. Para começar o filme se tornou a maior bilheteria de todos os tempos, ultrapassando a cifra de 2 bilhões de dólares, a maior bilheteria da história se não considerados os reajustes inflacionários. No Brasil, Avatar ultrapassou o recorde anterior de A Era do Gelo 3, tornando-se a maior bilheteria do país (claro, isso antes de Tropa de Elite 2) com mais de R$ 102,3 milhões arrecadados e levando 9,108 milhões de pessoas ao cinema.
Vencedor de inúmeros prêmios (incluindo três Oscar e o Globo de Ouro de melhor filme), James Cameron mostrou ao mundo o que é um filme de 3D de qualidade, ou seja, um filme que desde o principio foi pensado nesse formato, diferente de outros que vieram e foram convertidos em ultima hora como foi no caso de Fúria de Titãs.
Passada toda a euforia a pergunta que fica é: Será que o 3D será uma moda passageira? Ao meu ver, se ele for usado unicamente para lançar coisas nas pessoas quando se esta assistindo um filme, duvido que dure muito tempo, entretanto se for usado para acrescentar algo para melhor desenvolver a historia (assim como em Avatar) então a tecnologia a de prevalecer por muito tempo, mas só o tempo dirá, pois muitas vezes, muita ambição dos engravatados dos estúdios acabam por arruinar certas idéias unicamente para ganhar mais dinheiro.
De qualquer forma, com ou sem 3D, Avatar possui um dos visuais mais fantásticos do cinema recente. É impressionante o mundo novo criado por James Cameron, tanto que da a sensação de que tudo ali apresentado pode ser sim realmente real em um mundo distante do nosso.
O curioso é que eu (particularmente) achei a historia bem simples, pois a aventura de Jake Sully ex fuzileiro naval, cuja a missão é tentar convencer o povo Na´vi a sair das suas terras para os seres humanos explorarem elas, mas que acaba se apaixonando por uma das nativas (Neytir) e da própria natureza do planeta, nada mais é do que inúmeras idéias de historias já apresentadas em outros filmes como no caso de Pocahontas, Dança Com Lobos e dentre outros, contudo, não torna a historia ruim ou previsível.
O filme ganha pontos por mostrar a velha historia do bem contra o mau em meio uma mensagem ecologia de preservação a natureza. Ao mesmo tempo o filme aproveitou por fazer uma critica contra governo norte americano devido a invasão ao Iraque e pelos erros do passado que cometeu como no caso das ocupações das terras que antes pertenciam aos índios.
Isso tudo, feito com a mais avançada tecnologia nunca antes vista, contudo só conseguido graças a Weta Digital, responsável pela criação do mundo dos Senhor dos Anéis. Quando James Cameron viu aqueles três filmes, percebeu que já estava mais do que na hora de tirar Avatar do papel e o resto é a historia que agente já conhece.
Com a chegada da edição especial, tanto em DVD como em Blu-Ray, o consumidor cinéfilo terá o prazer de ver o filme em três formas: Versão original do cinema, versão especial (que foi exibida no cinema com oito minutos a mais) e versão do diretor com catorze minutos a mais, incluindo um novo prólogo que mostra Jake Sully na terra do futuro, sofrendo devido poluição (em um visual a lá Blade Runner). Eu particularmente gostei muito dessa terceira versão, pois sempre achei o inicio do filme muito apressado em apresentar o personagem, agora existe a versão como deveria ter sido desde o inicio.
Além das cenas adicionais, o disco ainda possui uma hora de cenas excluídas, algumas curiosas, outras dispensáveis. E o melhor fica para o documentário de mais de duas horas de duração que mostra passo a passo o desenvolvimento para a criação do filme. E isso tudo é na versão em DVD, pois o Blu-Ray possui muito mais horas de extras
Um item indispensável para aqueles que foram no cinema e testemunharam essa revolução cinematográfica que será lembrada por muito tempo.

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Cine Especial: Clássicos Disney: As Aventuras de Ichabod e Sr. Sapo

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
Sinopse: O filme é composto de dois segmentos, ambos baseados em obras literárias populares nos Estados Unidos:
The adventures of Mr. Toad de Kenneth Grahame (narrado por Basil Rathbone).Um sapo chamado J.T. sapo é louco por manias e seus amigos tentam parar essa moda de ser dele.Mas ele fica louco pelo carro a motor e por conta disso vai para prisão.Mas ele foge e vai provar que é inocente numa arriscada aventura
A história de Ichabod Crane e o Cavaleiro Sem-Cabeça baseia-se na obra "The Legend of Sleepy Hollow", de Washington Irving. Ichabod é um professor muito esquisito.Ele fica apaixonado por Katrina e ganha um inimigo, Broom.Mas é muito difícil vencer Ichabod nessa briga para ficar com Katrina e Broom sabe uma coisa que Ichabod acredita muito:fantasmas!

Um clássico, produzido pelos estúdios Disney em 1949 e encerrou a série de longas-metragens compostos por histórias curtas, que marcaram suas produções nos anos 1940, com a falta de recursos provocada pela II Guerra Mundial, e que no ano seguinte teria a retomada dos grandes desenhos, com Cinderela.
Dos dois segmentos, sou muito fã Ichabod Crane e o Cavaleiro Sem-Cabeça pois o filme segue um caminho bem inverso de seus antesessores. Ao começar pelos protagonistas, nenhum deles, inclusive Crane é um bom moço, pois ele alias, tem o desejo de se casar com a personagem Catrina unicamente por causa de sua herança, já Catrina é apresentada como uma tipica rica orgulhosa que faz os homens cairem ao seus pés e ela se diverti com isso.
O filme se divide em dois atos, o segundo alias é o que guarda a tão famosa aparição do Cavaleiro sem cabeça onde tenta cortar a cabeça de Lchabod Crane em uma persseguição assustadora e alucinante.
Tudo feito em um clima tipico de filmes de terror, mas feito em uma animação Disney em alta qualidade, mesmo com a falta de recursos que os estudio tinha na época.


Curiosidades: O título original, na versão brasileira, era Dois sujeitos fabulosos.
O filme não foi relançado por muitos anos, depois de sua estréia inicial. As duas seções foram, porém, exibidas separadamente na televisão e em vídeos caseiros. A versão integral, porém, foi relançada em DVD.
A seqüência da perseguição, no segmento de "Ichabod" é considerada por muitos dos críticos de cinema como uma das mais apavorantes e eletrizantes já feitas pelos estúdios Disney. Com seu ritmo frenético e fundo demoníaco, é freqüentemente citado como exemplo do elemento horror que se faz presente em muitos dos filmes Disney. 



Cine Dicas: Estréias no final de semana (19/11/10)

E ai gente. Chegamos a mais um final de semana com somente algumas estréias, mas isso já era obvio, pois ninguém quer bater de frente com Harry Potter: As Relíquias Da Morte: Parte 1 (em breve, minha critica por aqui). Uma das grandes estréias desse final de ano e que (finalmente) poderá tirar a liderança de Tropa de Elite 2 que se encaminha de se tornar a maior bilheteria do cinema brasileiro de todos os tempos.
Fato como esse que realmente merece registro, pois mesmo tendo todas as suas qualidades, talvez Tropa de Elite 2 não chegasse a esse posto se não fosse o cuidado que a distribuidora teve para que o filme não caísse simplesmente no mundo da pirataria. Quando eu estava indo na estréia no cine Vitoria em Porto Alegre, não havia nenhuma barraquinha ou caixa de papelão com DVDs piratas do filme, isso se deve claro aos brigadianos que ficaram de plantão nas primeiras semanas o tempo todo e isso colaborou para que o publico fosse em massa ao cinema em vez de ir pelo lado mais fácil que é comprar um DVD com a imagem ruim de alguém que gravou o filme dentro de um cinema.
Uma pena que essa segurança e essa inspeção contra a pirataria não aconteça com os outros filmes, pois a pirataria não deixa de ser um dos maiores câncer das salas de cinema do nosso país.

Vamos as estréias:


Harry Potter: E as Relíquias da Morte: Parte 1
Sinopse: Começa com Harry Ron e Hermione em uma perigosa missão para encontrar e destruir o segredo da imortalidade e destruição de Voldemort as Horcruxes.Sozinhos sem seus mentores ou a proteção de Dumbledore os três amigos agora dependem um dos outros mais do que nunca. Mas no caminho estão Forças das Trevas que ameaçam acabar com eles.Paralelamente o mundo da magia se tornou um local perigoso para todos os inimigos do Lorde das Trevas. A guerra aguardada com temor há muito tempo já começou e os Comensais da Morte de Voldemort tomaram o controle do Ministério da Magia e até mesmo de Hogwarts assustando e capturando qualquer um que se oponha a eles. Mas eles ainda buscam o prêmio de maior valor para Voldemort: Harry Potter. O Escolhido se tornou o caçado quando os Comensais da Morte saem em sua busca com ordens de levá-lo para Voldemort vivo.A única esperança de Harry é achar as Horcruxes antes de ser encontrado por Voldemort. Mas à medida que procura por pistas ele descobre uma lenda antiga e quase esquecida: a lenda das Relíquias da Morte. E se a lenda for verdadeira isso poderia dar a Voldemort o imenso poder que ele tanto busca.Harry nem imagina que seu futuro já foi decidido pelo seu passado quando naquele dia fatídico ele se tornou o Menino Sobrevivente . Não mais só um menino Harry Potter está cada vez mais próximo da tarefa para a qual está se preparando desde o primeiro dia em que pisou em Hogwarts: a batalha final com Voldemort.




5x Favela - Agora por Nós Mesmos
sinopse: Episódio 1 - Fonte de Renda: Maicon (Sílvio Guindane) consegue realizar o sonho de passar no vestibular, mas logo se encontra apreensivo devido à sua incapacidade de arcar com os gastos com livros, alimentação e transporte. Ele fica então tentado a vender drogas para os colegas de faculdade, como forma de obter o sustento necessário para os estudos.

Episódio 2 - Arroz com Feijão: Para conseguir um quarto para o filho, os pais de Wesley (Juan Paiva) resolvem reduzir o cardápio diário a arroz com feijão. No aniversário do pai o garoto se junta ao amigo Orelha (Pablo Vinícius) para conseguir dinheiro, no intuito de comprar um frango como presente.

Episódio 3 - Concerto para Violino: Quando crianças Márcia (Cíntia Rosa), Jota (Thiago Martins) e Ademir (Samuel de Assis) fizeram um pacto de amizade eterna. Agora, com todos em torno dos 20 anos, Jota entrou para o tráfico de drogas enquanto que Ademir se tornou policial. O confronto entre os dois pode impedir que Márcia, agora violinista, realize o sonho de uma bolsa de estudos na Europa.

Episódio 4 - Deixa Voar: Flávio (Vítor Carvalho), de 17 anos, deixa que a pipa de um amigo voe. Para buscá-la ele precisa ir à favela de uma facção rival. Mesmo com medo, ele decide buscar a pipa.

Episódio 5 - Acende a Luz: É véspera de Natal e o morro está sem luz há três dias. Como os técnicos da companhia de luz não conseguem resolver o problema, um deles é sequestrado pelos moradores locais. Eles decidem fazê-lo de refém até que a luz volte.




Gui, estopa e a natureza
Sinopse: Gui e Estopa descobrem que os tubarões de Recife atacam porque o homem pescou mais do que devia. Os micos roubam comida de um hotel porque tiveram seu espaço invadido. Esses são apenas alguns exemplos de como os personagens aprendem a importância da preservação do meio ambiente. Eles também conhecem as maravilhas e curiosidades do mundo animal como por exemplo o polvo que solta um de seus tentáculos para enganar os inimigos. Ou então a gralha que avisa os outros animais quando uma jibóia se aproxima.



Um Homem que Grita
Sinopse: República do Chade nos dias de hoje. Adam (Youssouf Djaoro), sessenta e poucos anos, é um ex-campeão de natação e trabalha na piscina de um hotel de luxo na cidade de N’Djamena. Quando investidores chineses compram o hotel, ele é forçado a se demitir para que seu filho Abde assuma a função e se sente humilhado. O país está à beira de uma guerra civil. Forças rebeldes atacam o governo, que pede para a população contribuir com o “esforço de guerra” enviando dinheiro ou um voluntário com idade para combater. Constantemente, o governo local cobra de Adam sua parte na contribuição. Mas ele não tem dinheiro, apenas um filho.








quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Cine Dica: Lançamento em DVD e Blu-Ray: PREDADORES

Sinopse: Com produção de Robert Rodriguez, o filme é estrelado por Adrien Brody como Royce, um mercenário que relutantemente lidera um grupo de combatentes de elite e descobre que eles foram levados para um planeta alienígena para servirem como presas. À exceção de um médico que caiu em descrédito, todos são assassinos a sangue frio: mercenários, mafiosos da Yakuza, presidiários, membros de esquadrões da morte - ou seja, "predadores" humanos que agora serão sistematicamente caçados e eliminados por uma nova raça de Predadores alienígenas.

Predador (1987) era o melhor exemplo de filme de ação dos 80. Muita pancadaria, frases de efeito e muitos músculos, mas ele se diferenciava dos demais do gênero. Ao começar pelo fato de ser um filme de ação com pitadas de ficção cientifica e um pouco do estilo Sete Homens e Um Destino. O filme se tornou um clássico e para muitos fãs ainda é insuperável.
É claro que isso não existe no dicionário de Robert Rodriguez. Fã ardoroso do primeiro filme, ele sempre achou as continuações (principalmente Alien Vs Predador 2 ) péssimas, por isso arregaçou as mangas e mesmo com pouco dinheiro no bolso, reuniu um elenco com alguns conhecidos pelo publico, um diretor sob encomenda (Nimród Antal) e como ele próprio como produtor, então ai surgiu Predadores que é mais do que uma continuação, mas também uma espécie de releitura do original. Talvez seja ai o maior defeito do roteiro criado pelo produtor que não soube criar uma historia original e sim criar situações que a cada momento prestava homenagem a produção de 1987, até mesmo a trilha sonora de Alan Silvestre é tocada em diversos momentos da trama.
Pelo menos o elenco compensa essa falha, ao começar por Adrien Brody (O Pianista) que aqui se esforça para parecer um típico anti herói de filme de ação, até mesmo engordou e criou músculos para fazer dele algo de diferente e distante das suas outras interpretações. Alice Braga surpreende com um papel de grande destaque como uma atiradora profissional e que com ela, carrega um segredo que faz referencia a produção de 87. Agora fico me perguntando o que Laurence Fishburne (Matrix) esta fazendo nesta produção, pois o seu papel é pequeno e pouco relevante, somente ele surge para dar mais explicações sobre o mundo em que os personagens estão. Do resto do elenco, somente servirão de desafios para os Predadores, dentre as vitimas, uma cara conhecida do mundo de Rodriguez, Danny Trejo (visto recentemente como protagonista no ótimo Machete também de Rodriguez ).
Se a intenção de Rodriguez era superar o original isso ele não conseguiu, mas se a intenção era homenagear aquela produção e dizer que nada a supera, então o seu filme foi um belo exemplo, mas não custava um pouquinho ser mais ousado e explorar um pouco mais o mundo dos predadores??
Quem sabe numa eventual seqüência, como deixa bem claro no final deste.

Cine Especial: Clássicos Disney: DUMBO

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
Sinopse: As cegonhas chegam, como todos os anos, no circo para entregar os bebês às suas mães. Sra. Jumbo, uma elefante, descobre que seu pequeno tem orelhas grandes, todos os seus colegas não param de rir de seu bebê, mas a Sra. Jumbo sempre o defendeu a ponto de ser confinada para enfrentar qualquer um que zomba de sua prole.
O Dumbo pouco, abusado e ridicularizado por todos os seus pares, apenas com a ajuda de um pequeno rato chamado Timóteo, que decide fazer dele uma estrela do circo.

“Deus escreve em linhas tortas.” Essas palavras são as melhores que definem Dumbo, elefantinho ridicularizado pelos outros animais e pelas pessoas que visitam o circo, Dumbo descobre (com um pouco de ajuda do ratinho Timóteo) a capacidade de voar, isso graças as suas enormes orelhas.
Visto hoje, Dumbo é um pequeno exemplo de superação perante ao preconceito, em que cada criatura, não importa de que forma ela tenha nascido, possui um dom a ser explorado. Apesar de parecer uma produção um tanto que simples se comparado a produções anteriores do estúdio na época, o filme foi um maior sucesso dentre o publico e critica e arrebatou o Oscar de trilha sonora. E como não poderia deixar de ser, Disney foi corajoso ao mostrar a separação de Dumbo da sua mãe numa sequência angustiante e ousada para os padrões da época que fez a maioria do publico cair em lagrimas.

Curiosidades: Dumbo é baseado em obra de Helen Aberson e Harold Perl.
Em 1947, Dumbo recebeu o prêmio de melhor desenho animado no Festival de Cannes. Dumbo era um exercício deliberado de simplicidade e economia para o estúdio Disney, hoje considerado um clássico da animação.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Cine Especial: Clássicos Disney: BAMBI

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
Sinopse: Bambi é um filhote de veado que perde a mãe, morta por caçadores. Obrigado a sobreviver sozinho, o órfão se relaciona com os outros animais da floresta onde vive, fazendo amigos e aprendendo a sobreviver. Quando outro caçador coloca em risco a vida de outro veado, Bambi deve mostrar que, mais do que sobreviver, aprendeu a se defender.
Existe muitos motivos para dizer que Disney era um homem a frente do seu tempo, motivos é o que não faltaram e se alguns ainda tinham duvidas, tudo é dissipado quando a pessoa assiste a esse filme sobre um filhote de veado que desde cedo se torna órfão, algo ousado para as crianças na época que se deram conta que seus pais um dia poderiam morrer.
Muitos acusaram Disney de ter sido cruel com as crianças que assistiram Bambi, pois segundo alguns psicólogos da época, crianças deviam ser poupadas de certas coisas sobre a vida e a morte, contudo, Disney pouco deu ouvidos para tais criticas.
O que talvez ele quisesse passar neste filme era questão da sobrevivência perante ao mundo hostil, mesmo que o jovem personagem começasse a aprender isso desde cedo. Baseado no romance de Felix Salten, o filme foi um relativo fracasso na época, mas se recuperou ao longo dos anos, hoje é um grande clássico e um exemplo da mente a frente do tempo de Disney,

Curiosidades: Apesar da produção ter-se iniciado em 1936 tendo como objetivo lançar Bambi como o 2º longa-metragem de animação lançado pela Walt Disney Pictures, logo após Branca de Neve e os Sete Anões, o preciocismo de Walt Disney e a busca por um maior realismo na animação fizeram com que Bambi levasse muito mais tempo do que o planejado até ser concluído. Antes disto a Walt Disney Pictures lançou outros 4 filmes de animação: Pinóquio (1940), Fantasia (1940), O Dragão Relutante (curta-metragem de 1941) e Dumbo (1941).
Algumas cenas de animais e do fogo na floresta foram inicialmente idealizadas para Pinóquio, mas que não foram incluídas no filme.
A intenção inicial era que o caçador que mata a mãe de Bambi aparecesse como um personagem no filme. Entretanto, segundo Walt Disney, caso isto acontecesse ele teria que ser claramente um vilão cruel para que as crianças o aceitassem e, como Disney não queria que os caçadores fossem vistos como pessoas cruéis, o personagem foi cortado e não é visto no decorrer do filme.

Cine Dica: Lançamento em DVD e Blu-Ray: A Epidemia

Sinopse: A primavera acaba de chegar numa tranquila cidade do interior, onde a simplicidade toma conta das pessoas e suas rotinas. Mas neste ano, a estação trouxe algo além de flores. Misteriosamente, os moradores tornam-se pessoas silenciosas e… extremamente agressivas! O casal David (Timothy Olyphant) e Judy (Radha Mitchell) se vêem cercados por aqueles que um dia já foram seus vizinhos e amigos, mas agora vagam pela cidade com um único objetivo em mente: matar, destruir, aniquilar.

Que os filmes de Zumbi estão na moda ninguém duvida. Talvez um dos ingredientes para o fortalecimento desse gênero seja o fato de que cada filme lançado, sempre renovam em determinado aspecto da historia e A Epidemia é o mais novo patamar.
Mas diferente do que se possa imaginar, as pessoas aqui não se tornam mortas vivas e sim se tornam pessoas irracionais devido a um misterioso vírus. Mas isso é o de menos do "porque" isso está acontecendo, o importante é acompanhar a trajetória do casal central, David Dutten (Timothy Olyphant) e a sua mulher grávida, a médica Judy (Radha Mitchell) perante a uma espécie de juízo final na sua cidade.
O filme ganha pontos em que cada momento se torna mais angustiante e claustrofóbico (como a cena do lava rápido) ou em momentos em que tudo parece perdido para somente dar uma grande angustia no espectador.
Ao lado de Rec e O Nevoeiro, A Epidemia figura entre os bons filmes de terror recente em que se mostra a luta pela sobrevivência perante ao inexplicável, seja um ataque de zumbis ou a loucura desperta do ser humano

Curiosidades: A Epidemia (The Crazies) é a refilmagem de O Exército do Extermínio, de 1973. Este foi o quarto filme do mestre do horror, George A. Romero (Madrugada dos Mortos).
Inicialmente foi intitulado 'O Exército do Extermínio'.

sábado, 13 de novembro de 2010

Cine Dicas: Estréias no final de semana (13-11-10)

E ai cinéfilos, chegamos a mais um final de semana e dessa vez alongado, pois segunda feira é feriado, portanto temos que aproveitar para curtir cinema.
E opções são de montes, desde a documentários como filmes de ação, isso fora as sessões especiais que o Cine bancários e o Cine Santander estão fazendo, o primeiro por exemplo está fazendo um grande sucesso atraindo mais de mil pessoas em poucos dias.

Vamos as estréias:

As Cartas Psicografadas de Chico Xavier
sinopse: Através de conversas com pessoas que receberam cartas psicografadas por Chico Xavier, trazendo notícias de entes queridos já falecidos, busca-se compreender qual é o sentimento envolvido neste ato. É possível identificar o parente? Como lidar com a perda e seguir adiante com a vida?




CONTOS DA ERA DOURADA
Sinopse: A partir dos contos urbanos e mitos dos últimos 15 anos do regime de Nicolae Ceausescu, diversos episódios refletem sobre o comunismo na Romênia. Sem perder o que mantém no país: o humor.



Jackass 3D
Sinopse: Johnny Knoxville e seu grupo de malucos estão de volta para se jogar em brincadeiras e acrobacias arriscadas. Entre as façanhas estão uma língua de sogra soprada pelo ânus e uma câmera amarrada a um pênis que urina em colegas. Há ainda a pior forma de acordar do mundo com desfibriladores banho de xixi e morcegos vampiros e o heli-cockter um helicóptero guiado por controle remoto por um pênis.




José e Pilar
Sinopse: A partir do registro do dia-a-dia da relação entre José Saramago e a jornalista espanhola Pilar Del Río acompanhamos de forma intimista o casal em sua casa nas ilhas Canárias e em suas viagens pelo mundo. O ponto de partida é o processo de criação produção e promoção do romance A Viagem do Elefante desde o momento da construção da história em 2006 até o lançamento do livro no Brasil em 2008. A ficção do romance reflete o percurso do próprio autor sendo a dura e custosa viagem do elefante um espelho de seus desafios pessoais entre a doença o trabalho e o amor por sua esposa.




MET3: DON PASQUALE
sinopse: Don Pasquale é uma ópera cômica em três atos de Gaetano Donizetti, com libreto de Giovanni Ruffini. Foi escrita quando Donizetti fora nomeado doretor musical da corte do imperador Fernando I de Austria, e foi a antepenúltima das 66 óperas que escreveu.




Minhas mães e meu pai
Sinopse: Nic e Jules vivem juntas há muito tempo. Nic é ginecologista e sofre com a pressão do trabalho enquanto Jules tenta abrir uma empresa de paisagismo. Elas têm dois filhos: Joni de 18 anos e Laser de 15. Com a iminência da partida da irmã para a faculdade Laser lhe pede um favor: descobrir quem é seu pai biológico. Mesmo hesitante Joni contacta o banco de esperma e dias depois Paul entra em contato. Os dois adolescentes vão ao seu encontro e buscam esconder o fato das mães sem sucesso. Nic e Jules decidem então enfrentar o problema de frente e convidam Paul para jantar. Prêmio Teddy do Festival de Berlim.




Muita calma nessa hora‎
Sinopse: Três jovens amigas Tita (Andréia Horta) Mari (Gianni Albertoni) e Aninha (Fernanda Souza) encontram-se diante de situações desafiadores . Em busca de novos caminhos decidem passar um fim de semana na praia. Na estrada conhecem Estrella (Debora Lamm) uma hippie que lhes pede carona para tentar achar o pai desconhecido. As quatro garotas vivem situações hilárias absurdas e emocionantes. Mais que mudar de ares mudam a si mesmas.



RED - Aposentados e Perigosos
Sinopse: Frank Moses (Bruce Willis) é um ex-agente de operações secretas da CIA que está vivendo uma aposentadoria tranquila. Isto é até que um assassino high tech aparece querendo matá-lo. Com sua vida e de sua esposa Sarah (Mary-Louise Parker) em risco Frank tenta reunir a sua antiga equipe (Morgan Freeman John Malkovich e Helen Mirren) para tentar sobreviver.




Senna
sinopse: A notável história de Senna pontuando suas realizações físicas e espirituais nas pistas e fora delas sua busca por perfeição e o status de mito que ele alcançou são os temas de SENNA um documentário que abrange os anos da lenda do automobilismo como piloto de F1 desde sua temporada de estreia em 1984 a sua morte precoce uma década depois. Muito mais que um filme para fãs da F1 a produção expõe uma história extraordinária de maneira igualmente incrível evitando o uso de muitas técnicas padrões de documentários e favorecendo uma abordagem mais cinematográfica que faz uso total de filmagens estarrecedoras boa parte inédita tirada dos arquivos da F1.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Cine Especial: Clássicos Disney: PINÓQUIO

Dia oito de dezembro chega as lojas a versão em DVD e Blu-Ray da edição especial de Fantasia a obra máxima de Al Disney. E enquanto o filme não vem, publico curte aqui, matérias de cada um dos clássicos que surgiram ao longo dos anos no estúdio.
SINOPSE: A eterna história do boneco de madeira e seu gentil criador, o marceneiro Gepetto. Durante uma mágica noite estrelada, uma fada azul dá vida a Pinóquio, começando uma fantástica aventura que vai testar a coragem, a lealdade e a honestidade do boneco, virtudes que ele tem que aprender para se tornar um menino de verdade.

Inspirado no livro do italiano Carlo Collodi, essa é o segundo longa metragem de Disney na época, ou seja, o filme que foi lançado após o mega sucesso de Branca de Neve. Mas por sorte, Pinóquio não ficou atrás, pois é um fascinante conto de fadas que não deveu em nada ao filme anterior, muito pelo contrario, a trama faz uma referencia a inocência perante a maldade do mundo, inocência essa retratada em Pinóquio, mas que mesmo com toda a sua inocência não esconde o defeito de mentir e com isso seu nariz cresce.
Sua consciência é retratada na forma do Grilo falante que o guia sempre para o caminho certo, mas em meio a isso enfrentara vilões ambiciosos e a monstruosidade de uma baleia, além de claro sua busca em tentar ser um menino de verdade.

Curiosidades: Walt Disney participou de todos os aspectos da produção, especialmente a história. Um problema enfrentado durante a produção foi que os personagens de Pinóquio não tinham o mesmo charme e carisma dos personagens de Branca de Neve e os sete anões, e que o protagonista não era forte o bastante para carregar a história. Depois de seis meses, Disney resolveu parar a produção para resolver o problema, pois ele percebeu que novos elementos tinham que ser adicionados. Como resultado, surgiu o Grilo Falante, a consciência de Pinóquio que ajudaria a guiar o filme ao lado do boneco de madeira.
Pinóquio teve um orçamento tão alto que o filme perdeu dinheiro em sua estréia original. Parte do fracasso em sua bilheteria inicial foi o estouro da Segunda Guerra na Europa, pois cerca de 45% da renda de Disney vinha do exterior. O filme conseguiu se recuperar com os relançamentos ao longo dos anos, e hoje é um dos filmes animados de maior sucesso do estúdio.