Quem sou eu

Minha foto
Sapucaia do Sul/Porto Alegre, RS, Brazil
Sendo frequentador dos cursos do Cine Um (tendo já 66 certificados),sou uma pessoa fanática pelo cinema, HQ, Livros, música clássica, contemporânea, mas acima de tudo pela 7ª arte. Me acompanhem no meu: Twitter: @cinemaanosluz Facebook: Marcelo Castro Moraes ou me escrevam para beniciodeltoroster@gmail.com

Pesquisar este blog

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Cine Curiosidades: Justiça suíça liberta Polanski


Por Jason Rhodes


ZURIQUE (Reuters) - Um tribunal suíço aprovou nesta quarta-feira a libertação, mediante fiança de 4,5 milhões de francos suíços (4,4 milhões de dólares), do cineasta Roman Polanski, que lutava contra uma extradição para os Estados Unidos por causa de uma acusação de pedofilia na década de 1970.
"O tribunal considerou que a fiança na quantia de 4,5 milhões de francos suíços oferecida por Polanski, junto com outras medidas de apoio, são suficientes para evitar o risco de fuga", disse a corte em comunicado.
A nota acrescenta que a fiança equivale a uma "porção substancial" da fortuna de Polanski, e foi sacada de um banco francês usando o apartamento do cineasta em Paris como garantia. A defesa de Polanski alegou que a potencial perda da fortuna dissuadiria o cineasta de uma fuga.
A cunhada de Polanski, a atriz francesa Mathilde Seigner, recebeu a notícia com alívio e disse que não havia perigo de o cineasta fugir.
"Ele é um homem de 76 anos, não tem 40", disse à rádio Europe 1. "É claro que ele não iria escapar, é absurdo imaginar algo assim".
Polanski não será solto imediatamente porque o governo suíço ainda tem de examinar a sentença e decidir um possível recurso, disse à Reuters o porta-voz do Ministério da Justiça, Folco Galli.
Mas a ministra da pasta, Eveline Widmer-Schlumpf, disse que o recurso é improvável. "Acho que a Corte Penal Federal Suíça teve suas boas razões. Não vejo razão para recorrer desta decisão", afirmou ela a uma rádio suíça.

MESES OU ANOS

A Corte Penal Federal da Suíça determinou que Polanski entregue seus documentos de identificação e permaneça sob prisão domiciliar, com vigilância eletrônica, enquanto aguarda a tramitação do processo de extradição.
Galli disse que a eventual libertação de Polanski para que passe à prisão domiciliar em sua residência em Gstaad ainda levaria alguns dias.
A defesa de Polanski não foi imediatamente localizada para comentar.
O premiado cineasta franco-polonês foi detido a pedido dos EUA, em 26 de setembro, quando chegou à Suíça para receber um prêmio especial em um festival de cinema.
Ele já confessou ter feito sexo com uma menina de 13 anos em 1977 nos EUA, mas no ano seguinte fugiu do país antes de ser sentenciado porque achou que um juiz iria ignorar o acordo judicial feito por ele e o condenaria a 50 anos de prisão.
Em outubro a Justiça suíça havia rejeitado um pedido anterior de libertação sob fiança, alegando que haveria risco de Polanski fugir.

(Reportagem adicional de Catherine Bosley)

Cine Dicas: Estreias no final de semana

Chegando um final de semana recheado de novidades, nada mau para um final de semana para relaxar, depois de uma semana estressante e com muito calor que nos gauchos daqui passamos, mas nada melhor do que relaxar e curtir um cineminha com um ar condicionado relaxante, confiram:


Julie e Julia

Sinopse:
Meryl Streep é Julia Child e Amy Adams é Julie Powell na adaptação da escritora e diretora Nora Ephron de duas autobiografias de sucesso: Julie & Julia de Powell e My Life in France, de Julia Child com Alex Prud'homme.

Baseado em duas histórias reais, Julie & Julia intercala a vida de duas mulheres que, apesar de separadas pelo tempo e pelo espaço estão ambas perdidas... até descobrirem que com a combinação certa de paixão, coragem e manteiga, tudo é possível.




(500) Dias com com ela

sinopse:
Tom Hansen (Joseph Gordon-Levitt) está em uma reunião com seu chefe, Vance (Clark Gregg), quando ele apresenta sua nova assistente, Summer Finn (Zooey Deschanel). Tom logo fica impressionado com sua beleza, o que faz com que tente, nas duas semanas seguintes, realizar algum tipo de contato. Sua grande chance surge quando seu melhor amigo o convida a ir em um karaokê, onde os colegas de trabalho costumam ir. Lá Tom encontra Summer. Eles também cantam e conversam sobre o amor, dando início a um relacionamento.



Do Começo ao Fim


Sinopse

Do Começo ao Fim é uma história de amor. A história de Francisco e Thomás e de sua família: Julieta, Alexandre e Pedro. Com uma narrativa particular o filme pretende contar a história de um amor incondicional como uma possibilidade, como um contraponto para um mundo cheio de violência, medo e intolerancia.
1986, Thomás, filho de Julieta e Alexandre, nasce com os olhos fechados e assim permanece durante várias semanas. Julieta não se preocupa e diz que quando o filho estiver pronto, que quando ela quiser, ele abrirá os olhos. Foi assim, nos primeiros dias de vida de Thomás aprendeu que era livre arbítrio. Um dia, sem mais nem menos, Thomás abre os olhos e olha direto para Francisco, seu irmão de 6 anos. 1992 Julieta é uma linda mulher e uma mãe amorosa. É médica de um hospital e trabalha no setor de emergência. É casada pela segunda vez com Alexandre, pai de Thomás. Pedro, seu primeiro marido e pai de Francisco mora na Argentina. Julieta e ele continuam bons amigos.
Durante a infância, os irmãos são muito próximos0, talvez próximos demais, segundo Pedro, que passa uma temporada com eles em Buenos Aires. Anos mais tarde, quando Francisco tem 27 anos e Thomás 21, Julieta morre repentinamente em um acidente de carro. Francisco e Thomás se tornaram amantes e vivem uma extraordinária história de amor.




PLANETA 51

Sinopse:
Animação que fala sobre os habitantes do planeta 51, que vivem aterrorizados pelo medo de um ataque alienígena. Sua paranóia se concretiza com a chegada de um astronauta da terra.








 





quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Cine Curiosidades: Globo compra direito para exibir filme de Lula


Para não correr o risco de perder outro filme nacional de repercussão para Record, que comprou "Tropa de Elite", a Globo já adquiriu os direitos de exibição do filme "Lula, O Filho do Brasil". O longa estreia nos cinemas no primeiro dia de janeiro de 2010.

Segundo o jornal "Extra", a emissora pretende exibir o filme no começo de 2011, no ano seguinte às eleições presidenciais.
Lula, O Filho do Brasil" conta a história do presidente Luiz InácioLula da Silva desde a infância, incluindo a morte da mãe e a prisão por organizar manifestações sindicais em São Paulo.

Cine Dicas: Lançamentos em DVD

Os ultimos dias tem sido quentes no RS, muito quentes, quem sabe logo venha uma chuva para diminuir esse calor, mas enquanto isso não vem temos que mais que tentar relaxar, com algum sorvete, suco e é claro assistindo a um bom filme junto e opções para locação e venda não faltam, confiram:

 UP - Altas Aventuras

Não sabendo fazer filmes ruins, Pixar
lança mais uma obra prima

Sinopse:

Carl Fredricksen (Edward Asner) é um vendedor de balões que, aos 78 anos, está prestes a perder a casa em que sempre viveu com sua esposa, a falecida Ellie. O terreno onde a casa fica localizada interessa a um empresário, que deseja construir no local um edifício. Após um incidente em que acerta um homem com sua bengala, Carl é considerado uma ameaça pública e forçado a ser internado em um asilo. Para evitar que isto aconteça, ele enche milhares de balões em sua casa, fazendo com que ela levante vôo. O objetivo de Carl é viajar para uma floresta na América do Sul, um local onde ele e Ellie sempre desejaram morar. Só que, após o início da aventura, ele descobre que seu pior pesadelo embarcou junto: Russell (Jordan Nagai), um menino de 8 anos.


Talvez o maior defeito dos estúdios atualmente (principalmente os de Hollywood) é de se preocupar demais com o lado de pirotecnia em vez de se preocupar com a principal ferramenta de sucesso de um filme que é criar uma boa historia. No caso dos estúdios Pixar a situação é o inverso. John Lasseter (produtor executivo) e sua equipe se preocupam acima de tudo em criar uma boa historia para conquistar a simpatia do publico já nos primeiros minutos da trama, a pirotecnia, apesar de importante, fica em segundo plano. Unindo uma boa historia e altas técnicas de animação (agora com a ferramenta 3D do momento) Pixar a cada filme que lança, sempre é sinal de obra prima a caminho e com UP- Altas Aventuras não é diferente.

Pete Docter e Bob Peterson (responsáveis pelo ótimo Monstros S.A) com sua direção e roteiro conquistam o espectador já nos dez minutos de projeção da historia ao apresentar a vida do casal Carl e Elie de como eles se conheceram, suas tentativas de realizar seus sonhos e suas dores nas perdas ao longo da vida, e é neste momento que o filme nos conquista de uma maneira magistral jamais vista, nos arrancando sorrisos mas ao mesmo tempo várias lagrimas mesmo da mais dura alma humana. E é ai que está o grande segredo do sucesso desse novo filme, que é alternando humor com boas doses de emoção e aventura na medida certa que não se via em anos no cinema. Como sempre os coadjuvantes tem o seu destaque, o pequeno escoteiro Russell é o grande achado da trama na parte do humor e é ele que será o responsável em fazer Carl descobrir que sua verdadeira e nova aventura da vida estava apenas começando.
Muitos consideraram que a Pixar havia chegado ao seu ápice com Wall-E mas assistindo a UP- Altas Aventuras nos damos conta que talvez o estúdio jamais chegue lá, porque mais e mais eles nos surpreendem a cada ano que passa com seus filmes e não me surpreenderia que o estúdio seja novamente indicado ao Oscar de melhor longa de animação por esse filme e ganhar em 2010 anotem ai o que eu digo. Pixar um dia fará um filme ruim? Que esse dia jamais chegue.


Watchmen - O Filme

Um dos melhores (e polémicos) filmes do ano finalmente chega
a venda em DVD Duplo


sinopse

Em 1977 foi aprovada pelo congresso norte-americano a Lei Keene, que proibia as atividades de mascarados no combate ao crime. Isto fez com que vários super-heróis deixassem a carreira, como o Coruja (Patrick Wilson) e Espectral (Malin Akerman). Outros, como o Comediante (Jeffrey Dean Morgan) e o Dr. Manhattan (Billy Crudup), passaram a trabalhar para o governo. Dois anos antes da implementação desta lei Adrian Veidt (Matthew Goode) decidiu revelar sua identidade como Ozymandias, dedicando-se a partir de então na construção de um império econômico. Em 1985 o mundo vive o clima da Guerra Fria, no qual um ataque nuclear pode acontecer a qualquer momento, vindo dos Estados Unidos ou da União Soviética. Neste clima de tensão política Edward Blake, o Comediante, é assassinado. Em seu funeral comparecem, em momentos diversos, seus antigos companheiros. Entre eles está Rorschach (Jackie Earle Haley), que acredita que sua morte seja o indício da existência de um assassino de mascarados.


Quando se achava que nada poderia se igualar a Batman: Cavaleiro das Trevas, eis que o diretor Zack Snyder (300) leva para os cinemas a historia conhecida por muitos como a bíblia dos quadrinhos, um verdadeiro marco dessa arte. Resumidamente o filme levanta a seguinte questão: O mundo seria realmente melhor se os super heróis realmente existissem? A resposta esta numa trama de mais de duas horas e meia, recheada de personagens humanos e com os seus inumeros defeitos perante as escolhas que terão que saber (ou não) administrar. Elenco de primeiro linha ( Jackie Earle Haley como o personagem Rorschach está impecável) efeitos especiais de ultima geração e isso sem contar o maravilhoso crédito de abertura onde se reconstitui inúmeros momentos históricos americanos e mundiais da nossa realidade onde os heróis desse universo participam, embalado com uma fantástica musica do mestre Bob Dylan, desde já uma das melhores cenas do ano.



Curiosidades:
Durante a escalação do elenco o diretor Zack Snyder deu a cada ator uma cópia do roteiro e outra da graphic novel “Watchmen”. Posteriormente, já durante as filmagens, Snyder permitiu que os atores levassem ao set a graphic novel e reescrevessem eles próprios seus diálogos.
O próprio Zack Snyder pediu a Dave Gibbons, um dos autores de “Watchmen”, que desenhasse o primeiro cartaz do filme. Gibbons aceitou o convite e o fez com algumas pistas sobre a trama da história, escondidas no próprio visual.



A TETA ASSUSTADA
Filme Peruano se tornou uma das grandes surpresas do ano

Sinopse

Vencedor do urso de Ouro no Festival de Berlim de 2009, La Teta Asustada é a metáfora do rompimento. Um país reprimido que só pode se expressar através do inconsciente: seus mitos, seus medos, seus traumas. O corpo de uma mulher expressa o vazio que precisa ser preenchido; a angústia que precisa se acalmar; o pavor de encontrar algo diferente, de perder o controle.


Agradavel surpresa nestá safra de final de ano. O filme venceu o Kikito de ouro na mostra Latina no ultimo festival de gramado e se tornou o primeiro filme Peruano a concorrer e ganhar no festival de Berlim, uma façanha e tanto. Dirigido pela jovem cineasta peruana Claudia Llosa, o filme retrata as dores da mulher machucada pelo tempo, ao mesmo tempo uma metafora das dores e horrores que o Peru sufreu nas mãos da guerra civil que sofreu nos anos de 1980 e 2000. Magaly Solier é a alma  viva do filme do começo ao fim, sua personagem é o mais puro retrato de uma pessoa presa ao mais puro medo perante ao desconhecido. Falar mais sobre a trama é estragar inumeras surpresas que o espectador irá encarar já no inicio do filme, lirico, forte e unico.       

Cine Curiosidades: Atividade Paranormal em pre-estreia

Sinopse:

Um jovem casal se muda para uma casa onde fenômenos inexplicáveis começam a acontecer, eles resolvem filmar tudo a noite, em quanto tentam dormir, pois é o horário em que as Atividades Paranormais normalmente acontecem com maior freqüência.

Talves uma das grandes surpresas dessa temporada de fim de ano, pois quem diria que uma produção com um orçamento minguado (15 mil dolares) rendesse tanto em termos de bilheteria em tão pouco tempo. Mas foi isso que aconteceu e com isso o filme chega mais cedo do que se previsto nas nossas terrinhas. A estreia ocorre dia 04 de dezembro mas algumas salas já exibem o filme em sessões noturnas como no caso amanhã no Cineycistem as 21h55 em Porto Alegre.
O filme segue a linha de documentário falso como no caso a Bruxa de Blair, Clodefild e REC e com o sucesso desse filme a tendencia desse novo genero tende somente aumentar.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Cine Curiosidades: PREVIEW n° 4 está na mão

Enquanto fica neste chove e não molha com relação a SET, opções é que não faltam com relação a revistas de cinema na nossa terrinha e a revista PREVIEW é disparado a melhor opção.
Para aqueles que eram acostumados a SET, essa revista basicamente vem com o mesmo formato, sem fazer muitas mudanças para que o leitor se sinta mais em casa durante a leitura e também não é pra menos, já que alguns que trabalharam na SET antes da crise estão agora trabalhando nestá revista liderados pelo diretor de redação Ricardo Matsumoto.

Além da já esperada matéria especial sobre Lua Nova, a revista  conta com matérias sobre (500) Dias com Ela, 2012 (entrevista com o diretor), Abraços Partidos (novo filme de Almodovar e uma pequena tragetoria sobre sua otima carreira), especial Animação em Tempo, um otimo perfil de Meryl Street, sobre sua carreira e sobre o seu novo filme Julie e Julia, Elo Perdido (direto para DVD), entrevista com Anna Muylaert (Diretora de É Proibido Fumar), Especial Blu Ray: Um Estranho no Ninho, Ang Lee com o seu Woodstock e etc...

Lendo toda a revista, vejo que a proposta dela é mais do que obvia, uma leitura  tanto para um publico exigente como também para um publico descompromissado e que cada edição vai melhorando mais, continuem assim.

Nota: 09.       

Cine Curiosidades: Capitólio ganha novo patrocinador e prevê reabertura para 2010

O BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento) confirmou o patrocinio no valor de 1,1 milhão de reaias, através da Lei Rouanet, para a continuação das obras de restauração da Cinemateca Capitólio (Borges de Medeiros, 108). A expectativa é de que o contrato seja assinado até o final deste ano, e que o reinício das obras ocorra nos primeiros meses de 2010, com inauguração prevista para o primeiro semestre do ano que vem.
As obras no Cine Theatro tiveram inicio em dezembro de 2004. O projeto contou com um patrocinio, no valor de 4,2 milhões de reaias, da Petobras, que resultou na conclusão da parte Civil da obra.
O novo financiamento está sendo negociado desde 2006. "Em breve, contaremos com uma cinemateca e devolveremos a cidade uma sala de cinema de rua, tão rara nos dias de hoje" afirma o presidente d Fundacine, Cicero Aragon.
A Cinemateca Capitólio será a primeira da Região Sul e a segunda do Pais. Pretende reunir todo o acervo audiovisual do Estado e irá contar com uma sala de cinema com 188 lugares, conco salas de projeção multimidia, área de acervo, biblioteca, café e um espaço de exposições com mostras permanentes e temporárias de cartazes de filmes e outros materiais relacionados á historia do cinema.

Fonte: O Sul

Inaugurado em 12 de outubro de 1928, o Cinema Capitólio era de propriedade do alfaiate José Luiz Faillace, tinha capacidade de 1.295 lugares, numa área de 1.300 m². Na década de 30, época em que os cinemas ocupavam um lugar de sociabilização na sociedade, foi o cinema mais importante de Porto Alegre.

Estabeleceu um convênio com os dois maiores produtores de filmes da época, o United Artists e a R. K. O. Radio. O filme “Voando para o Rio” marcou o início deste convênio. Além de filmes exibia peças de teatro, bailes de carnaval e até concursos de misses.
Foi construído e projetado pelo arquiteto Domingos Rocco em estilo eclético com ornamentos voltados para a arquitetura colonial açoriana, pesquisada pelo arquiteto. Sua fachada era de ciréx ocre, e interior em tons de bege e branco com degraus de granitina, conferindo ao prédio suntuosidade.
Na década de 60, o mercado do cinema entra em colapso, e os cinemas de calçada, como eram chamados, começam a fechar. Em 1969, o Capitólio é arrendado para o Grupo Serrador, de São Paulo, que muda o nome para Cinema Premier. No final da década de 70, o cinema volta a ser denominado Capitólio.
Ainda em crise, na década de 80, passa a exibir filmes pornográficos até o seu fechamento, em 30 de Julho de 1994. O Capitólio foi desativado ao lado dos antigos Cinemas São João e Marrocos. Era o fim dos cinemas de calçada. Em um artigo publicado na Zero Hora, Tuio Becker relembra os tempos de gloria dos cinemas de bairro:
“A decadência destas três salas de cinema que já estiveram entre as mais tradicionais de Porto Alegre cumpre um ciclo ditado pelo nome de consumismo voltado para as colméias que se tornaram os Shoppings”.
Sem ter como manter a casa, nem atrair investimentos, os arrendatários entregam o imóvel para a família que transfere a propriedade ao Município em total decadência: rebocos caídos, vazamentos, goteiras, ornamentos quebrados, entre outros estragos. Através da Lei 365/95 o prédio é transformado em patrimônio histórico municipal.
A discussão sobre a criação de um centro cultural unificado no Centro da cidade estava em pauta na Câmara Municipal já em 1991. Em 1995, o SESC, através de um convênio com a Prefeitura, assume a restauração do prédio, orçada em R$ 1 milhão, e se responsabiliza pela administração do local. Pelo convênio, a cessão do local ao SESC deveria durar 50 anos. O projeto SESC Capitólio (ou Instituto Policultural Cine Theatro Capitólio) é lançado oficialmente em 23/11/97, mas o projeto não vingou.
Em 2001 o edifício passou por uma reforma no telhado - substituição da cobertura e o prédio foi escorado, em uma área de 448 m², de forma emergencial.

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Cine Dicas: Em Cartaz: LUA NOVA

FILME AUMENTA NOS ACERTOS E DIMINUI  NOS ERROS SE COMPARADO AO FILME ANTERIOR.

Sinopse:
Ao completar 18 anos, Bella Swan é surpreendida com uma festa de aniversário preparada por Edward Cullen e todos os outros membros de seu clã, porém, um fato inesperado surge em meio a muitas comemorações. Por descuido, Bella corta uma pequena parte de seu corpo e seu sangue começa a ficar completamente à mostra para todos os vampiros.
A partir daí, e também com o intuito de protegê-la, Edward decide mudar de cidade com sua família. Imediatamente Edward diz a Bella que não a ama mais e que a partir daquele momento ela deveria seguir o seu caminho sozinha.
Os meses passaram e Bella, muito abatida, aproximou-se ainda mais de Jacob Black. Os dois começaram a viver uma grande amizade, mas até aquele momento o segredo de Jacob ainda não havia sido revelado a Bella. A garota descobriu toda a verdade após ocorrer alguns incidentes envolvendo o jovem lobisomem. Bella também se vê no meio da batalha entre vampiros, lobisomens e Victoria.


Assisti esse filme neste final de semana e esperava realmente um enorme grupo de jovens (na maioria garotas) para assistir a essa trama que dava continuidade ao filme anterior Crepúsculo mas jamais imaginava que tinha tantos e que gritariam dentro da sala de cinema, fazendo do filme um verdadeiro evento.
Mas porque tudo isso? O que as garotas vêem nesta historia? Simples, o que elas realmente esperam. Tanto esse como o anterior não tinha nada de inovador, é mesma historia de amor proibido de diversos outros filmes, livros e etc mas com uma pequena diferença, os protagonistas são especiais, saídos de contos sombrios cujo os quais fascinam não importa qual a geração.
Sabendo disso a escritora Stephenie Meyer juntou dois mais dois e criou um dos livros mais vendidos no momento em que o jovem soube se identificar com esses personagens que por mais que fantásticos que sejam poderiam ser muito bem o seu melhor amigo(a) ou seu namorado(a).
Claro que por causa dessa onda, o cinema não ia deixar de fazer uma adaptação que com isso foi lançado  no cinema o primeiro capitulo, que apesar dos seus problemas na direção, atraiu milhares de jovens que leram o livro anteriormente. E eis que chegamos a Lua Nova, dirigido por Chris Weitz (A Bússola de Ouro) que da continuidade a historia aonde parou, dando continuidade ao amor impossível e começando um triangulo amoroso que anteriormente era apenas suspeito.
O elenco continua o mesmo mas melhorado, Chris Weitz conseguiu extrair o melhor que se tinha em cada um dos atores, até mesmo Edward Cullen que ainda acho um jovem ator inexpressivo mas que pelo jeito as jovens pouco se importam com isso, porque só era ele aparecer em cena que elas gritavam. Quem se da melhor é Jacob Black que aqui mostra um bom desempenho em momentos tanto românticos como também de tensão e que chega a um ponto de roubar a cena nas suas cenas em que se transforma em um lobo, mas continuo vendo Kristen Stewart como a verdadeira alma de toda a trama, sendo ela gente como agente ela acaba nos levando a esse mundo louco com seres bizarros e românticos e mesmo assim não abandona suas atitudes imprudentes de toda jovem normal que se vê hoje em dia, vista pela primeira vez no filme O Quarto do Pânico, Kristen ainda vai longe.
Por fim na parte da direção, Chris Weits soube separar, drama, romance e ação nos momentos certos da película e convenhamos, as cenas de ação são muito bem melhores que o filme anterior (principalmente no ato final com a participação da talentosa Dakota Fanning), e não da para esquecer o prólogo do sonho de Bella, simplesmente único, e que da um belo resumo de sua situação com relação a sua paixão pelo vampiro. Mesmo assim o filme sempre cai no obvio quando é relação as cenas românticas onde as frases de juras de amor se repetem a todo momento, mas tanto a escritora como a própria diretora sabiam que as meninas apaixonadas adorariam isso, nos os críticos mais exigentes é que ficamos esperando juras de amor melhores
Deixando um gancho e tanto para o próximo filme, Lua Nova é sem duvida nenhuma uma melhorada nesta saga que pegou os jovens de vez. Pode não ser nenhuma maravilha do mundo mas não ofende também muito a inteligência de ninguém, quem sabe nos próximos capítulos os filmes vão melhorando ainda mais, pois afinal de contas aprendemos com os nossos erros.






Cine Curiosidades: Lula com uns centimetros a mais

Lula, O filho do Brasil é um dos filmes mais esperados dos últimos tempos e é considerado um dos mais caros do Brasil (16 milhões no total) mas nem por isso quer dizer que o filme será perfeccionista, pois se fosse assim Fabio Barreto se lembraria muito bem que nosso amigo presidente tem 1.70 de altura enquanto o ator que faz o presidente na época que foi preso, olha só ........

  Não duvido que o ator estreante Rui Ricardo Diaz irá nos surpreender com sua interpretação, mas nem a melhor interpretação do mundo pode mudar como Deus lhe fez e com isso nosso Lula na ficção ficou um pouco maior, se bem que o Lula atualmente está velho e com isso pode ter encolhido ao longo dos anos, vai saber....

Cine Curiosidades: Erva de Rato estreia no cine Santander


Sinopse:
Livremente inspirado em “A Causa Secreta” e “Um Esqueleto”, de Machado de Assis, A Erva do Rato funde dois elementos dos contos: a relação do homem com a morte e a incompreensível relação que estabelece com os animais. Ele e Ela caminham por um cemitério à beira-mar. Os pronomes são seus nomes. Ela, professora, com o pai morto há apenas três dias, não tem mais ninguém no mundo. Diante de tal situação, Ele se propõe a cuidar d’Ela enquanto for vivo. Este é o início de uma estranha relação.


Depois de ter estreado no festival de Veneza em 2008 e passado nos estados de São Paulo e Rio, finalmente chega na capital gaucha um dos titulos mais curiosos da temporada.
Dirigido por Julio Bressane e estrelado por um dos melhores atores da atualidade, esse filme tem toda a pinta de fazer um grande sucesso mesmo num circuito limitado. confiram.

Cine Santander Cultural

Rua Sete de Setembro, 1028 - Subsolo
Centro - - (51) 3287-5500/ 3287-5718

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Cine Curiosidades: Adeus a Herbert Richers


O produtor de cinema Herbert Richers, dono da empresa que leva o seu nome e foi uma das pioneiras no ramo de dublagens no Brasil, morreu hoje aos 86 no Rio.

Richers estava internado na Clínica São Vicente desde o último dia 8 e morreu em consequência de um problema renal.
O velório acontece hoje, a partir das 14h, na capela 1 do cemitério Memorial do Carmo, no Rio.
Richers nasceu em Araraquara, interior de São Paulo, em 11 de março de 1923 e se mudou para o Rio em 1942, onde fundou, em 1950, a companhia que leva seu nome.
Atualmente, a empresa possui um dos maiores estúdios de dublagem da América Latina e é responsável por grande parte dos filmes exibidos em português no país.
Os filmes dublados pela empresa são conhecidos pelo anúncio que diz "versão brasileira, Herbert Richers" ao início.

Cine Dicas: O que assistir no embalo de Lua Nova?

Com a chegada de Lua Nova no cinema, vampiros e lobisomens voltam as salas de cinema com a corda toda e com isso muitas pessoas irão procurar nas locadoras filmes com esses dois seres que são grandes icones dos filmes de horror, mas o que assistir?
Bom dicas de filmes de terror com esses seres não faltaram no mês de outubro com relação ao Dia das  Bruxas que eu fiz ao longo daqueles dias, mas um ali e outro aqui escapou, portanto solto duas dicas para assistir na boa, sem compromisso antes de assistir ao mega evento no cinema, confiram:

Um Lobisomen Americano em Paris
Inferior ao original, filme é nada menos que pura diversão.

Sinopse:
A filha de um lobisomem mora em Paris, onde sua mãe dela e o padrasto tentam curá-la da licantropia, que herdou geneticamente. Mas nem tudo corre como o planejado e ela tenta se suicidar saltando da Torre Eiffel, sendo salva por um americano que viaja através da Europa com dois amigos. Os dois se apaixonam, mas ele logo se envolve em uma sociedade secreta de lobisomens e uma droga que permite que os lobisomens se transformem, sem necessidade de lua cheia.


Deliberadamente moldado em cima do clássico, Um Lobisomem Americano em Londres, feito em 1981, está produção carrega mais no humor juvenil, nas trapalhadas do apaixonado Endy (o apatico Scott), mas não deixa de usar os velhos tradicionais cliches de filmes de horror, com efeitos modestos mas funcionais Waller fez uma criação fluente e divertida e com boas doses de violencia nos momentos certos.   
 
Curiosidades:
O orçamento de Um Lobisomem Americano em Paris foi de US$ 22 milhões.

TRINTA DIAS DE NOITE
Baseado nas HQ, filme retrata vampiros sem dó nem piedade

sinopse
:Barrow, Alasca. Durante os 30 dias do inverno local a cidade fica na mais completa escuridão. Neste período boa parte dos moradores viaja rumo ao sul, mas neste ano a cidade recebeu a visita de seres estranhos: um grupo de vampiros, que pretendem se aproveitar da noite constante para atacar os moradores locais. Para combatê-los um pequeno grupo é reunido, liderado pelo xerife Eben Oleson (Josh Hartnett) e por sua ex-esposa Stella (Melissa George).


Sam Raimi  leva as telas essa produção baseada numa famosa HQ. Aqui os vampiros não tem dó nem piedade com os protagonistas humanos e fazem uma verdadeira orgia de sangue representada numa cena vista de cima muito bem feita e chocante.Josh Hartnett é que mais se esforça para se destacar em meio aos sangue sugas e garante a nossa torcida. Tipico filme que grupos se isolam e se unem para sobreviver e que sabemos muito bem quem vai viver e quem vai morrer.  

Curiosidades:
Sam Raimi esteve interessado em dirigir 30 Dias de Noite em seu estágio inicial de produção, mas terminou por optar em ser apenas um dos produtores;

As filmagens duraram 70 dias, seguindo rigorosamente o cronograma previsto;
Gerou uma mini-série feita para a TV, chamada 30 Days of Night: Blood Trails (2007);
O orçamento de 30 Dias de Noite foi de US$ 32 milhões.

Cine Dicas: Estreias no final de semana

Bom, um final de semana diferente dos anteriores, isso porque a maioria irá somente ir para assistir um único filme, e esse é LUA NOVA. Não tem jeito, o filme é continuação do grande sucesso Crepúsculo que revitalizou (novamente) os vampiros no cinema e pelo visto, irá também revitalizar os lobisomens.
Semana que vem ou antes, irei falar do que achei desse filme que nada mais é do que um segundo capitulo dessa saga que virou uma mania sem precedentes.
Confiram as duas unicas estreias no grande circuito  neste final de semana em nossas terras gauchas

LUA NOVA

Sinopse:
Em 'A Saga Crepúsculo: Lua Nova', o segundo capítulo da fenomenal bem sucedida série de Stephenie Meyer, o romance entre vampiro e mortal é elevado a novo nível, quando Bella Swan (Kristen Stewart) tem que enfrentar seu destino pelo amor do vampiro Edward Cullen (Robert Pattinson). Como ela entra de cabeça nos mistérios do mundo sobrenatural que ela aspira em fazer parte, Bella descobre alguns segredos antigos que a coloca mais em perigo do que nunca.
Logo após Bella completar 18 anos, Edward decide deixá-la para trás em um esforço para protegê-la. Com uma tristeza inconsolável, Bella atravessa seu último ano de escola dormente e sozinha e descobre que ela pode chamar a imagem de Edward sempre que se coloca em perigo. Seu desejo em estar com ele a qualquer
custo a leva a assumir riscos cada vez maiores, incluindo um novo gosto por passeios de motocicleta em alta velocidade.
Com a ajuda de Jacob Black (Taylor Lautner), seu amigo de infância e um membro da misteriosa tribo Quileute, Bella reforma uma moto para suas aventuras. O coração congelado de Bella está gradualmente descongelando por sua relação de amizade com Jacob, que tem seu próprio segredo sobrenatural.
Quando Bella perambula sozinha em um prado, ela se vê cara a cara com um mortal adversário. Apenas a intervenção de uma matilha de lobos extraordinariamente grandes a salva de um terrível destino e o encontro torna assustadoramente claro que Bella ainda está em grave perigo. Em uma corrida contra o relógio, Bella descobre o segredo antigo da tribo Quileute e a verdadeira motivação de Edward para sair de sua vida. Ela também enfrenta a perspectiva de uma reunião com seu amado, que acaba sendo muito diferente e mais perigoso do que ela esperava.



QUANTO DURA O AMOR?

Sinopse
Três personagens em busca de alguém para amar dividem um endereço no conturbado coração de São Paulo. Recém chegada do interior, a aspirante a atriz Marina mergulha na noite sedutora da cidade sem calcular riscos. A advogada Suzana vive uma paixão promissora, mas guarda um segredo que pode mudar tudo. O romântico Jay, um escritor esquecido, tenta achar uma brecha em um coração de acesso difícil. Entre elevadores e elevados, esbarrões e tropeços, eles vão descobrir quanto dura o amor.






quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Cine Clássicos: ENTREVISTA COM O VAMPIRO

ANTES MESMO DA MANIA CREPUSCÚLO, ANNE RICE APRESENTOU VAMPIROS SEDUTORES AO MUNDO E LEVADOS AO CINEMA EM UM FILME FASCINANTE   

sinopse:
Acidentalmente um repórter (Christian Slater) começa uma conversa com um homem (Brad Pitt) que diz ser um vampiro com duzentos anos e conta a trajetória de sua vida, desde a época em que ainda não era vampiro e como foi infectado pelo vampiro Lestat (Tom Cruise), com quem teve grandes aventuras mas também grandes desavenças.


A polêmica adaptação do primeiro romance da trilogia sobre vampiros de Anne Rice revelou-se um espetaculo agradavel aos olhos, com bela produção de imagens impressionantes. O ritimo agil e a alternância de momentos de humor e cenas de sanguinolentas garantem o divertimento sem compromissos. Atenção para  a atriz mirim da época  Kirsten Dunst em sua consagração e reconhecimento perante ao publico em geral, em uma perfomasse arrazadora e premiada com o MTV Movie Wards de melhor revelação feminina.  

Curiosidades:
Quando Anne Rice escreveu o roteiro de Entrevista com o Vampiro ela tinha em mente o ator Rutger Hauer para interpretar o vampiro Lestat. Quando soube da contratação de Tom Cruise para o papel, Rice declarou estar profundamente desapontada com a escolha e que não acreditava que Cruise conseguiria dar a força dramática necessária ao personagem. Entretanto, após assistir ao filme concluído, a escritora voltou atrás e divulgou um pedido público de desculpas pelo julgamento antecipado de Tom Cruise feito por ela.

Em algumas cenas Cruise atuou em cima de uma plataforma/elevador, que o elevava a uma altura que diminuísse a diferença de tamanho entre ele e os demais atores que interpretaram vampiros no filme.




.

Cine Dicas: Novo Livro de Dan Brown já está nas melhores livrarias

O novo romance de Dan Brown, a esperada sequência ao fenômeno internacional O Código Da Vinci.

Depois de ter sobrevivido a uma explosão no Vaticano e a uma caçada humana em Paris, Robert Langdon está de volta com seus profundos conhecimentos de simbologia e sua brilhante habilidade para solucionar problemas. Em O Símbolo Perdido, o célebre professor de Harvard é convidado às pressas por seu amigo e mentor Peter Solomon – eminente maçom e filantropo – a dar uma palestra no Capitólio dos Estados Unidos. Ao chegar lá, descobre que caiu numa armadilha. Não há palestra nenhuma, Solomon está desaparecido e, ao que tudo indica, correndo grande perigo. Mal’akh, o sequestrador, acredita que os fundadores de Washington, a maioria deles mestres maçons, esconderam na cidade um tesouro capaz de dar poderes sobre-humanos a quem o encontrasse. E está convencido de que Langdon é a única pessoa que pode localizá-lo.
Vendo que essa é sua única chance de salvar Solomon, o simbologista se lança numa corrida alucinada pelos principais pontos da capital americana: o Capitólio, a Biblioteca do Congresso, a Catedral Nacional e o Centro de Apoio dos Museus Smithsonian. Neste labirinto de verdades ocultas, códigos maçônicos e símbolos escondidos, Langdon conta com a ajuda de Katherine, irmã de Peter e renomada cientista que investiga o poder que a mente humana tem de influenciar o mundo físico. O tempo está contra eles. E muitas outras pessoas parecem envolvidas nesta trama que ameaça a segurança nacional, entre elas Inoue Sato, autoridade máxima do Escritório de Segurança da CIA, e Warren Bellamy, responsável pela administração do Capitólio. Como Langdon já aprendeu em suas outras aventuras, quando se trata de segredos e poder, nunca se pode dizer ao certo de que lado cada um está.
Nas mãos de Dan Brown, Washington se revela tão fascinante quanto o Vaticano ou Paris. Em O Símbolo Perdido, ele desperta o interesse dos leitores por temas tão variados como ciência noética, teoria das supercordas e grandes obras de arte, os desafiando a abrir a mente para novos conhecimentos.


Bom, o meu está aqui no meu lado prontinho para ler, irei lelo ao longo dos dias nas viagens de trem quando for para o serviço e se tratando de ser de Dan Brown já posso imaginar que todos os igredientes que fizeram de O  Codigo da Vinci um fenômeno estaram todos lá. Infelismente com serteza o cinema irá querer fazer uma adaptação, mas se é para criar mais um filme vasio, assim como foi os dois ultimos então por favor engravatos da Columbia, não percam o seu tempo e não pensem que nos somos burros.

Cine Curiosidades: Sindicalistas assistiram ao filme de Lula por R$ 5


A Força Sindical e a CUT fizeram um acordo com a produtora do filme Lula, O Filho do Brasil para trabalhadores sindicalizados paguem R$ 5 reais pelo ingresso do filme para até duas pessoas.

Após a tumultuada exibição do filme ontem em Brasília, boatos circulam em todos os cantos dizendo que o filme agora teria custado em torno de R$ 16 milhões de reais. A oposição por sua vez só quer saber aonde saiu tanto dinheiro para fazer esse filme, ou seja, assunto é o que não irá faltar até dia 1 de janeiro de 2010.
  

Cine Dicas: Lua Nova em cartaz daqui algumas horas


Daqui a algumas horas, vampiros e lobisomens apaixonados irão invadir os cinemas com o mais novo capitulo da saga Crepúsculo. Interessante como um filme adaptado de um ótimo filme, que resultou numa película apenas regular resultasse numa mania sem precedentes que acabou desencadeando no retorno dos vampiros, não só no cinema como também nas livrarias, gibis e séries de tv. Com Lua Nova os lobisomens terão sua vez, o que eu acho isso bom, pois todos os monstros que fizeram sucesso no passado merecem sempre uma segunda chance, mesmo com uma nova roupagem.

O filme já estréia hoje a noite, confiram os horários da pré-estréia.



Cinesystem Total - Porto Alegre

Av. Cristovão Colombo, 545, Porto Alegre - RS, 90560-003
00:01
GNC Praia de Belas
R. Praia de Belas, 1181, Porto Alegre - RS, 90110-001
00:01
Cinemark Bourbon Ipiranga
Av. Ipiranga, 5200, Porto Alegre - RS, 90610-000
23:55 00:00
Cinemark Barra Sul
Av. diario de noticias, 300, Porto Alegre - RS, 90810-080
23:55 00:00 00:00
Cinemark Canoas
Av. Guilherme Schell, 6750, Canoas - RS, 92310-001

Cine Curiosidades: AVATAR: poster, trilha sonora, e duração

Avatar ganhou um novo e belo cartaz, produzido para o mercado francês.

Enquanto isso, caem na rede a duração do filme e o tracklist da trilha sonora.
Sobre a música do filme, soube-se há poucos dias que a cantora Leona Lewis ficaria responsável pela canção dos créditos finais, "I See You". Agora saem todas as faixas que estarão no CD da trilha, que chega às lojas no dia 15 de dezembro. O nome das faixas fornecem spoilers pesados sobre a trama - confira:


1. "You Don't Dream in Cryo…"
2. "Jake Enters His Avatar World"
3. "Pure Spirits of the Forest"
4. "The Bioluminescence of the Night"
5. "Becoming One of The People" / "Becoming One With Neytiri"
6. "Climbing Up - Iknimaya - The Path to Heaven"
7. "Jake's First Flight"
8. "Scorched Earth"
9. "Quaritch"
10. "The Destruction of Hometree"
11. "Shutting Down Grace's Lab"
12. "Gathering All the Na’vi Clans for Battle"
13. "War"
14. "I See You (Theme from Avatar)"


Já sobre a duração, foi o compositor James Horner que, em entrevista ao Reelz Channel, comentou: o filme tem quase três horas de duração. Imediatamente a Fox contatou o /Film para dizer que a metragem deve ficarmais próximas das duas horas e meia. Vamos aguardar o número exato.
Avatar estreia em 18 de dezembro.


Fonte: Omelete


Por fim, o mês de dezembro está chegando e a expectativa com relação a esse filme só aumenta cada vez mais. A Fox está agora fazendo um bom trabalho de divulgação, também pudera, se alguns dizem que esse filme é um dos mais caros da historia (R$ 500 Milhões de dólares) tem mais que trabalhar duro na divulgação.
Com relação ao tempo de duração do longa acredito que Cameron está disposto para seu filme ficar com mais de três horas de duração, o problema que os estúdios sempre ficam com certo receio com relação a filmes muito longos, vamos ver no que da.
Concluindo, eu pressinto que se esse filme fizer sucesso como alguns acreditam é muito provável que será o ponta pé definitivo para o publico em geral se interessar no Blu Ray, porque com certeza, se as pessoas se maravilharem com o filme em 3D no cinema, com certeza irão querer assistir o filme com a melhor qualidade de imagem possível, e esse novo formato é o que mais oferece.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Cine Clássicos: O Alto Da Compadecida

Do sucesso da tv, conto se tornou um grande clássico do cinema

sinopse:
As aventuras de João Grilo (Matheus Natchergaele), um sertanejo pobre e mentiroso, e Chicó (Selton Mello), o mais covarde dos homens. Ambos lutam pelo pão de cada dia e atravessam por vários episódios enganando a todos da pequena cidade em que vivem.


A terceira versão da peça clássica  de Ariano Suassuna e com serteza a melhor versão. A dupla Matheus Natchergaele e Selton Mello dão um verdadeiro show de interpretação arrancando risos a todo momento. Com efeitos visuais competentes para uma produção brasileira, o filme é primoroso em luz e cenários. Com participação especial de Fernanda Montenegro     

Curiosidades:
O Auto da Compadecida foi inicialmente produzida como uma minissérie de 4 capítulos, exibida na Rede Globo de Televisão em janeiro de 1998. Devido ao grande sucesso obtido, o diretor Guel Arraes e a Globo Filmes resolveram preparar uma versão para o cinema, que contém 100 minutos a menos que o tempo total da minissérie.
Trata-se do primeiro filme feito inteiramente pela Globo Filmes, desde a idéia até seu desenvolvimento.
 O Auto da Compadecida foi filmado em Cabaceiras, no sertão da Paraíba, uma cidade próxima a Taperoá, cidade em que as aventuras de João Grilo e Chicó são retratadas na peça teatral de Ariano Suassuna.
Apesar de já ter sido exibida gratuitamente na televisão, a versão para o cinema de O Auto da Compadecida foi um grande sucesso, tendo levado aos cinemas mais de 2 milhões de espectadores.

Cine Clássicos: O Inigma da Pirâmide

Com roteiro de Chris Columbus, para muitos é um dos filmes mais lembrados sobre o maior detetive do mundo

sinopse:
Em 1870, na Londres vitoriana, pessoas são acometidas de alucinações em virtude de serem atingidas por um dardo, com as visões as levando à morte. É dentro deste contexto que Sherlock Holmes (Nicholas Rowe) e John Watson (Alan Cox) se conhecem, quando ainda são adolescentes e estudam em uma escola pública inglesa, sendo que nesta mesma época Holmes soluciona seu primeiro caso.


Com o dinheiro no bolso que tinha, devido a sucessos como Tubarão e ET, Steven Spielberg obteve uma ótima carreira também como produtor, sendo responsável por inúmeros sucessos dos anos 80 como a trilogia De Volta para o Futuro. Aqui, com o um roteiro do futuro diretor do primeiro Harry Potter, ele cria uma fantástica aventura de como seria se Sherlock Holmes e Watson tivessem se conhecido na adolescência e na escola publica inglesa. Todos os igrendientes que fizeram desse personagem um grande sucesso da literatura estão lá, isso graças ao ótimo empenho da produção e do ator Nicholas Rowe (infelizmente esquecido) que aqui cria um ótimo Holmes. Curiosamente o filme somente termina mesmo quando todos os créditos sobem (algo raro na época) e revelando um final surpreendente. Outro momento inesquecível foi o cavaleiro do vitral da igreja, sendo que foi o primeiro personagem virtual da historia do cinema, feito por um dos estúdios de George Lucas que futuramente se tornaria o bem sucedido estúdio Pixar.

Curiosidades-
Como a falsa neve utilizada durante as filmagens de O Enigma da Pirâmide matou a grama da Universidade de Oxford, onde parte do filme fora rodado, o produtor Steven Spielberg reembolsou a universidade com a quantia gasta para a recuperação da grama local.

Cine Curiosidades: Estreia hoje no Festival de Brasilia Lula, o filho do Brasil


O 42º Festival de Cinema de Brasília, mais antigo festival do gênero no País, será aberto nesta teça-feira com a pré-estreia do filme "Lula, o Filho do Brasil", de Fábio Barreto, diretor que teve uma de suas obras - "O Quatrilho" - indicada para concorrer ao Oscar.

O filme conta a trajetória de Luis Inácio Lula da Silva desde a infância pobre em Pernambuco, passando pela migração para São Paulo na década de 1950, a carreira sindical e a consagração nas urnas.
O filme destaca ainda a difícil relação de Lula com o pai Aristides e a força da matriarca da família, Dona Lindu, que viajou para São Paulo levando os oito filhos para se reencontrar com o marido.
No elenco, Lula é interpretado pelo ator Rui Ricardo Dias, que é pouco conhecido pelo público, mas que já atuou em vários curtas-metragens. A mãe de Lula, Dona Lindu, é intepretada por Glória Pires. Cleo Pires interpreta Lourdes, a primeira esposa do presidente que faleceu após o aborto aos oito meses de gravidez do filho do casal. E Juliana Baroni interpreta a primeira-dama Marisa Letícia.
O longa foi inspirado no livro homônimo da jornalista e historiadora Denise Paraná, lançado em 2002. Será exibido nesta terça à noite no Teatro Nacional de Brasília para jornalistas e convidados e estreia nos cinemas em todo o país no dia 1º de janeiro de 2010.


Fábio Barreto se enfiou num verdadeiro vespeiro em dirigir e lançar esse filme justamente nas vésperas das eleições, principalmente pelo fato da oposição irá descer a lenha do inicio ao fim. Mas o filme não se trata em ajudar a Lula nem nada nas eleições, principalmente pelo fato que ano que vem ele não irá concorrer a nada, segundo as próprias palavras do diretor.
A meu ver o filme irá focar uma pessoa comum como nos e mostrar como essa pessoa comum chegou aonde chegou, bem aos moldes de outro grande sucesso do gênero como Dois Filhos de Francisco. Curiosamente o filme irá estrear na época que será obrigatório as empresas darem aos trabalhadores R$ 50,00 de vale cultura para serem gastos em cinema, DVD, livros e dentre outras coisas na área cultural, um beneficio mais do que justo porque o publico de classe média que irá desejar ir ver o filme no cinema terá certa dificuldade por causa dos preços dos ingressos, com esse vale acho mais do que justo que todas as classes vão ver o filme no cinema e de um grande impulso para que o cinema brasileiro seja mais e mais popular.


Cine Curiosidades: Disputa pelo Oscar de melhor longa de animação fica assirrada ano que vem

A disputa pelo Oscar de melhor animação já possui 20 candidatos à categoria. No entanto, apenas cinco serão escolhidos. Alguns já foram lançados no Brasil, como Monstros vs. Alienígenas e Up - Altas Venturas, outros ainda não possuem data de estreia, caso de A Town Called Panic e Mary and Max.



Sãe eles:

Alvin e os Esquilos 2
Astro Boy
Batalha por T.E.R.R.A.
Tá Chovendo Hambúrguer
Coraline
Os Fantasmas de Scrooge
The Dolphin – Story of a Dreamer
O Fantástico Sr. Raposo
A Era do Gelo 2
Mary and Max
The Missing Lynx
Monstros vs. Alienígenas
9 - A Salvação
Planeta 51
Ponyo
A Princesa e o Sapo
The Secret of Kells
Tinker Bell and the Lost Treasure
A Town Called Panic
Up - Altas Aventuras

Os Fantasmas de Scrooge, um dos concorrentes, está em cartaz nos cinemas brasileiros atualmente.
A cerimônia acontecerá em 7 de março do ano que vem, no Kodak Theater.

Fonte: Cinema em cena

Bom alguns títulos acima eu não vi ainda mas os outros que eu assisti como UP por exemplo são mais do que óbvios que irão disputar a estatueta. Contudo como serão cinco finalistas na proxima cerimonia talvez seja diferente também o vencedor desse próximo Oscar, porque todos esperam que novamente o estúdio Pixar ganhe por UP que cá para nos é uma grande obra prima e novamente o estúdio surpreende. Agora também não seria injusto que outro filme ganhasse como no caso de Coraline que estreou no inicio desse ano e me impressionou muito porque todas as marcas registradas do escritor inglês Neal Gaiman estão lá, desde personagens bizarros até a um clássico gato que o roteirista adora colocar em suas historias desde o tempo que escrevia Sandman. Portanto posso até ficar satisfeito com a vitoria de UP mas ficaria super feliz com a vitoria de Coraline.



sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Cine Clássicos: Independence Day

Com a chegada de 2012, vamos relembrar de quando começou essa "tara" do diretor  Roland Emmerich em destruir o mundo  

sinopse:
No dia 2 de julho os sistemas de comunicação do mundo inteiro se transformam em um caos, devido à uma estranha interferência atmosférica. Logo se descobre que enormes objetos estão em curso de colisão com a Terra. Inicialmente imagina-se que se tratam de meteoros, mas logo revela-se ser na verdade uma imensa nave espacial pilotada por alienígenas. Após frustradas tentativas de se comunicar com os extra-terrestres, um técnico em comunicação descobre que os seres do espaços estão usando os satélites terrestres para se comunicarem e iniciarem em menos de um dia um ataque conjunto nas principais cidades do planeta. No dia 3 de julho o ataque alienígena começa de forma esmagadora e nem armas nucleares conseguem destruir a blindagem protetora. Mas no dia 4 de julho surge uma possibilidade de vencer o invasor e nesta hora todas as nações precisam se unir, pois está em jogo a existência da raça humana.

O maior sucesso de bilheteria em 1996, porém, é frustante. Sem contar com uma produção milionária, o fraco diretor com tara de destruir tudo, faz de todos os meios para salvar um roteiro descabido, que levado a sério, contém piadas fora de hora e sequencias das mais absurdas, como a posição ufanista do presidente em querer combater os alienigenas com as propias mãos. Os famosos esfeitos especiais conseguem ser medianos e semelhantes aos primeiros filmes de Guerra nas Estrelas. De lá pra cá o diretor não foi melhor em outros filmes como Godzilla e O Dia Depois do Amanhã e agora com 2012, todos tem algo em comum, roteiros rasos e sem conteudo que agrade realmente.   

Curiosidades:
Durante a pré-produção, foram testadas cenas em que as naves alienígenas atacavam vários pontos turísticos espalhados ao redor do planeta. Um dos testados foi exatamente a estátua do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, mas a cena terminou sendo descartada por ter ficado muito desproporcional o tamanho da nave em relação ao tamanho da estátua.
Um dos prédios destruídos pelos alienígenas é um cinema que anuncia exatamente a exibição de Independence Day

Cina Clássicos: O Destino De Poseidon

FILME É UM OTIMO EXEMPLO EM UM TEMPO QUE SE FAZIA FILME CATASTROFE DE VERDADE

sinopse:
Em virtude de um maremoto, um transatlântico de luxo é atingido na véspera de Ano Novo por uma onda gigantesca, fazendo-o virar totalmente. Os sobreviventes do choque inicial são liderados pelo reverendo Frank Scott (Gene Hackman) e tentam escapar de qualquer maneira da embarcação.


Por conta dos efeitos especiais (premiados pela academia) e pelo ritimo imposto pelo diretor inglês Neame, é um envolvente exemplar de filme catastrofe, não obstante em esterótipos na composição dos personagens. Brilhante atuação da atriz Shelley Winters como a passageira que no passado foi uma otima nadadora.   

Curiosidades:
A atriz Shelley Winters chegou a treinar antes das filmagens com um técnico de natação, para fazer com sua interpretação em O Destino do Poseidon, em que interpreta uma nadadora premiada, fosse a mais realista possível..
Paul Gallico, autor do livro ao qual  O Destino do Poseidon foi baseado, escreveu a história inspirado por um incidente verídico, ocorrido com o próprio Queen Mary durante a 2ª Guerra Mundial. Certa vez, enquanto levava tropas americanas para a Europa, o navio foi atingido por uma onda gigante em pleno Atlântico Norte. Posteriormente foi calculado que se o navio tivesse girado mais 12,7 centímetros, ele teria virado que nem foi mostrado em O Destino do Poseidon